WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


CMFS - ECONOMIA DE VERBA - BANNER SITE POLÍTICA IN ROSA 729X90PX PMSE-BANNER 728x90- POLITICA IN ROSA - AÇÕES

:: ‘educação’

Alta do material escolar pode chegar a 30%

Contador e professor de Ciências Contábeis da Estácio, Alan Ribeiro

Contador e professor de Ciências Contábeis da Estácio, Alan Ribeiro – Foto: Divulgação/Ascom

Os gastos com material escolar vão pesar mais no bolso de pais e responsáveis. De acordo com a Associação Brasileira de Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares (ABFIAE), o aumento pode chegar a 30%, isso porque subiram os custos de indústrias e importadores com matérias-primas mais a variação do dólar. Para ajudar a reduzir as despesas, o contador e professor de Ciências Contábeis da Estácio, Alan Ribeiro, separou algumas recomendações.

“Uma das alternativas é reaproveitar os artigos que foram pouco utilizados no ano anterior, ou colocar em uso aqueles excedentes, como lápis de cor, borrachas, canetas, apontador e lapiseiras. Antes de sair às compras, faça uma lista dos itens que estão em bom estado de conservação, assim evita-se o desperdício”, indica o professor.

Para quem tem filhos com idades diferentes, é possível fazer um rodízio de materiais e livros didáticos. “Também vale a pena conversar com amigos e familiares e propor troca de livros e uniformes, estimulando o consumo consciente”, explica Alan Ribeiro.

Outra dica para reduzir os gastos com o orçamento escolar é realizar compras coletivas. “Converse com os pais dos colegas dos seus filhos e organizem uma compra coletiva, pois os produtos poderão ser comprados no atacado”, destaca.

O professor da Estácio ressalta que a pesquisa de preços é uma importante aliada. “Faça vários orçamentos, compare os preços e condições de pagamento e, se for pagar à vista, negocie, peça desconto”, recomenda. :: LEIA MAIS »

Feira de Santana ganhará quatro novos centros de educação infantil

CONSTRUCAO CRECHE CONDER - FOTO SARA SILVA - 08.12

CONSTRUCAO CRECHE CONDER – FOTO: SARA SILVA – 08.12

Quatro novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) aumentarão em 1.200 vagas a oferta de matrículas para a educação infantil em Feira de Santana. As unidades atenderão a crescente demanda dos bairros Mangabeira, Conceição, Campo do Gado Novo e 35 BI. As obras estão em fase final, com previsão de inauguração para o mês de fevereiro.

No último sábado, 22, foi publicado em edição do Diário Oficial Eletrônico o decreto que autoriza a criação dos Centros Municipais de Educação Infantil. São eles: CMEI Profº Edivaldo Machado Boaventura, no bairro Mangabeira; CMEI Profª Almira Oliveira Santos, no bairro Conceição II; CMEI Profª Cacilda Miranda Souza, no bairro Campo do Gado Novo; e CMEI Profª Vanda Pinheiro Franco, no bairro 35 BI.

Serão ofertadas vagas em tempo integral para crianças de dois e três anos, com todas as refeições garantidas pela unidade escolar. Já para os estudantes de quatro e cinco anos, as aulas acontecerão em apenas um turno (parcial).

As novas escolas são nomeadas em homenagem a professores feirenses e/ou que atuaram na cidade. A referência tem o objetivo de destacar os serviços prestados para a educação pública do município e a contribuição para a comunidade. :: LEIA MAIS »

Mata de São João tem primeira estação de sustentabilidade em escola

Mata de São João tem primeira estação de sustentabilidade em escola

Foto: Divulgação/PMMSJ

As secretarias de Educação (SEDUC) e de Obras e Serviços Públicos (SEOSP) de Mata de São João deram início ontem ao projeto de coleta seletiva de resíduos nas escolas do Município. O Colégio Municipal Monsenhor Barbosa (CMMB) foi a primeira unidade da Rede Municipal de ensino a ter uma estação de sustentabilidade, ou ecoponto, dentro do programa Educa + Recicla.

Além de promover a sustentabilidade, por meio de ações de educação ambiental, para as crianças das escolas municipais, o projeto tem como objetivo estimular a coleta seletiva e a reciclagem entre os alunos e as comunidades.

As estações ficarão nas áreas externas das unidades de ensino, para acesso de toda população. O Município vai instalar ecopontos em todas as 27 escolas de ensino Fundamental I e Fundamental II. Os locais são pontos de entrega voluntária de resíduos recicláveis de papel e papelão, vidro, metal, alumínio e plásticos.

De acordo com o Gerente de Serviços Públicos de Mata de São João, Anderson Sá, o projeto irá contribuir para que as crianças e todas as comunidades dos entornos construam valores sociais e ambientais. :: LEIA MAIS »

Estado transforma Bolsa Presença em política permanente e amplia valor do benefício

Estado transforma Bolsa Presença em política permanente e amplia valor do benefício

Foto: Foto: Claudionor Jr./SEC

O governador Rui Costa sancionou uma nova Lei, a de nº 14.396 de 16 de dezembro de 2021, que altera a Lei nº 14.310, de 24 de março de 2021, do Bolsa Presença. Com a publicação no Diário Oficial do Estado (DOE), desta sexta-feira (17), o programa, que teria vigência até o mês de dezembro deste ano, passa a ser permanente e reconhecido como uma política de Estado. Isto significa que o pagamento do auxílio financeiro para as famílias dos estudantes em condição de vulnerabilidade socioeconômica, previsto para acontecer no ano de 2021, será executado concomitantemente com o calendário letivo a partir de 2022.

Rui Costa destacou que a iniciativa é estratégica para assegurar a permanência dos alunos na escola. “Este é um benefício fundamental para o fortalecimento da nossa educação quando o país volta a enfrentar um cenário de extrema pobreza. Por isso, fizemos um esforço grande para consolidar o bolsa presença como um benefício permanente para aquelas famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade econômica e social. Por meio dessa iniciativa, o Estado consegue assegurar a permanência dos alunos na sala de aula. Assim, evitamos que estudantes deixem a escola em busca de algum tipo de renda para ajudar a família”.

Outra novidade é que além dos R$ 150,00 por família de estudante, regulamente matriculado na rede estadual de ensino, o valor do benefício será ampliado. Além dos R$150,00 por família, será acrescido R$ 50 por aluno, a partir do segundo aluno admitido no Programa.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, falou sobre o impacto desta iniciativa. “Esta decisão do governador Rui Costa é mais uma demonstração do zelo que ele tem com os estudantes e com suas famílias. Além de dar este suporte financeiro, neste momento de crise econômica que o país atravessa, transformar o Bolsa Presença em uma Política de Estado e disponibilizar recursos do próprio Tesouro Estado, revela também o cuidado com a aprendizagem, já que um dos critérios para receber o benefício é a permanência dos estudantes nas escolas”, afirmou. :: LEIA MAIS »

Nordeste apresenta índices preocupantes sobre evasão escolar

Nordeste apresenta índices preocupantes sobre evasão escolar

Foto: Divulgação/TCM-BA

Estudo sobre a Educação durante a pandemia, evidenciou as desigualdades regionais que permanecem inalteradas no país, apesar das políticas públicas. O levantamento mostrou que nem todos os municípios tiveram as mesmas condições de monitorar os estudantes e assegurar que mantivessem o vínculo com a escola desde março de 2020, quando do início da pandemia da Covid-19 e da implementação das medidas de isolamento social. A região Nordeste, como sempre, mostrou ser a mais frágil, e apresentou o índice mais preocupante: pelo menos 16% dos alunos do 9º ano, das redes municipais, foram identificados como “em risco de evasão” (a taxa média de participação na etapa foi de 84,4%). Até o 5º ano, 12% dos alunos, segundo a pesquisa, não tiveram contato frequente com as escolas (taxa média de participação de 88%). Estes números do Nordeste, são os mais baixos dentre as cinco regiões do país, de acordo com o levantamento.

O estudo sobre a “Permanência Escolar na Pandemia” (PEP) foi realizado pelos Tribunais de Contas (TCs), Comitê Técnico da Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB) e Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional (Iede). E revelou que, no 5º ano do Ensino Fundamental, a média de participação dos estudantes das redes municipais em aulas on-line e, ou, entregando as atividades propostas pelas escolas, foi de 92,5%. E no 9º ano, chegou a 90,1%. Os dados são referentes ao mês de abril de 2021, período marcado pelo ápice da segunda onda de Covid-19.

A boa notícia – em relação à Bahia – é que a rede de ensino do município de Caravelas, localizado no extremo sul da Bahia, foi destaque na pesquisa em razão das boas ações praticadas no controle de frequência dos alunos, o que assegurou a participação de todos, ou quase todos, os estudantes nas aulas (on-line ou presencial) ou na realização das atividades impressas disponibilizadas. A Secretaria de Educação atuou, durante o período do fechamento das escolas, em parceria com os agentes de saúde na busca dos alunos em risco de evasão escolar.

“Temos parceria com os agentes de saúde, que são importantíssimos, porque esses agentes já trabalham com essas famílias, já vão de casa em casa e eles têm um aparelho, que é um tablet, onde eles lançam todos os dados dessas famílias e aí a gente já está ali com esse trabalho de busca ativa porque teremos mais fácil acesso aos alunos que estão fora da escola, que não estão conseguindo fazer as atividades”, relatou a secretária de Educação do município, Jocivânia Caetano de Oliveira. :: LEIA MAIS »

Projeto “Partiu Testagem nas Escolas” tem 100% das amostras negativas para Covid-19 em Alagoinhas

Projeto “Partiu Testagem nas Escolas” tem 100% das amostras negativas para Covid-19 em Alagoinhas

Foto: Divulgação/PMA

A Prefeitura de Alagoinhas, através da Secretaria de Saúde (SESAU) e da Vigilância Epidemiológica, realizou, durante o mês de novembro de 2021, 179 testagens para a Covid-19 em alunos, professores e funcionários da rede pública estadual. Todos os resultados foram negativos.

De acordo com a Prefeitura, seguindo o calendário programado desde o início de novembro, os colégios estaduais Doutor Magalhães Neto, da Policia Militar e Luiz Navarro de Brito, passaram pela testagem por conta do projeto de Vigilância ativa Covid-19 na rede pública de educação do município de Alagoinhas, o Partiu Testagem nas Escolas. A iniciativa obedece as diretrizes do Governo do Estado da Bahia, onde até 20% da comunicação escolar deve ser testada.

Ainda de acordo com a Prefeitura, a ação que consiste na equipe de profissionais da saúde se deslocando às escolas estaduais para realizar testagem da comunidade escolar, tem como objetivo diminuir o risco de casos e surtos de Covid-19 na rede de educação. Por isso é importante que alunos, professores e os demais profissionais acolham a iniciativa e participem. :: LEIA MAIS »

Governo autoriza construção de escola de tempo integral em Dias D’Ávila

Governo autoriza construção de escola de tempo integral em Dias D’Ávila

Foto: Elói Corrêa/GOVBA

Mais uma escola de tempo integral será construída na Região Metropolitana de Salvador (RMS). O governador Rui Costa assinou ordem de serviço, nesta quinta-feira (18), para que a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder) realize as obras de implantação da unidade da rede estadual de ensino no município de Dias D’Ávila. “Será uma grande escola, um grande complexo cultural, educacional e esportivo. Uma escola de primeiro mundo”, destacou Rui.

Com investimento de R$ 22,5 milhões, a escola, localizada na Rua das Mangueiras, terá 36 salas de aula, campo society, auditório para 175 lugares, refeitório, piscina com arquibancada e vestiário. “Estamos chegando a R$ 2,5 bilhões em investimentos este ano, garantindo escolas de qualidade para oferecer aos professores e estudantes escolas com o perfil de educação em tempo integral”, afirmou o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues.

Concluindo o último ano do ensino médio, o estudante Emerson Cardoso não terá a oportunidade de ser aluno do novo colégio, mas ficou feliz de saber que a irmã, que está terminando o ensino fundamental, poderá ter acesso a uma estrutura de alto padrão. “Sabemos que a educação é o pilar da nossa sociedade, e agora os filhos da minha mãe e de outras famílias de Dias D’Ávila vão ter a oportunidade de estudar em uma escola boa”, pontuou Emerson. :: LEIA MAIS »

Partiu Estágio inicia prazo para apresentação de documentos

PARTIU ESTÁGIO

Foto: Reprodução

Segue até o dia 29 de novembro o prazo para apresentação dos universitários selecionados pela sexta convocação do Partiu Estágio. O chamamento ocorreu na última sexta-feira (12) e contempla 358 estudantes inscritos no edital 001/2021, que ofertou vagas para 63 órgãos da administração estadual. O período para apresentação é de dez dias úteis e teve início nesta terça-feira (16).

Os convocados receberão e-mail, com informações sobre o órgão de estágio e apresentação, que deve ocorrer dentro do prazo para assegurar acesso à vaga. O grupo ainda está sendo informado por meio de SMS e ligação telefônica – dados cadastrados na plataforma de inscrição. A lista completa dos selecionados pode ser consultada no site da Secretaria da Administração (Saeb).

Nesta convocação foram contemplados 36 órgãos, localizados em 13 municípios, que receberão estudantes de 24 cursos diferentes. Dúvidas sobre a seleção ou sobre as regras do programa devem ser encaminhadas para o e-mail partiuestagio@saeb.ba.gov.br.

Documentação exigida: :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia