WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


CMFS - ECONOMIA DE VERBA - BANNER SITE POLÍTICA IN ROSA 729X90PX PMSE-BANNER 728x90- POLITICA IN ROSA - AÇÕES

:: ‘Vereador Roberto Tourinho’

Após sete mandatos, Beto Tourinho se despede do Legislativo feirense

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

Após sete mandatos e mais de 30 anos como vereador, o advogado Roberto Tourinho (PSB) está se despedindo da Câmara Municipal de Feira de Santana, onde chegou aos 24 anos de idade (atualmente está com 56). “Aqui aprendemos todos os dias”, disse ele, nesta terça (15), na última sessão ordinária da atual legislatura.

Beto afirmou que deixa o parlamento “alegre, satisfeito e sem nenhum sentimento ruim, onde travei embates sobre pontos de vista diferentes”.  Ele agradeceu à família, aos servidores da Casa da Cidadania e ao povo, de quem se considera devedor, sempre eleito “pelo voto de opinião”.

Tourinho, que concorreu à Prefeitura nas eleições deste ano pela primeira vez, disse acreditar que renovaria o mandato no Legislativo. “Mas sentimos que estava na hora de apresentar nossas ideias à cidade. Tudo na vida temos de acreditar”. :: LEIA MAIS »

Roberto Tourinho propõe criação de Superintendência de Mobilidade Urbana

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PSB)

Uma superintendência destinada a planejar políticas públicas de mobilidade urbana e executar ações para garantir a acessibilidade das pessoas com deficiência aos mais diversos locais, em Feira de Santana, está sendo proposta pelo vereador Roberto Tourinho (PSB) ao Governo Municipal.  Em discurso nesta segunda (07), na Câmara, ele defendeu que um órgão nessa área promoveria medidas de ampliação da acessibilidade e inclusão social entre os feirenses. “O Município necessita de ações concretas e integradas que promovam a inclusão, tanto para mulheres, quanto para a comunidade LGBTQ+ e para os cidadãos com deficiência”, argumenta.

Políticas Públicas para Mulheres

Tourinho aproveitou para afirmar que a criação da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, inicialmente um projeto desenvolvido em seu plano de governo, foi “incorporado” à plataforma do candidato reeleito, o prefeito Colbert Martins Filho (MDB), após uma suposta pesquisa que apontaria a rejeição dele no eleitorado feminino. Entretanto, ainda que considere o ato como “oportunismo político”, o vereador garantiu que votará favorável ao projeto do Executivo em tramitação na Casa propondo a criação da pasta. :: LEIA MAIS »

Vereador informa que base da Guarda Municipal no Centro de Abastecimento foi desativada

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

O vereador Roberto Tourinho (PSB), em seu pronunciamento na manhã desta terça-feira (03), na Câmara Municipal de Feira de Santana, informou que a base da Guarda Municipal que funcionava no Centro de Abastecimento foi desativada pela Prefeitura de Feira de Santana.

Tourinho lamentou a medida, considerou o ato “irresponsável” e disse que é uma “contribuição para o aumento da violência”, no maior entreposto comercial do interior da Bahia.

Para Beto Tourinho, a presença da instituição vinculada à Secretaria de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos do Município (Seprev) era uma colaboração importante para a proteção dos mais de 2 mil comerciantes em atividade naquele espaço e seus mais de 10 mil clientes diários. :: LEIA MAIS »

Roberto Tourinho denuncia abandono do Campo do Gado

Foto: Divulgação / Ascom

O vereador Roberto Tourinho (PSB), em seu discurso na manhã desta terça-feira (06), na Câmara Municipal de Feira de Santana, criticou as ações da Prefeitura de Feira de Santana com relação ao destino dado às barracas retiradas do centro da cidade. “As barracas estão sendo despejadas no Campo do Gado e em alguns bairros de Feira. O local está virando um verdadeiro depósito a céu aberto. Essa é a gestão do prefeito Colbert Martins Filho, que não gosta de gente, que é preguiçoso e não sabe trabalhar pelo povo. O campo do gado, um importante entreposto comercial e cultural para a nossa cidade está abandonado”, afirma.

Tourinho destacou a difícil realidade enfrentada pelos guardas municipais. Segundo ele, “a guarda municipal sofre com a desvalorização e falta de condições de trabalho, com coletes vencidos e defasagem nos valores do ticket refeição, dentre outras dificuldades. A prefeitura desdenha da população e dos seus servidores”, comentou. :: LEIA MAIS »

Município deve realizar censo da população surda, defende vereador

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PSB)

O vereador Roberto Tourinho (PSB) em pronunciamento nesta segunda-feira (21), na Câmara Municipal de Feira de Santana, defendeu a realização de um censo para identificar o número de pessoas surdas em Feira de Santana. O edil ressaltou que é fundamental para que esta população receba o apoio necessário do poder público e os devidos investimentos com vistas a acessibilidade a serviços específicos.

Segundo Roberto Tourinho, o município enfrenta várias carências, em se tratando de políticas públicas para este segmento, dentre as quais uma Central de Intérprete de Libras.

No Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência, comemorado hoje, Roberto Tourinho ratificou a importância de facilitar, assegurar e garantir os direitos desses cidadãos e criticou pronunciamentos do Governo Municipal, em meio à pandemia da Covid-19, sem a participação do intérprete de Libras. :: LEIA MAIS »

Vereador defende que Centro de Abastecimento volte ser autarquia municipal

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PSB)

O vereador Roberto Tourinho (PSB) em seu discurso nesta segunda-feira (24), na Câmara Municipal de Feira de Santana, defendeu que o Centro de Abastecimento volte a ser uma autarquia municipal, como foi no passado. A proposta de Tourinho tem como forma de revitalizar o entreposto, maior do gênero no interior da Bahia.

Filho do ex-prefeito José Falcão (in memoriam), em cuja administração o Centro de Abastecimento foi construído, Tourinho afirma que com autonomia administrativa, o equipamento investiria a sua renda na própria infraestrutura e seria uma medida para “resgatar a dignidade”.

Beto Tourinho ainda disse que causa tristeza ver “a situação de abandono” no local.  “Lama, sujeira, drogas, prostituição, pequenos delitos, assaltos e até mesmo homicídios já aconteceram no interior do Centro de Abastecimento. Os comerciantes estão acumulando prejuízos. A administração faz de conta que cuida do centro, mas estes comerciantes estão entregues à própria sorte, completamente abandonados e esquecidos”. :: LEIA MAIS »

“Se botar Ron para o caixão, depois aguarde. Quem mandou não vai não, vai a família toda”

Vereador Ron do Povo

Vereador Ron do Povo (MDB)

O clima esquentou na sessão desta quarta-feira (05), na Câmara Municipal de Feira de Santana. O vereador Ron do Povo (MDB), usando a tribuna, afirmou que observa muitas coisas que ele vê na Casa, mas que não fala nada seguindo conselhos de sua colega, a ex-vereadora Cíntia Machado.

Logo após, o edil se dirigiu ao vereador Roberto Tourinho (PSB), acusando-o de atacar os colegas, o ex-prefeito José Ronaldo e também o atual prefeito Colbert Martins Filho. “Mas ele não olha para as calças que veste, para as coisas que faz e que tem feito no governo do ex-prefeito José Ronaldo. Ron ainda lembrou a denúncia feita sobre a venda do terreno do Atacadão as margens da BR-324. “Quando houve a denúncia da venda do terreno do Atacadão na BR-324, teve colega que disse que iria me dar as provas para que eu denunciasse. Na época a notícia era de que havia colegas vereadores envolvidos. Mas o vereador não teve coragem de me dar”, disse.

Ron ainda pediu mais respeito por parte do vereador Roberto Tourinho com os colegas vereadores. “Se somos quadrilha, o senhor fez parte da quadrilha. O senhor é frio e calculista, vereador. Mas se no Micareta o senhor se bater comigo, a gente vai conversar particular porque o senhor ofende chamando aqui de cachorro, de mau-caráter, de moleque, mas tem que ter mais respeito aos colegas vereadores, ao prefeito e ao ex-prefeito”, ameaçou.

O edil ainda admitiu que não consegue debater com Tourinho e que gostaria de ter um pouco da sua inteligência. “Queria ter só um pouco da sua inteligência, mas Deus sabe de tudo. Deus está me dando força, sabedoria e paciência porque tem vereador aqui que não tem coragem de falar. Estamos nesse mundo de passagem. Tem muitos aqui que o poder, o dinheiro e as indicações que tem é tudo nessa vida, mas eu quero honrar a Deus, aos meus pais e ao meu povo. Não quero estar com conversa bonita, prometendo, levando e fazendo as pessoas ir de contra as outras através da lábia e da conversa bonita. Aqui não tem ninguém tabaréu, ninguém besta, mas o senhor também é malandro. Como o senhor falou que aqui tem muito malandro, o senhor também faz parte da malandragem”, disparou.

O vereador ainda acusou Tourinho de ser conivente de “muitas coisas”. “O senhor foi conivente de muitas coisas em seus mandatos. O senhor sabe o que tem e o que não tem na Secretaria. Por isso que o senhor mexe em muitas coisas. Mas o senhor é judas e traíra. Eu com provas iriamos para briga, para o pau. Estou no primeiro mandato, mas tenho coragem, atitude e respeito”, disse.

Ainda de acordo com Ron, Tourinho foi muito ajudado pelo ex-prefeito José Ronaldo. “A gente tem que ter caráter, tem que ser homem e honrar as calças que vestimos. O senhor (Roberto Tourinho) foi muito ajudado pelo ex-prefeito José Ronaldo e sabe disso. O que não pode é o senhor chega aqui chamando a gente de malandro. Se somos, o senhor fez parte da malandragem então. E agora está jogando tudo para o alto. Sou o vereador mais jovem, mas de palavra e não tenho medo da morte. Já vivi, tenho honra ao meu povo e quem me ameaçar, venha me ameaçar. Agora, se botar “Ron” para o caixão (sic), depois aguarde. Quem mandou não vai não, vai a família toda. Mandei o recado, tá?”, disparou.

Roberto Tourinho responde as “ameaças” de Ron do Povo e faz desafio a colegas da Casa

Vereadores Roberto Tourinho e Ron do Povo - site Política In Rosa

.

Logo após a fala do vereador Ron do Povo (MDB), em que ele faz “ameaças”, o vereador Roberto Tourinho (PSB) pediu pela ordem e respondeu o colega. “Presidente, confesso que não entendi discursos de ameaça, de morte, de me bato lá fora e tal. Confesso que as academias estão fechadas. Aqui é a Câmara de Vereadores”, afirmou o vereador.

Sobre as acusações de Ron a respeito da construção do Atacadão as margens da BR-324, Tourinho desafiou. “Já disse e repito, porque não criar uma CPI para apurar o licenciamento do Atacadão? Façam e deem entrada no pedido de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o assunto. Quero ser o primeiro a ser ouvido nesse pedido de CPI. No mais, tenho sete mandatos, o povo me elegeu e reelegeu e não preciso provar absolutamente nada para ninguém da minha história e da minha integridade”, disse Roberto Tourinho.

Resposta de Nery

O vereador Alberto Nery (PT) também não gostou da forma como Ron do Povo se expressou. O petista disse que tem um carinho pelo edil Ron e ressaltou que o debate que se dá na Casa não é de caráter e nem de ordem pessoal. “Que ele retire o que disse principalmente quando desafia o outro para resolver as coisas “lá fora”. Penso que essa não seja a forma de conduzir a situação. Aqui o debate é político. Não estamos debatendo questão de ordem pessoal. Se houve infelicidade na fala do vereador Roberto Tourinho, não é motivo para um tentar desafiar o outro. Ninguém aqui é mais homem do que ninguém. Sou um cara que tenho uma idade mais elevada, mas homem nenhum me desafia”, falou o vereador não escondendo a sua chateação.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia