WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Governador Rui Costa’

Governador sanciona a Lei Orçamentária da Bahia para 2021

Governador Rui Costa – Foto: GOVBA

O governador Rui Costa sancionou, nesta terça-feira (19), a Lei Orçamentária Anual (LOA) da Bahia para este ano de 2021. A LOA estima a receita e fixa a despesa do Estado, apresentada sob a forma de orçamento-programa. O Orçamento está projetado em R$ 49,3 bilhões. O ato foi publicado no Diário Oficial do Estado. O texto foi aprovado na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), na segunda-feira (18).

A Área Social está contemplada com R$ 30,1 bilhões, 62,4% do total de recursos orçados para 2021. Têm participação destacada na LOA as funções Saúde (15,7%), Educação (13,1%) e Segurança Pública (10,2%). A expectativa para 2021 é que a retomada gradativa da atividade econômica no estado impulsione a recuperação dos setores da Indústria e dos Serviços, os mais atingidos pelos impactos causados pela pandemia do coronavírus.

“Mesmo com todas as restrições fiscais e incertezas macroeconômicas, estamos focados na manutenção do nível de investimentos públicos, já que a Bahia é o segundo Estado que mais realiza investimentos, ficando atrás apenas do Estado de São Paulo. Por isso estamos apontando na perspectiva de ampliar nosso investimento com recursos do Estado, para alcançar o nível de R$ 3 bilhões”, ressaltou o titular da Secretaria de Planejamento do Estado (Seplan), Walter Pinheiro, quando entregou a proposta orçamentária ao presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Nelson Leal, em 30 de setembro. :: LEIA MAIS »

Governador entrega investimento de R$ 3,5 milhões em nova unidade escolar

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Nesta quinta-feira (10), o governador Rui Costa cumpre agenda em dois municípios da região nordeste do estado. O primeiro compromisso em Novo Triunfo foi marcado pela entrega do Colégio Estadual Professora Maria Tereza de Oliveira.

“Essa escola faz parte de nossa estratégia de ir substituindo as escolas que não ofereciam as condições adequadas. Particularmente essa escola, que fica numa área mais baixa da cidade, em épocas de temporais, a escola ficava alagada. Então construímos uma nova escola num nível mais alto, pra não ter esse risco, e também com instalações completamente novas e toda infraestrutura adequada a melhorar a qualidade de ensino”, afirmou o governador Rui Costa.

A nova escola contou com investimento do Governo do Estado no valor de R$ 3,5 milhões. A estrutura dispõe de 8 salas de aula, biblioteca, quadra poliesportiva coberta, com arquibancada, vestiários, refeitório, auditório com capacidade para 95 lugares, além de laboratórios de ciências e informática.

“Essa é 10ª escola que o governador Rui Costa entrega neste segundo mandato. É uma escola que tem uma simbologia muito forte, porque a escola que existia antes foi inundada por uma forte chuva, e as condições ficaram muito precárias pra receber os estudantes. O governador viu a situação e se comprometeu em modernizar a educação no município de Novo Triunfo, e hoje tá aqui entregando uma escola completa com quadra, biblioteca, laboratórios e realmente é uma alegria muito grande trazer a manifestação do compromisso com a educação de quase 350 estudantes, pois eles mesmos dizem que uma escola nova vai atrair aqueles que estavam distantes”, afirmou o secretário Jerônimo Rodrigues. :: LEIA MAIS »

Governador confirma segunda onda da Covid-19 na Bahia e faz apelo aos jovens baianos

Governador Rui Costa – Foto: Fernando Vivas/Gov-BA

Nesta segunda-feira (07), o governador Rui Costa comentou o aumento do número de óbitos e classificou que a Bahia está vivendo uma segunda onda da Covid-19, uma vez que a taxa de contágio tem se mantido alta em todo o território estadual. Reabertura de leitos e proibição de shows estão entre as medidas tomadas pelo governo baiano, visando evitar uma elevação ainda mais expressiva dos casos da doença.

“Ao longo da semana passada inteira, a taxa de contaminação se manteve alta em todas as regiões do estado, tanto é que isso já está se refletindo no aumento do número de óbitos. Também na semana passada, estávamos com cerca de 20 óbitos diários, índice que vinha se mantendo há cerca de 60 dias e, nesse final de semana, já pulamos para o patamar de 30 óbitos, sendo 22 em Salvador. Então, os números começam a ficar, infelizmente, mais severos e mais críticos. Por isso, já ampliamos, inclusive, o número de leitos disponíveis, uma vez que estamos reabrindo 100 leitos que havíamos fechado, em função na queda dos índices da pandemia”, destacou o governador.

Por decreto, o governador fez questão de ressaltar, existe a proibição de realização de qualquer show ou festa, independente de qual motivação ou público. “O motivo disso é que nesses shows e festas há ingestão de álcool, além de música em um ambiente propício à aproximação, fazendo com que as pessoas acabem baixando a guarda com as medidas protetivas e nós estamos já vivendo o que poderíamos classificar de segunda onda”, avaliou Rui. :: LEIA MAIS »

Ao lado de Zé Neto, Rui Costa visita Dom Zanoni e defende que religião não seja usada como instrumento de luta partidária

Foto: Divulgação / Ascom

O governador Rui Costa defendeu, na manhã desta quinta (26), durante visita ao arcebispo metropolitano Dom Zanoni, que “a religião não seja usada como instrumento de luta partidária nas eleições”. O diálogo foi decorrente as fake news contra o candidato a prefeito de Feira de Santana, Zé Neto, que também estava no momento.

“A religião é uma relação direta que você tem com Deus e nunca poderá ser utilizada como instrumento de luta política partidária. Quem de fato crê em Deus, não pode, em momento algum, instrumentalizar a religião com calúnias e mentiras para apropriação eleitoral. Zé Neto é católico e tanto ele como Roque [candidato a vice-prefeito], são homens de família, cristãos e sempre defenderam a liberdade religiosa”, afirmou o governador, referindo-se às fake news atribuídas a Zé Neto, principalmente relacionadas ao fechamento de templos religiosos e pedofilia em escolas. :: LEIA MAIS »

Em live com Zé Neto, Rui firma compromisso de construir nova policlínica e asfaltamento de vias que dão acesso à Jaguara e Tiquaruçu

Rui Costa, Zé Neto e Roque Santos – Foto: Reprodução

“Feira deixou absolutamente claro que quer mudança. Chegou a hora dessa dupla correria fazer uma grande virada que a cidade merece e precisa para ser o orgulho da população”. A declaração é do governador Rui Costa, durante live com o candidato a prefeito de Feira de Santana, Zé Neto, e o candidato a vice-prefeito Roque Santos, na noite desta terça-feira (17).

Durante a transmissão, Rui Costa firmou compromisso de que, com Zé Neto prefeito, vai auxiliar na construção de uma nova Policlínica Regional de Saúde na cidade e na pavimentação asfáltica das vias principais que dão acesso aos distritos de Jaguara e Tiquaruçu. “Vamos ajudar na construção de uma nova Policlínica para atender aos municípios do Portal do Sertão, deixando a atual para atender Feira e os municípios menores, o que por certo vai melhorar ainda mais o volume de realização de exames e atendimentos para a população”, afirmou o governador, anunciando ainda grandes intervenções urbanas na zona rural de Feira: “Quero com você, Zé Neto, marcar história e encaminhar uma verdadeira revolução urbana na cidade, com o asfaltamento das estradas que ligam a sede aos distritos”, assegurou.

Sobre investimentos na mobilidade urbana de Feira, Rui Costa citou como exemplo o BRT que, na sua opinião, “não tem nenhuma funcionalidade e já solicitei um estudo técnico para buscar alternativas de como utilizá-lo adequadamente. Não vamos jogar o dinheiro do povo fora! Contrataremos uma consultoria que, junto aos técnicos especializados do Estado, nos darão um diagnóstico preciso e profissional”.

O governador sugeriu ainda, o que já faz parte do Plano de Governo de Zé Neto, a ampliação do número de creches no município. :: LEIA MAIS »

Governador diz que volta às aulas começará pelo nível superior

Governador Rui Costa – Foto: Fernando Vivas/Gov-BA

O retorno das atividades escolares na Bahia está próximo, segundo o governador Rui Costa (PT), que afirmou na manhã desta segunda-feira (26) que o protocolo será iniciado de forma escalonada, iniciando com a liberação das universidades. Rui disse que vai autorizar as aulas presenciais por pelo menos duas semanas para “ver o comportamento”, e só depois irá analisar os demais níveis da educação, como médio e fundamental.

“Ainda não temos novidade, estamos avaliando. Tivemos uma reunião e essa semana ainda a gente deve tomar alguma posição. Devemos fazer, como eu já disse antes, o processo de forma escalonada. Inicialmente, nós pretendemos liberar para funcionar o nível superior. Ou seja, as universidades e deixar rodar por uma ou duas semanas para ver o comportamento. Depois, vamos gradualmente liberando”, disse, em coletiva após visita às obras do tramo 3, da Linha 1 do metrô, próximo ao viaduto de Campinas de Pirajá..

O governador, no entanto, disse que o protocolo de retorno não deve ser encarado pelas universidades como uma determinação e que cada uma deve seguir e definir seu cronograma de retorno. :: LEIA MAIS »

Governador pede colaboração dos candidatos às eleições municipais para evitar crescimento dos casos de Covid-19

Foto: Divulgação / Secom

Nesta sexta-feira (9), em viagem ao município de Itaberaba, o governador Rui Costa reiterou a necessidade do novo decreto de calamidade pública publicado na quinta-feira (08), por conta da pandemia. Rui disse que está preocupado com um novo aumento do número de casos da doença, provocado pela aglomeração de eventos relacionados ao período eleitoral e pediu o apoio dos candidatos de todo o estado para evitar a disseminação do coronavírus e o crescimentos de óbitos causados pela Covid-19.

“Apesar de algumas pessoas acharem que a pandemia já foi embora, isso não é verdade. Em algumas cidades está crescendo o número de contaminados porque, infelizmente, algumas pessoas estão achando que a pandemia acabou. Quero alertar a quem está pedindo voto dos baianos e baianos, candidatos a vereadores e prefeitos para que, por favor, coloquem a saúde pública em primeiro lugar”, afirmou o governador.

Rui disse ainda que acha inadmissível “verdadeiras micaretas” vistas em campanhas, em vários municípios. “Isso é uma temeridade. Vai provocar o crescimento do número de casos, e internamentos e a volta do crescimento de mortes. Até aqui conseguimos conter a pandemia, que está em queda, mas a gente já percebe, nessas duas últimas semanas, que em vários municípios, como os da região oeste, os casos já começam a crescer. Isso provavelmente pelos episódios de aglomerações do momento eleitoral”. :: LEIA MAIS »

Preocupado com pandemia nas eleições, governador pede apoio ao TRE

Governador Rui Costa

Governador Rui Costa – Foto: Reprodução / Redes Sociais

A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) vai produzir uma Nota Técnica para o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) com informações sobre a pandemia do novo coronavírus no estado e orientações para evitar o aumento de casos durante as eleições deste ano.

A informação foi divulgada pelo governador Rui Costa, nesta quinta-feira (17), por meio do seu perfil oficial no Twitter. “Vamos encaminhar ao TRE informações técnicas e sugerir protocolos sanitários para assegurar que a campanha eleitoral e a votação deste ano não provoquem o avanço da pandemia na Bahia”, escreveu o governador nas redes sociais.

O assunto foi discutido por Rui durante reunião virtual, nesta quinta, com o presidente do TRE-BA, Jatahy Júnior; o prefeito de Salvador, ACM Neto; o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro; e representantes do Ministério Público Eleitoral. “O nosso pedido é que sejam adotadas todas as medidas necessárias para que tenhamos uma eleição segura para baianas e baianos”, afirmou. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia