WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Conversor Digital

:: ‘fortes chuvas’

DNIT inicia recuperação do trecho da BR-349 em Correntina

DNIT inicia recuperação do trecho da BR-349 em Correntina

Foto: Divulgação

A pedido do prefeito Nilson José Rodrigues, uma equipe de engenheiros do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) esteve em Correntina, nesta terça-feira (6), para avaliar a situação do trecho interditado da BR-349 que cedeu no centro da cidade, na última sexta-feira, por causa das fortes chuvas. Após a avaliação da cratera que foi aberta no asfalto, os engenheiros afirmaram que as obras terão prioridade máxima e que o tráfego de veículos pelo local estará liberado em 15 dias. “Este é o tempo necessário para fazer o escoramento e também a estrutura de concreto no local”, afirmou o engenheiro da prefeitura Lucas Araújo.

O serviço consiste na substituição de um dos três tubos de aço galvanizado que leva a água de lado para o outro da pista e a manutenção dos outros dois. Além de fazer o escoramento e a construção de um novo asfalto, o DNIT vai reforçar a estrutura em torno dos tubos. Técnicos da Defesa Civil da Bahia também estiveram na cidade nesta terça-feira (6). Eles percorreram toda a cidade e avaliaram os danos causados na infraestrutura da cidade. A vistoria legitimou o decreto do prefeito que estabeleceu Situação de Emergência por 60 dias no município. Uma equipe da Prefeitura será responsável por alimentar o Sistema da Defesa Civil da Bahia com todas as informações do município. Na lista de dados enviados estão o número de pessoas atingidas, áreas destruídas e estragos causados em todo o município. Isso vai assegurar a liberação de recursos para obras e serviços de recuperação dos locais alagados e destruídos.

O prefeito Maguila participou de várias reuniões em Salvador, nesta terça-feira, em busca de recursos para o município. O objetivo consiste em agilizar a recuperação das áreas atingidas pelas fortes chuvas e também obras de infraestrutura na cidade.

Ilhéus decreta situação de emergência devido a fortes chuvas

Ilhéus decreta Situação de Emergência devido a fortes chuvas

Ilhéus

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre de Sousa, decretou situação de emergência em altos e morros da cidade, atingidos pelas fortes chuvas que caíram sobre a cidade nas últimas semanas. Após ter visitado as localidades mais atingidas, o prefeito recebeu da Coordenação Municipal de Defesa Civil um relatório, seguido de parecer técnico, descrevendo os impactos e riscos gerados pelas chuvas.

Após a decretação, a Prefeitura enviou ofício ao Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil para cadastrar o município em processo de reconhecimento federal de anormalidades, procedimento adotado pelo Ministério da Integração Nacional.  Com a medida o governo municipal poderá obter recursos financeiros federais para se recuperar os prejuízos causados pelas chuvas e atender as famílias direta e indiretamente atingidas. O decreto determina, ainda, a atuação da equipe de Defesa Civil em conjunto com todos os órgãos municipais que forem necessários à atenção e providências diante da situação emergencial.

Para resolver problemas causados pela chuva, Prefeitura realiza intervenções

Para resolver problemas causados pela chuva, Prefeitura realiza intervençõesCom a finalidade de reparar estragos e diminuir os transtornos causados pelas fortes chuvas da tarde do último domingo (14), a Prefeitura de Vitória da Conquista tem monitorado diversos trechos e feito intervenções nas vias da cidade. Segundo a Defesa Civil, durante um período de cerca de duas horas, foi registrado um volume de 18 milímetros de chuva. De todos os bairros, Recreio e Centro foram os mais afetados. As principais ocorrências englobam trechos em que a camada asfáltica foi danificada, bueiros destampados e acúmulo de areia e pedra em ruas e avenidas, dificultando o trânsito no local.

Tão logo a chuva acabou, a Secretaria de Serviços Públicos passou a trabalhar ativamente para resolver os principais problemas. Na Avenida 10 de Novembro e na Rua Bela Vista, por exemplo, pedras e uma grande quantidade de areia impediam o fluxo de carros no local. Rapidamente, as vias foram desobstruídas. “Desde ontem, nós agimos imediatamente, retirando a lama e as pedras das principais rotas de acesso da cidade. Agora, nosso principal objetivo é a limpeza dos canais”, destacou Ivan Cordeiro, secretário de Serviços Públicos.

Além disso, na Avenida São Geraldo, na rua Floriano Peixoto, na rua Mem de Sá, na rua Duarte Costa e nos bairros Vila Serrana 1 e Vila Serrana 2 o asfaltamento foi danificado. Todos os trechos danificados foram sinalizados para evitar acidentes. Além disso, as ruas Presidente Vargas, Ascendino Melo e Antônio Nascimento também foram sinalizadas para comunicar a existência de bueiros sem tampas.

O secretário de Mobilidade Urbana, Esmeraldino Correia, afirma que já está tomando as devidas providências para solucionar a questão, principalmente no que diz respeito às ruas da Constelação (Panorama), São Geraldo, Floriano Peixoto e João Pessoa. “Uma equipe está avaliando a elaboração de projetos e a captação  de recursos para enfrentar o desafio de canalizar as águas pluviais do bairro e adjacências. Este é um problema antigo que atinge a comunidade, e que deve ser resolvido’’, explicou.

Carlito justifica aparecimento de buracos na cidade

Vereador Carlito do PeixeFalando sobre os buracos que estão espalhados por toda a cidade de Feira de Santana, o vereador Carlito do Peixe (DEM) destacou que eles são resultado das fortes chuvas que atingem a cidade. Carlito pediu paciência para que o problema seja resolvido. “Água e óleo não se misturam por isso é preciso esperar o fim do período chuvoso para que o trabalho possa ser feito”, disse.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia