WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Seminário

:: ‘Central de Regulação’

Vereadora volta a criticar Central de Regulação e pede que familiares procurem o MP

Vereadora Neinha

Vereadora Neinha (PTB)

A vereadora Neinha (PTB) em seu discurso na sessão ordinária desta segunda-feira (09), na Câmara Municipal de Feira de Santana, falou sobre a importância da assistência médica na cidade e criticou a Central de Regulação Estadual. “O que salva vidas é atitude e não reformas. A fila da morte continua, ela escolhe quem vai viver e quem vai morrer”

Neinha falou para os familiares de pacientes que estão nas policlínicas ou UPAs, a espera da regulação: “Procurem o Ministério Público (MP), vão lá e denunciem. Levem os documentos dos pacientes. Porque esses locais não podem absorver o paciente por 24 horas. Pronto atendimento tem acontecido em Feira, mas continuar internado na policlínica e UPA não pode. Paciente grave precisa ser transferido. Recebi ligação da esposa de um homem que quebrou o pé e a Central de Regulação transferiu para outra cidade, que não Feira. Uma fratura de perna, foi para Irecê”, relatou.

Segundo Neinha, o direito do povo não está sendo respeitado. “Enquanto a Justiça prevalecer, vá para cima. Quantas pessoas morreram no final de semana, quantos acidentes? Isso é perda para nossa cidade. O Hospital da Mulher está lotado. Eu nunca vi transferir pessoas de Feira ou região para outras cidades. O Estado abandonou Feira, sim. Reforma não adianta nada. Não estamos falando de cidade pequena não, estamos falando da segunda maior cidade do Estado. Gostaria de pedir a atenção do MP em relação a isso. Vai continuar assim? Precisa ter um coração separado para cuidar do povo de Feira de Santana”, finalizou.

Hospital Municipal de São Gonçalo dos Campos amplia o quadro de atendimentos

A Prefeitura Municipal São Gonçalo dos Campos está ampliando o número de atendimentos e especialidades do Hospital Municipal. Além das especialidades de dermatologia, psicologia e fonoaudiologia, agora o centro também conta com atendimentos de urologia, cardiologia, oftalmologia, nutrição e pediatria. Para os moradores de localidades próximas, as consultas são marcadas uma vez por semana na Central de Regulação, que fica no próprio hospital. Já no caso de pacientes da zona rural e bairros mais distantes, as marcações são realizadas nos postos de saúde de cada localidade.

Pacientes em situação crítica ou internados tem prioridade no atendimento, o objetivo é que essas pessoas garantam a continuidade do seu tratamento, sem a necessidade de entrar na fila de marcação toda semana.

Especialidades como cardiologia, que antes realizava cerca de vinte atendimentos semanais, passou a atender duas vezes por semana, contemplando pelo menos 60 pacientes. Outra novidade é o serviço de dermatologia que passa a oferecer 60 atendimentos semanais, com tratamento de alopécia (queda de cabelos) e realização de pequenas cirurgias. O setor de oftalmologia agora conta com dois profissionais que dão suporte duas vezes por semana, atendendo também aos casos de retinologia.

O laboratório conta com a realização de exames de segunda a sexta, das 7h às 10h:30. As coletas não precisam ser agendadas previamente. O setor de emergência conta com dois médicos, proporcionando atendimento 24h. A sala de radiografia passou pelos devidos reparos, a máquina para o procedimento do exame de Raio X, encontra-se em perfeito funcionamento, atendendo a toda a população.

Levante a Voz - Todos contra a Dengue Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia