WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


CMFS - AGORA E LEI - IDOSOS - BANNER SITE POLÍTICA IN ROSA 729X90PX

:: ‘ACM Neto’

José Ronaldo será coordenador-geral da minha campanha ao Governo da Bahia, anuncia ACM Neto

José Ronaldo, ACM Neto e Cacá Leão foto Anderson Dias site Política In Rosa

José Ronaldo, ACM Neto e Cacá Leão – Foto: Anderson Dias/Site Política In Rosa

O candidato a governador ACM Neto (União Brasil) anunciou que o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo (União Brasil), vai assumir a coordenação de sua campanha ao Governo da Bahia nas eleições de 2022. Durante evento realizado na manhã desta quarta-feira (10) em Feira, Neto enfatizou que a história política de José Ronaldo vai agregar muito na transformação do futuro do estado, e que sua presença é imprescindível nessa caminhada.

“Zé terá um papel fundamental na nossa campanha. E se Deus me der a oportunidade de me eleger governador do estado, Zé Ronaldo será o meu braço direito na condução da política da Bahia ao meu lado, do primeiro ao último dia de governo. E quando eu digo ao meu lado, é colado comigo na tomada de decisões”, afirmou.

O ex-prefeito de Salvador destacou pontos essenciais para explicar a importância do auxílio de José Ronaldo durante o processo até o dia 2 de outubro. O primeiro foi a representatividade do ex-prefeito na segunda maior cidade mais populosa do estado. “Feira de Santana é a razão principal da vida de Zé Ronaldo. Ele mudou a vida de Feira de Santana. Permitiu que a cidade vivesse uma história totalmente diferente nos últimos anos. Projetou essa Feira de hoje. Cidade moderna, que cresce, que alavanca o desenvolvimento de toda essa região”, disse. :: LEIA MAIS »

Secretária chama ACM Neto de covarde e garante que ele não terá seu voto: “Traição sórdida e rasteira”

Cintia Machado

Ex-vereadora e atual secretária de Habitação de Feira de Santana, Cintia Machado – Foto: Reprodução/Redes Sociais

A ex-vereadora e atual secretária de Habitação de Feira de Santana, Cintia Machado, utilizou suas redes sociais nesta quinta-feira (04) para externar sua indignação com a não indicação do ex-prefeito José Ronaldo para vice-governador na chapa encabeçada por ACM Neto para concorrer ao Governo da Bahia. Cintia fez duras críticas ao candidato do União Brasil e não escondeu a sua tristeza e decepção com a sua escolha. Neto anunciou Ana Coelho (Republicanos) como sua vice na tarde desta quinta-feira (4).

Cintia Machado citou como princípios imutáveis a lealdade, fidelidade e amizade, princípios esses que vem com a educação. “Ouvir o candidato ACM Neto falar em sua coletiva, como se nada tivesse acontecido, que o mais velho da chapa é ele que tem 43 anos. Como se isso fosse alguma coisa. Tenho 20 anos de vida pública e quero sempre ter ao meu lado os mais velhos porque eles sempre vão ter experiências que nós não temos. Eles sempre vão ter conselhos a nos dar”.

Ela chamou de “conversinha” a forma como ele descartou o ex-prefeito José Ronaldo de Carvalho. “Mas foi Ronaldo que colocou o seu nome há quatro anos a disposição quando ele não teve coragem. Foi covarde. Não foi candidato a governador porque sabia de como estavam as pesquisas. Mas o nosso ex-prefeito foi corajoso. Foi para ganhar ou perder”, externou.

Cintia lembrou que desde o início da pré-campanha foi Ronaldo quem levou a ACM Neto diversos prefeitos e que fez praticamente a sua campanha. “Muitos prefeitos nem queriam ficar com ACM Neto. E recebemos essa notícia de que uma mulher, que ninguém sabe quem é, nem conhece, com todo respeito a mulher, assume a vice. É ótimo uma mulher na chapa, mas também uma traição o que ele fez com José Ronaldo”.

A secretária espera que a cidade de Feira de Santana dê a resposta a Neto nas urnas, já que são mais de 400 mil feirenses votantes. “Somos nós que precisamos mostrar para ele que Feira de Santana é uma cidade que ele deveria respeitar. Ele mostrou não só falta de respeito pelo ex-prefeito José Ronaldo, mas pelo prefeito Colbert, por todos nós e pela cidade”, relatou. :: LEIA MAIS »

ACM Neto oficializa candidatura ao Governo da Bahia

ACM Neto oficializa candidatura ao Governo da Bahia

Foto: Divulgação/Ascom

Na manhã desta sexta-feira (05), a candidatura de ACM Neto ao Governo da Bahia foi oficializada durante a Convenção do União Brasil Bahia, realizada em Salvador. Durante a cerimônia, Neto foi presenteado com uma bandeira do estado, assinada por jovens de toda a Bahia. Emocionado, o candidato destacou que, nem em seus melhores sonhos, imaginou que seria um momento tão especial.

“Confesso a vocês que eu sempre, a minha vida inteira, sonhei com esse dia. Eu ficava imaginando, eu me perguntava, como seria o dia em que eu tivesse a oportunidade de apresentar ao meu povo uma candidatura ao Governo do Estado. Muitas coisas sempre passaram pela minha cabeça. Muitas coisas vinham do meu coração e geravam sonhos e expectativas. Mas eu confesso a vocês, eu jamais poderia imaginar que um dia eu estaria vivendo uma emoção tão grande como a emoção que eu estou vivendo hoje, aqui, ao lado de vocês”, falou à multidão que lotou o Centro de Convenções da capital baiana.

“Todo mundo sabe que eu sou um cara de muita fé. Então, eu tenho, antes de tudo, que agradecer a Deus. Porque foi Ele que me trouxe até aqui. É Ele que está me permitindo viver cada uma dessas emoções”, pontuou.

Em seu discurso, ACM Neto enfatizou que se preparou a vida inteira para assumir o cargo e enfrentar, com determinação e coragem, todos os problemas vividos pela população da Bahia. “Eu sonhei e me preparei. Eu acredito nisso, em trabalho duro, em correr atrás, em suar a camisa. Eu não sou produto do acaso. Eu não sou o resultado da vontade de um partido político. Não estou aqui escolhido e confirmado nessa convenção porque não tinha outro nome e, de repente, eu apareci. Eu estou aqui porque eu me preparei a vida toda para esse momento”, afirmou. :: LEIA MAIS »

Jerônimo Rodrigues manifesta solidariedade a Zé Ronaldo e critica ingratidão de ACM Neto mais uma vez

Jerônimo Rodrigues foto Anderson Dias site Política In Rosa

Jerônimo Rodrigues – Foto: Anderson Dias / Site Política In Rosa

O candidato a governador do Estado pelo PT, Jerônimo Rodrigues, manifestou solidariedade ao ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo, após o político ser excluído da chapa do ex-prefeito de Salvador, que anunciou como sua vice, a empresária e dona da TV Aratu, Ana Coelho (Republicanos), sobrinha do ex-governador e prefeito bolsonarista de Guanambi, Nilo Coelho.

“Me solidarizo com Zé Ronaldo pela história que ele tem na política baiana, com o respaldo que ele tem junto aos prefeitos do Portal do Sertão”, lamentou o postulante petista, na manhã desta sexta-feira (5), durante entrevista à Rádio Princesa FM, de Feira de Santana.

Para Jerônimo, o comportamento do seu adversário é algo corriqueiro, um estilo já conhecido e condenável na política. “O ex-prefeito mostrou mais uma vez quem ele é. Na eleição passada já tinha feito ato parecido com o próprio Zé Ronaldo quando lançou seu nome e não lhe prestou a atenção devida. Quantos do time da época do avô dele já foram limados na condução da política? Heraldo Rocha, Aleluia, Carlos Gaban, Imbassahy. Ele sempre será assim”, condenou o petista, ao afirmar que seu adversário nessas eleições fez uma opção por uma chapa comercial. :: LEIA MAIS »

Empresária é escolhida como vice de ACM Neto

Empresária é escolhida como vice de ACM Neto

Foto: Reprodução/Youtube

Na tarde desta quinta-feira (04), o ex-prefeito de Salvador e pré-candidato ao Governo do Estado, ACM Neto (UB), informou em entrevista coletiva que quem será candidata a vice-governadora em sua chapa é a empresária Ana Coelho (Republicanos).

Ana Coelho é uma das donas da TV Aratu, esposa do deputado estadual Tiago Correia (PSDB) e está filiada ao Republicanos.

Rui Costa diz que está curioso para saber se é verdade ou não que ACM Neto não vai a debate: “Ele já fugiu da eleição de 2018”

Rui Costa foto Anderson Dias site Política In Rosa

Governador Rui Costa – Foto: Anderson Dias/Site Política In Rosa

O governador Rui Costa, em entrevista coletiva nesta terça-feira (02) na cidade de Alagoinhas, disse que está curioso para saber se é verdade ou não que o pré-candidato ACM Neto não vai ao debate que haverá entre os candidatos na TV Bandeirantes, que está previsto para acontecer no próximo domingo (7).

“Só estou curioso para saber se é verdade ou não que ele vai fugir do debate. Ele já fugiu da eleição de 2018. Ele disse que era candidato, ficou com medo e caiu fora. Não sei se ele está com medo novamente”, disse.

Rui ainda disse que não acredita que ele vá fugir mais uma vez. “Se ele negasse a participar do debate, seria uma demonstração da sua fragilidade, da sua inconsistência e da prova de que ele não conhece nada da Bahia. Não acredito que essa notícia seja verdadeira. Estou ansioso para ouvir nota oficial da campanha dele para saber se ele vai fugir ou vai comparecer ao debate”, afirmou.

A assessoria de ACM Neto confirmou na segunda-feira (01) que o mesmo não vai participar do debate que abre a corrida eleitoral no Estado e que a sua ausência será em função de uma “extensa agenda de campanha” que foi firmada anteriormente na capital e no interior.

Filiado ao PSD, prefeito de Muritiba declara apoio a ACM Neto

Filiado ao PSD, prefeito de Muritiba declara apoio a ACM Neto

Foto: Divulgação/Ascom

O pré-candidato a governador ACM Neto (União Brasil) recebeu nesta terça-feira (2) o apoio de mais um prefeito filiado ao PSD, partido que integra a base governista. Danilo de Babão, do município de Muritiba, no Recôncavo baiano, que tem 43 anos, assim como Neto, disse que a juventude do ex-prefeito de Salvador ajudará a Bahia a retomar o seu protagonismo.

“Neto foi uma inspiração para todos os prefeitos do Brasil, escolhido diversas vezes como o melhor gestor do país e uma liderança política com novo perfil. Acredito muito no trabalho dele e tenho certeza que o belíssimo trabalho realizado na nossa capital será feito também pela Bahia e por Muritiba”, disse o prefeito ao anunciar apoio.

Danilo de Babão é o terceiro prefeito filiado ao PSD a anunciar adesão ao grupo de ACM Neto em menos de 24 horas. Na segunda-feira, Heráclito Arandas, de Jaguaripe, outra cidade do Recôncavo, anunciou apoio. E na manhã desta terça-feira, o gestor Paulo Sérgio Oliveira, de Adustina, também esteve com o pré-candidato do União Brasil. :: LEIA MAIS »

“Quando o prefeito não é de partido aliado, o governo vira as costas para a cidade e prejudica o povo”, critica ACM Neto

“Quando o prefeito não é de partido aliado, o governo vira as costas para a cidade e prejudica o povo”, critica ACM Neto

Foto: Divulgação/Ascom

O pré-candidato a governador ACM Neto (União Brasil) criticou nesta quinta-feira (28) a postura do governo do estado diante das cidades cujos prefeitos não são de partidos aliados. De acordo com ele, o governo simplesmente vira as contas e fecha os olhos para o município. É o caso de Umburanas, no Norte baiano, que tem Roberto Bruno (União Brasil) como prefeito desde 2016.

Acompanhado do pré-candidato ao Senado Cacá Leão (PP), Neto visitou a cidade nesta quinta. “Esses, que comandam a Bahia há 16 anos, fizeram isso com muitas cidades nesse período, apenas porque o povo não escolheu um prefeito do mesmo partido do governador”, disse.

O encontro reuniu também outros prefeitos da região, como Louro Maia (União Brasil), de Filadélfia, Candinho Guirra (PP), de Caldeirão Grande, e Joãozinho (União Brasil), de Várzea Nova. O vice-prefeito de Umburanas, Sorlando Duque (União Brasil), também esteve presente, assim como o presidente da Câmara Municipal, Sostinho (União Brasil).

“Isso é um absurdo, porque quando o governo dá as costas e fecha os olhos para a cidade ele está prejudicando o povo. Não prejudica o prefeito ou o vereador. Quando o governo ignora Umburanas, Filadélfia, Caldeirão Grande e Várzea Nova, ele prejudica quem vive nessas cidades. Mas quero dizer a vocês: essa luta valerá a pena e será vitoriosa. Se Deus me permitir ser eleito, vamos recuperar todo esse tempo perdido. Vamos fazer o que o PT não fez em 16 anos”, afirmou Neto.

Em seu discurso, o prefeito Roberto Bruno lamentou o distanciamento do governo. “Infelizmente, há 16 anos Umburanas não sabe o que é ter a presença do estado. Umburanas para eles não existe. As obras mais importantes, como o sistema de abastecimento de água e a estrada, foram feitas antes do PT. Para mim, é inaceitável que o governo feche os olhos para uma cidade tão carente como é a nossa”, disse. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia