WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Trânsito’

Cerca de 75% dos acidentes com vítimas em Feira envolvem motocicletas, revela superintendente

Cerca de 75% dos acidentes com vítimas em Feira envolvem motocicletas, revela superintendente

Foto: Divulgação

“Cerca de 75% dos acidentes com vítimas em nossa cidade envolvem motocicletas”. O dado estatístico foi apresentado pelo superintendente municipal de Trânsito, Maurício Carvalho, durante palestra proferida para funcionários da empresa CEPRENG, durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (Sipat), promovida pela corporação. A plateia foi formada por cerca de 250 trabalhadores da construção civil. “80% destes trabalhadores são motociclistas e o tema em específico foi destacado, uma vez que 75% dos acidentes com vítimas em nossa cidade envolvem motocicletas”, enumerou Maurício.

O superintendente abordou os dados de acidentes de trânsito com vítimas e mortes em todo país,  destacando durante a palestra, os dados de acidentes com motos e a necessidade de se ter atenção e respeito às leis de trânsito, para evitar custos com a saúde e também impactos na vida do trabalhador e na sociedade em geral. “Creio que o Governo do prefeito Colbert Martins Filho, através do Núcleo de Educação para o Trânsito da SMT continua cumprindo o seu papel alcançando milhares de pessoas por um trânsito melhor e mais seguro, em uma tentativa muito firme de diminuir os índices de acidentes com mortes, já que 90% desses acidentes ocorrem por falha humana”, salientou. :: LEIA MAIS »

MP recomenda medidas de organização e fiscalização do trânsito de Bom Jesus da Lapa

O Ministério Público estadual recomendou ao prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro Pereira, a adoção de uma série de medidas para organizar e regular o trânsito local. A recomendação foi expedida no último dia 21 pelo promotor de Justiça Clodoaldo Anunciação. Entre as medidas, estão a efetiva implantação do Departamento Municipal de Trânsito de Bom Jesus da Lapa, a sinalização dos locais para taxistas e mototaxistas, definição dos pontos de embarque e desembarque de vans e ônibus, implantação da Junta Administrativa de Recursos de Infração (Jari) e a realização de campanha educativa sobre as regras referentes à municipalização do trânsito. Todas as medidas devem ser executadas dentro de 30 dias.

Segundo a recomendação, há na cidade uma “grande quantidade” de veículos não licenciados e seguros obrigatórios não pagos, motoristas conduzindo sem habilitação, motocicletas transportando passageiros acima do limite de pessoas permitido, inclusive crianças de colo, sem uso de capacete, além da falta de sinalização adequada de trânsito.

Semana Nacional do Trânsito segue com atividades até dia 26

Semana Nacional do Trânsito segue com atividades até dia 26

Foto: Divulgação

Após a abertura oficial da Semana Nacional do Trânsito, que aconteceu no último dia 18, com o Seminário Estadual sobre municipalização e segurança no Trânsito, a programação segue com vários serviços e ações ofertados nos stands no estacionamento da Prefeitura de Feira de Santana, até o dia 26 de setembro.

A ação organizada pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana, através da Superintendência Municipal de Trânsito – SMT, conta com a participação da 3ª Ciretran, PRF, Pelotão Asa Branca da Polícia Militar, SAMU, 2° GBM ( Bombeiros), OAB – Subsecção Feira de Santana, Casa do Estudante, SESC, Hospital Geral Clériston Andrade, HEMOBA, IHEF/MEDDI, Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito – SMTT, Centro de formação de Condutores e AFAT – Associação Feirense dos Agentes de Trânsito.

Além de serviços de saúde e orientações, serão oferecidas diversas atividades com o tema da campanha para conscientizar motoristas e pedestres, como oficinas, palestras, simulados e blitz educativas, ressaltando a importância da formação do condutor como cidadão no trânsito
para redução dos índices de acidentes e mortes. A programação segue até o dia 26 de setembro. :: LEIA MAIS »

Prefeitura de Feira diz como recursos arrecadados com multas estão sendo investidos

Prefeitura de Feira diz como recursos arrecadados com multas estão sendo investidos

Foto: Abnner Kaique

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana, através da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), investiu em todo o ano de 2018 mais de R$ 15 milhões na manutenção e custeio da própria estrutura da SMT, além de campanhas educativas, como o Maio Amarelo, Semana Nacional do Trânsito, dentre outras, e melhorias no trânsito com o aprimoramento das sinalizações horizontal, vertical, eletrônica e semafórica. Segundo a gestão, houve investimento também na locação das viaturas 04 rodas e aquisição de 06 novas motocicletas, pavimentação com asfalto visando a melhoria do trânsito em alguns locais, além de todas as ações e eventos realizados durante o ano. São realizados ainda repasses para o Denatran e o Detran.

De acordo com o Superintendente Municipal, Maurício Carvalho, o valor de R$ 17 milhões divulgado na previsão orçamentária é diferente da arrecadação. “A arrecadação não alcançada na previsão orçamentária não significa nenhum tipo de ilegalidade. Como o próprio nome diz, é uma previsão. No ano de 2018 tivemos uma previsão orçamentária de 17 milhões de reais, mas arrecadamos cerca de 14 milhões. A queda de arrecadação se justifica por dois motivos: primeiro que em 2018 com a crise econômica do país, muitas multas não foram pagas dentro do próprio exercício”, explica.

Ele acrescenta que segunda grande razão para a diminuição na arrecadação se deve à queda do número de registro de multas. “Os números mostram que estamos diminuindo o número de multas no trânsito, porque estamos implantando um trabalho educativo de conscientização dos motoristas. Além disso, estamos investindo na maior eficiência da sinalização, o que colabora com a diminuição das infrações. De 2016 até agosto de 2019 houve uma queda de 30% nas notificações, o que é algo positivo, uma vez que também conseguimos diminuir em 34% o número de acidentes com vítimas”, conclui. :: LEIA MAIS »

Projeto prevê ensino de educação no trânsito nas escolas da Bahia

Deputado estadual Samuel Junior

Deputado estadual Samuel Junior – Foto: Divulgação

Tornar obrigatório o ensino de educação de trânsito nas escolas estaduais de ensino fundamental na Bahia é o que propôs o deputado estadual Samuel Junior (PDT) em projeto de lei apresentado na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). De acordo com a proposição, a disciplina abrangerá os seguintes temas: primeiros socorros; prevenção de acidentes; proteção ao meio ambiente e cidadania; direção defensiva; e legislação de trânsito. A Secretaria Estadual de Educação poderá, com o objetivo de viabilizar a execução desta lei, celebrar acordos, convênios e parcerias com entidades públicas ou privadas, prevê o PL de Samuel Junior. As temáticas serão abordadas de forma padronizada, observando-se, para tanto, o nível de ensino.

Ao justificar a proposta, Samuel Junior lembrou que o Código de Trânsito Brasileiro prevê, no Art. 76, a prática da educação no trânsito no ensino infantil, fundamental, médio e superior, com a ajuda dos órgãos de trânsito municipais, estaduais e federal, que devem formar núcleos pedagógicos para incentivar projetos nas escolas. Porém, observou ele, as Leis de Diretrizes e Bases (LDB) não inclui o estudo do trânsito em sua base nacional comum.

Segundo ele, o projeto tem por finalidade a materialização da temática, para que o ensino no trânsito seja realidade na grade escolar em consonância com o artigo 23, inciso XII da Constituição Federal. Samuel acrescentou que o ensino de educação no trânsito nas escolas estaduais busca a formação educacional aos alunos sobre as noções básicas sobre as normas de trânsito através de profissionais capacitados. “A orientação sobre as normas de trânsito às crianças e aos jovens adolescentes com certeza mudará o hábito para o correto comportamento na formação de uma geração com bons costumes no trânsito”, concluiu.

Multas e infrações têm queda em Feira de Santana, informa superintendente

Mauricio Carvalho

Mauricio Carvalho – Foto: Reprodução

Na manhã desta quarta-feira (15), no plenário da Câmara Municipal de Feira de Santana, foi apresentada a campanha mundial Maio Amarelo. Com o tema “No trânsito, o sentido é a vida”, o movimento propõe chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. O superintendente Municipal de Trânsito, Mauricio Carvalho, falou da importância da campanha para contribuir com a diminuição dos índices alarmantes de acidentes de trânsito em todo o país. Na oportunidade, ele mostrou que Feira de Santana vem diminuindo os índices de acidentes e mortes no trânsito, resultado do trabalho desenvolvido pelos 3 pilares de atuação da SMT: engenharia, núcleo de educação para o trânsito e fiscalização. “Estamos fazendo o nosso dever de casa mas podemos melhorar ainda mais. O prefeito Colbert Martins vem trabalhando muito para trazer mais investimentos para a mobilidade urbana. Vamos sair daqui fazendo cada um conscientes do seu papel como cidadãos e condutores por um trânsito cada vez mais seguro”, afirmou Mauricio.

De acordo com o superintendente, apesar do aumento crescente da frota de veículos na cidade, que registra mais de 300 mil veículos (incluindo os flutuantes), o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Governo do prefeito Colbert Martins Filho, através da SMT causa impactos positivos. O número de acidentes com vítimas de Feira de Santana vem diminuindo gradativamente conforme mostram os dados registrados pela SMT. Somente em 2016, foram registrados 742 acidentes com vítimas. Em 2017, foram registrados 606 acidentes com vítimas (Uma redução de 18,3%). Já em 2018, foram registrados 485 acidentes com vítimas (Uma redução de 33% em comparação ao ano de 2017).

Já os números de multas também vêm decrescendo, demonstrando uma maior efetividade no trabalho desenvolvido pelas equipes da Superintendência Municipal de Trânsito, através da engenharia de tráfego,  do monitoramento constante das equipes de fiscalização e operação, além do trabalho crescente da equipe de educação para o trânsito. Em 2016 foram registradas 157. 645 multas, já em 2017 foram registradas 121.411 (Uma redução de 30% em comparação à 2016). Em 2018,  115.430 multas foram registradas (Uma redução de 5.6% em comparação à 2017).

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado Vereador Alberto Nery - Boas Festas - site Política In Rosa Luiz da Feira Natal e Ano Novo - SITE POLÍTICA IN ROSA Vereador João Bililiu - Boas Festas Vereador Ron do Povo - BOAS FESTAS Gilmar-Amorim-Boas-Festas


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia