WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Notícias Política de Salvador’

ACM Neto está desorientado, diz vereador

Everaldo AugustoO vereador Everaldo Augusto  (PCdoB) rebateu as acusações do prefeito feitas à imprensa, nesta sexta-feira (5), contra a chapa da oposição, formada pelas deputadas Alice Portugal (PCdoB) e Maria Del Carmem (PT).

Segundo o edil, a responsabilidade pelas tragédias e corrupções ocorridas em Salvador nos últimos quatro anos é do grupo que está no comando da cidade.

“Por mais que o prefeito tenha sintonia com o governo golpista, está batendo cabeça e completamente desorientado. As acusações cabem mais a ele do que qualquer outra liderança política. Foi nesta gestão que a cidade literalmente afundou em qualquer meia hora de chuvas e muitas vidas foram ceifadas com deslizamentos de terras e encostas. Que o orçamento das pessoas afundou com a indústria das multas e IPTU extorsivo”.

O parlamentar lembrou ainda as vendas de terrenos públicos e privatizações. “A atual administração não deixa obras estruturantes na cidade. Foi uma gestão marcada por vendas de terrenos públicos, a preço de banana, e privatizações suspeitas. Um exemplo é a Estação da Lapa. Já o transporte público, continua caro e aquém da demanda. Na educação, foram vários os escândalos e as contas da merenda escolar foram rejeitadas”.

O setor imobiliário não ficou de fora das críticas.

“Depois de tudo isso o prefeito ainda diz que o seu legado é o sorriso no rosto. Cabe a pergunta: no rosto de quem? O sorriso está no rosto dos responsáveis pelos segmentos econômicos que se beneficiaram do PDDU e que vão acabar com as áreas verdes da cidade? Que vão verticalizar a orla e continuar cobrando estacionamento nos shoppings?”.

Everaldo também citou o vice escolhido para compor a  chapa do DEM. “Depois de passar quatro anos em uma secretaria responsável por promoção social, só agora ele diz que vai se firmar pelo trabalho? Por que não trabalhou antes?”, completou.

 

Paulo Azi rebate críticas de Wagner a ACM Neto: ‘”Quem deu algum golpe foi Wagner e sua trupe’”

deputado federal Paulo Azi (Democratas)O deputado federal Paulo Azi (Democratas) rebateu os ataques do ex-governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), ao prefeito ACM Neto (Democratas). Ao reagir às críticas de que Neto é um dos “artífices do golpe” contra a presidente afastada Dilma Rousseff, Azi contrapôs: “Se alguém deu algum golpe foi Wagner e sua trupe, que acabaram com a Petrobras e implantaram o petrolão para abastecer o PT e as próprias campanhas eleitorais. Esse foi o verdadeiro golpe que aplicaram nesse país e que está sendo desvendado pela Lava Jato”.

O parlamentar ainda afirmou que Wagner está “nervoso porque ainda não sabe como vai lidar com o juiz Sérgio Moro quando virar réu da Lava Jato”. “O Ministério Público Federal já o denunciou. O Supremo Tribunal Federal (STF) já encaminhou a denúncia para Moro. Vamos lembrar que Wagner é acusado de ter recebido recursos desviados da Petrobras para se eleger governador. Ao contrário dele, ACM Neto tem uma vida limpa”, rebateu.

 

Bacelar diz que PTN e PCdoB têm identidade

Bacelar diz que PTN e PCdoB têm identidadeO presidente estadual do PTN, deputado federal Bacelar, disse nesta sexta-feira (29) que o seu partido tem identidade com o trabalho do PCdoB, que indicou a deputada federal Alice Portugal para a disputa pela Prefeitura de Salvador. ” Os dois partidos defendem as mesmas bandeiras em questões importantes para a cidade, como a educação pública de qualidade, a defesa do povo negro, o combate à intolerância e o empoderamento das mulheres. Temos sintonia e identidade”.

As palavras de Bacelar abriram o ato que formalizou o apoio do PTN à pré-candidatura de Alice, com a presença dos vereadores Toinho Carolino e Carlos Muniz, dos representantes dos núcleos da legenda ( Mulher, Jovem, Negritude, Terceiro Setor, Sindical, Empresarial, LGBT, Trânsito e Proteção dos Animais) e de pré-candidatos a vereador.

A deputada ressaltou o significado da aliança com os petenistas ” O apoio do PTN é um elo indispensável na construção desta corrente por mudanças conceituais em Salvador. O deputado Bacelar tem sido um grande parceiro, principalmente na área da educação, além da nossa luta contra o preconceito de qualquer natureza. Estou muito feliz por esta acolhida e pela relação produtiva iniciada com os vários segmentos do PTN, que será fundamental para a êxito da campanha”, declarou Alice.

Na eleição proporcional, o PTN preferiu não fazer coligações. A meta é eleger até cinco vereadores. ” Decidimos caminhar rumo ao futuro, que aponta para o fim das coligações. Temos 96 pré-candidatos a vereador e vamos fechar uma chapa competitiva com 65, na convenção marcada para o dia 5 de agosto”, explicou o presidente Bacelar.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia