WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Sarampo

:: ‘Vereadora Eremita Mota’

Vereadora fala sobre o Dia do Professor e as dificuldades das escolas públicas

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota – Foto: Divulgação

A vereadora Eremita Mota (PSDB) em seu discurso na sessão ordinária desta segunda-feira (14), na Câmara Municipal de Feira de Santana, registrou o Dia do Professor que é neste 15 de outubro. “Essa é uma data em reconhecimento ao grande trabalho que essa categoria tão importante desenvolve no país. O professor é fundamental na formação e capacitação de pessoas”, afirmou.

A vereadora citou em sua fala que na cidade de Lauro de Freitas, na Bahia, a maioria das escolas funcionam agora em tempo integral. “Fiquei encantada de ver aqui na Bahia, tão perto da gente, ser realizado um trabalho maravilhoso como esse. Eu acredito que esse é papel dos governos, fazer com que as crianças aprendam na escola tirando-as de coisas que podem trazer prejuízo e dando aos professores melhores condições de trabalho”, explicou. :: LEIA MAIS »

Eremita Mota demonstra preocupação com cortes na Educação

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) subiu a tribuna nesta segunda-feira (02), na Câmara Municipal de Feira de Santana, para tratar de um assunto delicado. A vereadora falou sobre os recorrentes cortes de verbas para a educação. “Foram ao todo R$ 914 milhões em políticas específicas para o seu desenvolvimento. E ontem aconteceu mais um corte. O que ajudava os alunos medalhistas das Olimpíadas de Matemática. Eles recebiam R$ 400,00 como ajuda do Governo assim que ingressava no nível superior”, lamentou.

Segundo a vereadora, o conceito de educação está ameaçado em todos os lugares. Aqui em Feira de Santana não é diferente. “Como presidente da Comissão de Educação e Cultura da Casa estou realizando visitas nas escolas municipais já que a educação básica é o alicerce para qualquer indivíduo crescer e ser bem sucedido. É ela que vai deixar o aluno pronto para enfrentar os cursos que querem fazer e suas profissões específicas”, explicou.

Eremita ainda destacou a importância de se trazer a sociedade para participar de todo esse processo. “Mas eu entendo que às vezes por conta da labuta dos pais e mães de família eles não têm condição dessa participação e há aqueles que têm o interesse e não são convidados para participar”, afirmou. Para a vereadora, é daí que vem uma das falhas no sistema escolar. :: LEIA MAIS »

Eremita Mota lamenta média baixa no Ideb de Feira de Santana

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

Na primeira sessão ordinária do segundo semestre, que aconteceu na manhã desta segunda-feira (05), na Câmara Municipal de Feira de Santana, a vereadora Eremita Mota (PSDB) falou sobre o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de Feira de Santana em 2017. Segundo a vereadora, a cidade alcançou a média 4 considerada como um dos piores índices de educação entre os dez maiores municípios da Bahia. “Há oito anos a cidade não atinge as metas do Ideb. Eu como professora lamento essa situação. Desde 2005 vejo isso na educação pública. E a cada dia que passa piora e não vemos empenho para os problemas serem resolvidos”, lamentou.

Com a falta de uma maior estrutura no ensino público, o resultado, ainda de acordo com a vereadora, que é também presidente da Comissão de Educação e Cultura da Casa, são as escolas vazias. “A evasão escolar só cresce. Os alunos se afastam da escola por qualquer motivo. Como consequência é esse número vergonhoso no Ideb da cidade”, afirmou.

Eremita lembrou ainda uma entrevista da ex-secretária de Educação, Jayana Ribeiro, em que ela falava sobre em estrutura das unidades escolares. “Uma escola construída de maneira adequada para os alunos é claro que faz diferença, mas tem que ter condição daquela estrutura construída funcionar do professor até o serviços gerais”, finalizou.

Presidente do PSDB Feira diz que João Gualberto será o futuro prefeito de Salvador

Presidente do PSDB Feira diz que João Gualberto será o futuro prefeito de Salvador

Foto: Reprodução

A vereadora Eremita Mota participou, na manhã da última sexta-feira (26), da convenção estadual do PSDB. O evento aconteceu no Shopping Salvador Business e elegeu o deputado federal Adolfo Viana como o presidente do diretório estadual da legenda. Eremita foi também reconduzida a presidência estadual do PSDB Mulher. “Quero parabenizar a todos pela força que esse partido tem e pedir a Deus que essa força continue.  Que todos nós possamos nos comprometer mais para que o PSDB seja mais forte”, disse.

A vereadora não escondeu a felicidade em ter sido mais uma vez escolhida para ser a cara desse  setor tão importante do partido que cuida da mulher baiana. Eremita agradeceu ao ex-deputado federal João Gualberto por ter lhe convidado para fazer parte da legenda e ter confiado nela para estar à frente da presidência estadual do PSDB Mulher e do diretório municipal do partido na cidade de Feira de Santana.

Eleições 2020

A presidente do PSDB Feira de Santana e do PSDB Mulher no Estado, Eremita Mota, ao discursar saudou todas as autoridades presentes em nome do ex-deputado federal João Gualberto, a quem ela se referiu como “futuro prefeito de Salvador”. Após sua fala, os correligionários aplaudiram. Fica os questionamentos: será que João Gualberto será realmente candidato? Se sim, como ficará a relação entre ele e ACM Neto? E em Feira de Santana, o PSDB lançará candidato ao Executivo? Vamos aguardar.

“Às vezes, o político se permite ser apiado”, diz vereadora

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB), em seu discurso na sessão ordinária desta terça-feira (16), na Câmara Municipal de Feira de Santana, usou metáforas e histórias da sua infância para dizer que continuará com sua postura independente no Legislativo feirense. A edil fez a leitura de um pensamento de Douglas Coelho, que diz que as pessoas não devem depender de outras para fazer suas escolhas. “Aprendi isso com meu pai que era um agricultor. Às vezes, o político se permite ser apiado (peões usam esta palavra como sinônimo montar). A vida pública é comparada a isso. Comigo é diferente. Quando me candidatei adotei a ideia de que deveria andar com minhas próprias pernas e se não chegar ao 5º mandato não dependo disso aqui para viver. Se eu não ganhar a eleição, tenho certeza de que Feira de Santana sempre lembrará de Eremita”, afirmou a vereadora.

Eremita destacou ainda que consegue circular em todos os meios. “Eu fui convidada, por exemplo, para um evento do PT e o convite aconteceu pessoalmente”, disse a vereadora.

A edil pediu ainda aos colegas que a deixassem em paz e parassem de procurar saber da sua vida, principalmente a pessoal. “Não adianta ficar buscando informações da minha vida, até mesmo da minha vida particular. Se meu brilho está ofuscando alguém na política, tomem conta da sua vida, pois já vi muita gente naufragar porque cuidou da vida do outro. Eu cuido da vida do outro porque gosto de cuidar do outro e não da vida dele”, finalizou.

Vereadora diz que Feira de Santana merece pessoas novas para a cidade progredir mais

Vereadora Eremita Mota - foto Política In Rosa

Vereadora Eremita Mota (PSDB) – Foto: Política In Rosa

A vereadora Eremita Mota (PSDB) disse em entrevista ao site Política In Rosa, que Feira de Santana necessita de mudanças. “Não tenho nomes, não especifiquei quem deve ser ou não a mudança. Só disse que Feira de Santana merece que venha pessoas novas para a cidade progredir mais e mais”, disse.

De acordo com Eremita, a política foi feita para haver união e que está na hora de entrar o novo, um nome diferente e que queira o avanço de Feira. “Quem já foi candidato e não logrou êxito nem merece mais. Toda vez colocar o mesmo? Quem perdeu a eleição naquele ano fica por trás dizendo que vai trabalhar nos bastidores e detendo o poder através de qualquer moeda de troca”, relatou.

Questionada se o novo seria o vereador Roberto Tourinho, Eremita disse que é um bom nome e irá pedir para ele ser candidato. “Meu discurso não foi direcionado para ninguém, mas, se for Roberto Tourinho será um nome maravilhoso para ser o futuro prefeito de Feira de Santana”, finalizou.

Vereadora pede que secretária saia da cadeira e vá ver a realidade das escolas

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) em seu pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, na manhã desta terça-feira (13), falou sobre a greve dos professores da rede municipal de ensino. Eremita ainda relatou que o prefeito atendeu bem a APLB, e considerou o encontro como proveitosa já que algumas reivindicações que não estavam na pauta da greve foram discutidas com Colbert Martins.

Eremita Mota relatou que disse ao prefeito que pretende fazer visitas nas escolas do Município para saber as demandas e dificuldades que estão existindo em cada uma. A vereadora ainda criticou a atual secretária de Educação, Jayana Ribeiro. “Ser secretária, ficar ali na Secretaria ganhando seu dinheiro, de pose é bonito. Sai da cadeira e vai ver a realidade das escolas fazendo visitas ao invés de ficar acreditando em picuinha de quem puxa-saco. Competência está no agir. A pessoa pode ter a cabeça cheia de conhecimento, mas na hora de colocar aquilo tudo em prática, nada”, criticou.

Eremita fala sobre importância de se ter educação de qualidade

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

Falando sobre educação, a vereadora Eremita Mota destacou a necessidade de se fazer maiores investimentos nessa área para que o Brasil dê as suas crianças melhores condições de vida e mais oportunidade de futuro. O discurso da vereadora aconteceu na manhã desta terça-feira (26) na Câmara Municipal de Feira de Santana. “A cada dia se reafirma a enorme necessidade de investimentos para que tenhamos uma qualidade de ensino nas escolas públicas. Isso para que possamos melhorar as desigualdades sociais que a cada dia só faz aumentar”, afirmou a vereadora.

Ainda de acordo com Eremita, não adianta ter prédios bonitos se não investir no professor e em sua especialização. “Não adianta termos belos prédios se não temos bons professores. É preciso investir no professor principalmente. Ele sendo valorizado dá uma boa aula até mesmo debaixo de uma árvore”, afirmou.

Eremita citou como exemplo uma mãe que veio procurá-la dizendo que os seus filhos sempre haviam estudado em escola particular e que neste ano ainda não estão em sala de aula porque ela não pode pagar. “Questionei porque ela não os colocava em uma escola pública e ela me respondeu que preferia deixá-los em casa. Isso é triste”, lamentou.

Vereadora diz que faz parte da bancada, mas que isso não a faz ser “capacho de chefe”

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) disse que ouviu de alguns colegas que ela não fazia parte da bancada governista e que por esse motivo não “a levariam nas costas”. O discurso da vereadora aconteceu na manhã desta terça-feira (19), na Câmara Municipal de Feira de Santana. “Faço parte da base e o prefeito Colbert sabe da minha posição. Tenho conversado muito e sei que ele me entendeu”, disse. Eremita explicou que faz sim parte da bancada, mas que isso não a faz ser “capacho de chefe”. “Digo a quem interessar possa que uma das minhas maiores características é ter posicionamento. Estou no quarto mandato, nunca tive uma votação menor. Ela só fez crescer. E ele é fruto do meu trabalho. Não devo meu mandato a grupo político nenhum”, afirmou.

A vereadora lembrou ainda a época em que Tarcízio Pimenta foi candidato a prefeito junto com o ex-prefeito José Ronaldo. “Eu sabia que havia uma possibilidade remota de Tarcízio ganhar, mas a minha posição foi ficar ao seu lado porque foi esse compromisso que eu fiz. E assim o fiz até o final”, recordou. A edil ainda alertou o prefeito Colbert Martins. “Daqui a dois anos, quando estiver acontecendo às eleições, a história vai se repetir. E aí o prefeito vai saber realmente quem tem posição e ter a conclusão de quem está ao seu lado. Quem viver verá”, finalizou.

Eremita fala sobre caminhos do PSDB Feira de Santana

Vereadora Eremita Mota - foto Política In Rosa

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

Em entrevista ao site Política In Rosa, a vereadora Eremita Mota (PSDB) falou sobre os rumos do PSDB em Feira de Santana. Eremita disse que conversou com o presidente estadual do partido, o ex-deputado federal João Gualberto, sobre o assunto. “Esse recesso estive em vários encontros e reuniões com João Gualberto e está tudo pontuado. O PSDB vai tomar novos caminhos com a ausência de Carlos Geilson, o que é uma pena. As tomadas de decisões serão feitas dentro de poucos dias, pois automaticamente eu, como vice-presidente, permaneço interinamente na presidência. Daqui para março vai haver uma nova eleição para presidir o partido e aí vamos ver o que vai acontecer”, disse.

Vale ressaltar que o ex-deputado estadual Carlos Geilson, que era presidente do partido no município, foi para a base do governador Rui Costa e terá que ter uma nova chapa para presidir o partido.

Eremita Mota critica falta de fiscalização contra pichações em Feira de Santana

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB), em seu discurso na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, na manhã desta segunda-feira (26), falou sobre as pichações que tem visto se espalhar pela cidade. Eremita citou a impressão que teve na cidade de Fortaleza quando participou de um congresso do PSDB Mulher. “Não havia uma rua sequer na cidade que não estivesse pichada. Questionei aos moradores do lugar o motivo e eles me explicaram que não havia vigilância. Em Feira de Santana já começo a ver esse tipo de pichações”, afirmou.

Segundo a vereadora, a cultura da pichação acontece se não houver prevenção do erro e por isso ela apelou que a Secretaria de Prevenção a Violência (SEPREV) em conjunto com a Guarda Municipal e Polícia Militar façam um acompanhamento ostensivo e puna quem comete esse tipo de crime. “Não é possível que com o videomonitoramento não haja a vigilância. Não quero ter o desprazer de ver Feira de Santana como eu vi a cidade de Fortaleza. Precisamos punir quem faz isso agora para que isso não se espalhe”, explicou.

A vereadora lembrou ainda que as pichações são um grande referencial para as gangs e facções criminosas. Para a vereadora, tudo que é permissivo, avança. Da mesma forma são os passeios que aos poucos foram ocupados e o centro da cidade está totalmente tomado por vendedores ambulantes ou materiais de comércios locais. “A cultura da pichação é o inicio de futuras facções presentes na cidade. Em Fortaleza já perderam o controle da situação. As pichações têm que ser eliminada com urgência para que não tome conta da nossa cidade”, pediu.

Eremita fala sobre possibilidade de assumir o PSDB em Feira de Santana

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) questionada pelo site Política In Rosa sobre a sua possível ida para a presidência do PSDB de Feira de Santana, afirmou que sempre foi muito tranquila com os acontecimentos em sua vida pública. A vereadora lembrou a sua ascensão dentro do PSDB e a sua aproximação que tem com o presidente estadual do partido, o deputado federal João Gualberto, faz com que ela espere sempre o seu direcionamento. “Eu conversei com o presidente da Câmara de Feira de Santana e também vereador pelo PSDB, José Carneiro, e ele me disse que por ter mais amizade com João Gualberto provavelmente poderá ser eu a presidente municipal da legenda. Essa foi uma conversa de consenso com ele. Eu não gosto de adiantar nada. Geilson é deputado até o final de dezembro, ele tem a preferência por ser deputado e eu respeito isso. Vou aguardar. Ele foi para o lado do governador Rui Costa, mas ainda não saiu do partido. Eu não vou atropelar e adiantar nada. Vou esperar todo o processo acontecer naturalmente”, explicou.

João Gualberto

Eremita disse que conversou com o deputado João Gualberto pelo assunto e ele tem a mesma opinião que ela, que se deve esperar. Ainda segundo a vereadora, Gualberto disse ter ficado sentido com a saída de Geilson da oposição. “Não sei se eles conversaram, mas ele ficou sentido com a saída de Geilson porque ele gosta muito dele”, finalizou.

Eremita Mota ou José Carneiro: quem assumirá o PSDB em Feira de Santana?

Eremita Mota e José Carneiro-montagem Política In Rosa

Eremita Mota e José Carneiro-montagem Política In Rosa

O presidente municipal do PSDB, o deputado estadual Carlos Geilson, anunciou que está indo para a base do governador Rui Costa (PT). Com esse anuncio, há possibilidade de que Geilson saia do partido. Nada ainda foi anunciado. Mas caso aconteça, a pergunta que fica é: quem assumirá o PSDB em Feira de Santana? Dois vereadores são componentes da legenda na cidade. A vereadora Eremita Mota, que já é presidente municipal e estadual do PSDB Mulher, e José Carneiro, presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana. Dos dois, Eremita é a mais ligada ao presidente estadual do partido, o deputado federal João Gualberto. Resta agora esperar os desdobramentos.

Prática da “boca de urna” é criticada por vereadora

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB), em seu discurso na manhã desta terça-feira (25) na Câmara Municipal de Feira de Santana, falou sobre uma prática que infelizmente ainda acontece no dia das eleições: a “boca de urna”. A edil criticou duramente os políticos que se utilizam desse subterfúgio para conseguir a sua eleição. Essa é uma das principais preocupações da vereadora para essa eleição. “Boca de urna é o ato de convencer ou induzir o eleitor a mudar o voto”, afirmou. Eremita destacou que é proibida a distribuição de panfletos, santinhos e propaganda de uma maneira geral no dia da eleição. “A Justiça Eleitoral diz isso claramente diante de uma eleição. Tenho que lembrar que a boca de urna é também um tipo de corrupção. Nós sabemos que existem candidatos que já ficam com o dinheiro preparado para distribuir santinhos”, completou.

Ela destacou ainda que ninguém fica nas proximidades de um colégio eleitoral no dia da eleição, geralmente debaixo de sol, sem ganhar alguma coisa. “É triste saber que no dia o candidato será procurado e questionado sobre o dinheiro da boca de urna. Isso o deixa desiludido”, lamentou.

Eremita concluiu sua fala implorando a Justiça Eleitoral para que faça valer a lei, agindo nessa eleição para evitar que essa prática mais uma vez aconteça. “Que sejam presos, multados para ver se diminui também a corrupção. Ficamos de olho nos candidatos corruptos, mas às vezes nós mesmos contribuímos para que a corrupção se perpetue. Espero que daqui a dois anos nem falemos mais sobre esse assunto porque soa muito mal aos nossos ouvidos”, finalizou.

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia