WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS - Transparência Combate Coronavírus SECOM - HGCA2

:: ‘vereador Lulinha’

Zé Neto responde afirmações de Lulinha sobre novo HGCA ser “anexo” do antigo hospital

Deputado Federal Zé Neto

Deputado Federal Zé Neto – Foto: Divulgação/Ascom

Em uma tréplica ao vereador Lulinha (DEM), o deputado federal e pré-candidato a prefeito em Feira de Santana, Zé Neto (PT), respondeu as críticas feita pelo vereador ao novo Hospital Geral Clériston Andrade chamando-o não mais de puxadinho, mas anexo do antigo HGCA. Neto disse que é uma polêmica pequena demais para o tamanho de Feira de Santana e as suas necessidades. “Em Feira de Santana estamos vendo um tipo de disputa em que a tentativa de degradar a imagem do adversário passa a ser o foco principal da forma de fazer política na cidade. Quando vejo alguns falando que é anexo ou puxadinho, eu fico pensando: se tivéssemos aqui a construção de uma sala para atendimento de saúde era pra todos nós aplaudirmos. Eu penso assim”, disse ao site Política In Rosa.

De acordo com Zé Neto, quem primeiro deu ideia de abrir um Hospital de Campanha em Feira de Santana no prédio do antigo Hospital Mater Dei foi ele e quando o município decidiu abrir o hospital ele passou R$ 3 milhões de emenda para abrir. “Aplaudi a abertura do hospital, reclamei quando estava muito atrasado, pois não tinha sentido passar mais de 60 dias para funcionar por conta de erros da própria engenharia do município que estava tocando a obra. Eram críticas produtivas que faziam com que as coisas funcionassem”, relatou.

Ainda de acordo com Zé Neto, ao invés de ficar reclamando, fazendo chacota ou tentando diminuir essa “grande construção” que é o HGCA 2 para Feira de Santana, eles deveriam estar se esforçando para abrir o seu Hospital Geral Municipal. “Já que estão há 20 anos no poder, deveriam fazer isso. Feira de Santana é a única cidade que tem mais de 500 mil habitantes no Brasil que não tem Hospital Geral Municipal. Agora fez muita falta. Tenho certeza que não foi por falta de dinheiro. Aliás, dinheiro sobrou aí em algumas situações que espero que eles possam logo logo fazer toda essa prestação de contas do que foi feito com esse recurso durante esses 20 anos. No mais, é trabalhar para que a gente possa conjuntamente enfrentar essa pandemia que precisa mais de forças conjuntas do que disse-me-disse”, finalizou.

Vereador agradece pelo HGCA 2, mas ressalta: “Não é um puxadinho, mas é um anexo comandado pelo Clériston Andrade”

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

Em resposta a matéria publicada no site Política In Rosa com o título “Após inauguração do HGCA 2, Zé Neto ironiza: “Queria ouvir a opinião daqueles que chamaram de puxadinho”, em que o deputado e pré-candidato a prefeito Zé Neto ironiza aqueles que chamaram o HGCA 2 de puxadinho, o vereador Luiz Augusto de Jesus – Lulinha (DEM) entrou em contato com nossa redação e respondeu.

“Quero lembrar que não foi isso que o governador prometeu para Feira de Santana alguns anos atrás. Prometeu que a cidade iria ganhar um grande Hospital. Um novo Clériston Andrade, pois o antigo já estava defasado e já tinha mais de trinta e poucos anos de construído. Disse que Feira iria fazer um Hospital do tamanho que Feira merecia. Depois de muitas cobranças, o secretário de Saúde anunciou a construção do novo Hospital, que é o anexo do Clériston Andrade, o HGCA 2. Com o menor valor para construções de hospitais no Governo do PT (Governo Rui Costa)”, disse.

De acordo com Lulinha, com um valor menor esqueceram do tamanho de Feira de Santana, segunda maior cidade do Estado.  “Esqueceram que Feira de Santana é a primeira cidade do interior da Bahia em habitantes. Eles investiram mais de R$ 160 milhões no Hospital Metropolitano de Lauro de Freitas e dentre outros hospitais da região. O último hospital a ser entregue e com menor recurso foi o de Feira de Santana. No início, o governador disse que poderia gastar R$ 40 milhões no hospital de Feira e no dia da inauguração ele (governador) informou que gastou quase R$ 60 milhões no HGCA 2”, reclamou. :: LEIA MAIS »

Vereador pede que prefeito faça inaugurações de obras antes da legislação eleitoral proibir candidatos em atos públicos

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

O vereador Lulinha (DEM), em seu discurso na sessão ordinária desta terça-feira (05), na Câmara Municipal de Feira de Santana, informou que está se aproximando o prazo eleitoral que os prefeitos e vereadores não possam aparecer em atos públicos do município. Lulinha pediu que o prefeito Colbert Martins Filho (MDB) inaugure antes do mês de junho as obras que tem para serem inauguradas. Ele ainda fez um breve relato sobre as obras que estão prontas para serem inauguradas.

“Tem obras que não foram inauguradas ainda. Peço ao prefeito para acelerar para que ele e os vereadores possam inaugurar sem tumulto. Que ao menos haja um ato de inauguração para entregar a comunidade. Obras frutos de emendas federais, de recursos próprios e ainda não foram entregues a comunidade. Depois do dia 03 de junho nem os vereadores e nem o prefeito irão poderão participar dos atos públicos, pois a lei eleitoral não permite em atos públicos. Nós corremos atrás e reivindicamos”, disse.

Vereador diz que Governo do Estado queria que vírus se alastrasse em Feira para desgastar prefeito

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

O vereador Lulinha (DEM) acusou, nesta segunda-feira (27), o Governo do Estado através do secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, de querer que Feira de Santana alastrasse o coronavírus para tentar desgastar o prefeito da cidade, Colbert Martins. “Até o momento não chegou nada em Feira de Santana via o Estado. Só ouvimos um deputado dizer que vai chegar. Eles criticam a cidade por abrir o comércio, mas não fazem nada pra ajudar no combate ao coronavírus. Colbert abra o olho, pois há informações de que estão tentando armar para dizer que aumentou a quantidade do vírus em Feira porque mandou abrir uma parte do comércio. Fique atento e tome cuidado’’, declarou.

Lulinha enaltece as reformas e ampliações de escolas municipais

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

Ao discursar na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, durante a sessão ordinária desta terça-feira (18), o vereador Lulinha (DEM) descreveu o andamento das reformas e ampliações realizadas nas escolas municipais após o lançamento do segundo Pacote de Investimentos da gestão do prefeito Colbert Martins Filho, em novembro do ano passado.

O edil parabenizou o engajamento do secretário municipal de educação, Marcelo Neves, pela agilidade ao atender e dar início às obras de requalificação das escolas. O edil citou a entrega de 200 carteiras universitárias, realizada sexta-feira (14), na Escola Municipal Rosa Maria Esperidião Leite, no distrito de Matinha. A mesma escola também receberá uma quadra poliesportiva para possibilitar e fomentar a prática de esportes dos seus alunos. Já no distrito de Tiquaruçu, o edil destacou que serão entregues, em breve, as escolas municipais Professora Julieta Frutuoso de Araújo e Joanita Mota já reformadas. :: LEIA MAIS »

Vereador do Democratas diz que presidente nacional do partido não manda no diretório de Feira

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

Após a divulgação nas redes sociais da matéria em que o deputado estadual Targino Machado (DEM) afirma que é pré-candidato a prefeito de Feira de Santana com a permissão do presidente nacional do partido, ACM Neto, o vereador Lulinha (DEM) se pronunciou. Em um grupo de WhatsApp, Lulinha afirmou que ACM Neto não manda no diretório de Feira de Santana.

Ironizando, o edil ainda afirmou que até ele mesmo pode lançar seu nome para prefeito. “Eu também posso lançar meu nome para prefeito de Feira. Tenho três mandatos de vereador em Feira e faço parte do diretório. Kkk”, disse. E terminou reafirmando que o seu candidato a prefeito é Colbert Martins Filho (MDB). Resta saber o que ACM Neto acha da opinião de um dos seus correligionários.

Vereador Lulinha afirma que não tem intenção de sair do DEM

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

O vereador Lulinha (DEM) foi questionado pelo site Política In Rosa se ele iria continuar no Democratas. “Não tenho intenção nenhuma de sair, mas, a gente não pode dizer fico ou não fico, pois temos que discutir com os vereadores que fazem parte do partido, com o presidente da sigla, com o prefeito Colbert Martins Filho, com amigos (as) e eleitores para tomar uma decisão”, disse.

Lulinha ressaltou que a sua intenção é não sair, mas não pode dizer que não vai sair. “Vai depender do quadro como vai ficar o partido e se vai ter candidatos pra fazer legenda pra eleger vereadores, então, tem que ter muita cautela e cuidado pra não tomar nenhuma decisão precipitada”, ressaltou.

Lulinha acredita que Zé Filé já esteja marchando com o Governo Municipal

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

Após uma matéria veiculada no site Política In Rosa intitulada “Oposicionista ferrenho ao Governo Municipal emplaca filho na Prefeitura”, o vereador Lulinha (DEM) disse que acredita que o seu colega, o vereador Zé Filé (PROS), já esteja marchando com o governo Colbert Martins. “A partir do momento que seu filho foi nomeado com um cargo no alto escalão do Governo Municipal é porque já está no grupo. Então, a partir do momento que coloca o filho pra participar do governo, não vai poder bater”, relatou.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia