WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Câmara Municipal de Feira de Santana’

Lulinha e Marcos Lima pretendem continuar na chapa de José Carneiro

Lulinha e Marcos Lima montagem Política In Rosa

Lulinha e Marcos Lima / montagem Política In Rosa

O vereador e líder do Governo, Lulinha (DEM), afirmou ao site Política In Rosa que, mesmo sendo candidato a deputado estadual irá querer continuar na Mesa Diretiva da Câmara Municipal de Feira de Santana. “Com certeza estarei participando da chapa do atual presidente José Carneiro, pois fizemos um bom trabalho e queremos continuar”, disse.

Lulinha ainda ressaltou que a eleição de deputado é agora em outubro, a eleição da Mesa Diretiva da Câmara de Feira é na próxima segunda-feira (3) e ninguém sabe quem vai ser eleito ou não em outubro. “Se eu me eleger como deputado, deixo o cargo da Mesa Diretiva e fará outra eleição para colocar alguém no meu lugar”, assegurou.

Já o vereador e candidato a deputado federal, Marcos Lima (PRP), em entrevista ao site Política In Rosa declarou seu apoio a Carneiro e disse que seu objetivo é tentar se eleger e por esse motivo não tentaria uma candidatura a presidência. “Não posso querer disputar uma eleição para presidente da Câmara pensando em ser deputado e por esse motivo eu vou abrir mão de ser candidato e irei apoiar o atual presidente José Carneiro para as eleições do próximo biênio”, disse.

Marcos ainda relatou que tem muita vontade de continuar na Mesa Diretiva do qual ele faz parte. “A eleição foi antecipada e não há necessidade de chegar agora e sair da Mesa. Temos alguns benefícios por fazer parte da Mesa até o final do ano e não irei perdê-los”, assegurou.

Candidato opositor na eleição passada, Tourinho apoiará José Carneiro

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

O vereador Roberto Tourinho (PV), que manifestou seu interesse na última eleição da Câmara Municipal de Feira de Santana para ser o presidente do Legislativo feirense, afirmou ao site Política In Rosa de que não irá concorrer as eleições para esse biênio. “Estamos caminhando para ter uma chapa única. O vereador e atual presidente, José Carneiro (PSDB), tem conseguido agregar votos para concorrer à presidência da Câmara e ninguém é candidato de si só. Ele [Zé Carneiro] contará com meu apoio”, disse.

“Pedir votos em instituições religiosas é crime”

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

O vereador Roberto Tourinho (PV), em seu discurso na Câmara Municipal de Feira de Santana, na sessão desta terça-feira (28), parabenizou o Ministério Público pela decisão que torna crime eleitoral o ato de pedir votos em instituições religiosas.

“Decisão acertadíssima da Justiça. O Ministério Público vai estar atento a essa prática. O argumento é bastante simples: não é que a igreja não possa participar da vida política, mas o púlpito religioso não deve ser usado para promover candidatos”, destacou, cumprimentando os estudantes do curso de Direito e demais presentes nas galerias da Casa.

Vereador propõe reforma em casas carentes de Feira de Santana

Vereador Marcos Lima

Vereador Marcos Lima (PRP)

O vereador Marcos Lima (PRP) informou que encaminhou ao Executivo Municipal uma indicação que dispõe sobre a reforma de residências carentes na zona urbana e rural de Feira de Santana. “Ainda tem muita gente carente, que não tem em casa nem banheiro, nem cozinha e alguns com telhados inadequados e isso é motivo de grande preocupação. É triste ver pessoas que moram em casas em condições precárias e não foram contempladas no programa habitacional Minha Casa Minha Vida”, pontuou.

Marcos disse esperar que o prefeito Colbert Martins tenha sensibilidade ao apreciar a indicação.“A indicação sugere a criação de um Projeto de Lei para a realização dessas reformas. Espero que se torne um PL como já existe em Salvador, onde o prefeito ACM Neto reformou diversas residências carentes. Penso que Colbert pode fazer isso em nossa cidade junto à Secretaria de Habitação, beneficiando pessoas inscritas no Minha Casa Minha Vida e que tenham o NIS”, finalizou.

Para vereador, Parada LGBTQ não merece ser patrocinada com dinheiro público

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

O vereador Edvaldo Lima (PP) informou que encaminhou uma indicação ao Poder Público Municipal sugerindo a não liberação de verbas municipais para a Parada LGBTQ. De acordo com o edil, as necessidades de economizar recursos que levaram o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, a cancelar os shows da Expofeira 2018 deverão também ser aplicadas à Parada Gay.

“O nosso prefeito foi muito sábio quando cancelou as grandes atrações da Expofeira. Parabenizo o prefeito por essa atitude. Economizamos R$ 1 milhão. Eu não aceito que a fé cristã seja afrontada desse jeito. A Parada Gay é uma festa profana e não merece ser patrocinada com dinheiro público”, disse.

Violência faz oposicionista pedir mais segurança nos terminais de transbordo

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

O vereador oposicionista, Alberto Nery (PT), cobrou reforço da segurança nos terminais de transbordo do transporte urbano de Feira de Santana. Pontuando diversas ocorrências de homicídios, assaltos e demais formas de violência nos equipamentos. Nery questionou a responsabilidade pela manutenção da segurança e cobrou o retorno da Guarda Municipal para coibir as práticas criminosas nos terminais. “Os terminais Norte, Sul e Central surgiram, há 10 anos, com o propósito de melhorar o transporte de nossa cidade, mas viraram transtorno para a vida da população, porque foram transformados em palcos para a violência, com assassinatos a tiros, facadas, assaltos. Não sabemos de quem é a responsabilidade pela segurança nesses locais, se é da empresa responsável pela operação do sistema de transporte coletivo ou se é da Guarda Municipal”, questionou.

Alberto Nery destacou que a Polícia Militar realiza rondas e blitz com frequência visando combater a criminalidade nos espaços. “Com a retirada da Guarda Municipal a violência tem aumentado. Peço ao prefeito Colbert Martins Filho que sejam tomadas as providências cabíveis. Irei buscar informações com o secretário municipal de Prevenção à Violência, Pablo Roberto, sobre a segurança nas estações de transbordo de nossa cidade”, afirmou.

Vereador chama pesquisa de “fraudulenta”

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

O líder do Governo, vereador Lulinha (DEM), criticou a pesquisa do Ibope, que mostra José Ronaldo com 8% das intenções de voto para o cargo de governador da Bahia. “Estão colocando Ronaldo com 8%. O que vimos ontem, na carreata que passou por sete ou oito cidades, é que a pesquisa está erradíssima. A carreata começou 8 da manhã e terminou às 22 horas e por todos os lugares eram as pessoas pedindo Ronaldo, pois querem mudança. Pessoas clamando por segurança pública, saúde e educação. O maior pedido foi acabar com a fila da morte, com a regulação”, relatou Lulinha.

Para finalizar, Lulinha afirmou que essa pesquisa é ‘fraudulenta’. “Ela não demonstra a realidade do dia a dia, do interior, que antes era PT. A mudança chegou. Amanhã vamos participar de uma carreata em Santa Bárbara, onde será anunciado um grande apoio a Ronaldo, nosso governador.  Quem rir por último, rir melhor. Vi localidades onde o governador nem entrou porque ficou com vergonha, pela falta de pessoas e tinham apenas as pessoas que carregavam bandeiras. Estamos visitando as localidades e pegando na mão de todos, sem passar álcool depois. Ronaldo é gente, toma sol e poeira. Ontem foi a carreata da virada, quem não era Zé Ronaldo virou”, finalizou.

Zé Curuca chama a atenção de eleitor para políticos “picaretas”

Vereador Zé Curuca

Vereador Zé Curuca (DEM)

O vereador Zé Curuca (DEM) pediu atenção dos eleitores nesta eleição. Segundo ele, o brasileiro deve eleger candidatos que têm ficha limpa. “Nem parece que estamos numa campanha política porque não estamos vendo os carros de som pela cidade. Mas, gostaria de chamar a atenção do eleitor para os políticos que batem à sua porta, oferecendo benefícios. Cuidado, porque eles estão envolvidos na Operação Lava Jato. Depois de eleitos vão roubar o dinheiro da saúde, educação e segurança para terem de volta o dinheiro que gastou com os benefícios dados. Por isso, peço que pesquisem a vida de Targino Machado e Zé Nunes, que são ficha limpa. Tenham cuidado com os picaretas que chegam à sua porta”, alertou Curuca.

Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (PP) parabenizou o colega pelo discurso e acrescentou o nome do deputado Carlos Geilson aos candidatos ficha limpa. O edil Luiz Augusto de Jesus, Lulinha (DEM) também participou do debate e reforçou que o deputado Zé Nunes é ficha limpa. “O eleitor precisa mesmo ter cuidado em quem vai votar. Zé Nunes é ficha limpa e tem trabalhado muito por Feira de Santana”, disse.

De volta com a palavra, Curuca aconselhou o eleitor a denunciar o candidato ou cabo eleitoral de candidato que não for ficha limpa. “Se chegar o cabo eleitoral de um candidato que não é ficha limpa, denuncie. Vamos à luta e não venda seu voto. Amanhã ou depois ele irá roubar de braçada”, aconselhou.

Zé Filé reforça críticas de Bililiu e diz: “Todos os gestores têm a sua parcela de culpa”

Vereador Zé Filé

Vereador Zé Filé (PROS)

O vereador Zé Filé (PROS), concordando com as reclamações do vereador João Bililiu (PPS),  também criticou o descaso do Poder Público com os moradores dos bairros adjacentes da Lagoa Grande. O edil informou que tem visitado a localidade. “Os governos têm que intervir naquela situação. Está insustentável”, disse.

Na oportunidade, o edil afirmou que a responsabilidade de proporcionar o bem-estar do povo não é exclusiva do Governo do Estado. “Eu sei o que o povo tem passado. Eu estou sempre junto. Faço a minha parte. Alguns vereadores acham que a culpa é só do Estado. Estão errados. Todos os gestores têm a sua parcela de culpa, ou seja, a responsabilidade é de todos. Afinal de contas, para onde vai o dinheiro do IPTU recolhido naquele bairro? Subir aqui e criticar é muito fácil. Todos nós devemos de algum modo contribuir para a mudança”, finalizou.

“Se os secretários estão com dificuldades de atender solicitações, que sejam substituídos”, dispara vereador

Vereador João Bililiu

Vereador João Bililiu (PPS)

O vereador João Bililiu (PPS) reclamou da morosidade das secretarias municipais de Feira de Santana em atender as reivindicações da população. “Há cerca de 40 dias solicitei o serviço de capinação para o bairro Caseb. Mas, até o momento, nada foi feito. É difícil o atendimento chegar de acordo com a necessidade do povo. Parece que estamos pedindo favores”, reclamou.

O edil assegurou que vai buscar providências junto ao prefeito Colbert Martins Filho e sugeriu que os gestores insatisfeitos com o trabalho que deve ser realizado no serviço público entreguem os cargos. “Se os secretários estão com dificuldades de atender solicitações, que sejam substituídos ou entreguem as cartas com pedido de exoneração. Se eu sou cobrado eu preciso cobrar em prol do meu povo”, concluiu.

Projeto que dispõe sobre a utilização de banheiros de acordo com a identidade de gênero é aprovado

Vereador Tom

Vereador Tom (Patriota)

Na sessão desta quarta-feira (22), na Câmara Municipal de Feira de Santana, foi aprovado, em segunda discussão e por maioria  dos presentes, o Projeto de Lei de nº 048/2018, de autoria do vereador Tom (Patriota), que dispõe sobre a utilização de banheiros, vestiários e demais espaços segregados, de acordo com a identidade de gênero, nas repartições públicas e instituições privadas em geral, instaladas no município de Feira de Santana. O edil Roberto Tourinho (PV) votou contrário à matéria.

Segundo o artigo 1º da proposição, fica vedada a utilização de banheiros, vestiários e demais espaços segregados, de acordo com a identidade de gênero, nas repartições públicas e instituições privadas em geral no âmbito do município de Feira de Santana. “Para efeitos do caput deste artigo, considera-se identidade de gênero, o conceito pessoal, individual, psíquico e subjetivo, divergente do sexo biológico, adotado pela pessoa”, diz o parágrafo único.

Conforme o artigo 2º, os banheiros, vestiários e demais espaços segregados, públicos e privados deverão ser identificados como masculino e feminino. O artigo  3º determina que a fiscalização ao cumprimento das disposições gerais desta Lei será feita pelos setores da Prefeitura Municipal de Feira de Santana.

De acordo com o artigo 4º, as despesas da presente Lei correrão por conta de verba orçamentária própria. Já o artigo 5º informa que esta Lei entrará em vigor 60 dias após a  sua publicação.

Isaías de Diogo diz que está sendo perseguido por Maurício Carvalho

vereador Isaías de Diogo

Vereador Isaías de Diogo (PSC)

O vereador Isaias de Diogo (PSC) se disse perseguido pelo superintende Municipal de Trânsito, Maurício Carvalho por ter feito cobranças na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana. Segundo Isaías, a comunidade do conjunto Feira X está sendo prejudicada após um chupa-cabra ter sido colocada embaixo de um sinal, o que atrasa o trafego e consequentemente as pessoas para chegar ao trabalho. “Com essa sua perseguição o senhor não está prejudicando a mim, mas a comunidade do Feira X que paga o seu salário”, criticou.

Vereadoras reclamam de atendimento dado pela Secretaria de Desenvolvimento Social

Eremita Mota e Neinha Bastos montagem Política In Rosa

Eremita Mota (PSDB) e Neinha Bastos (PTB) / montagem Política In Rosa

A vereadora Eremita Mota (PSDB) reclamou, em seu discurso na manhã desta segunda-feira (20) na Câmara Municipal de Feira de Santana, do atendimento dado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social as pessoas, principalmente mulheres que buscam os serviços prestados pelo órgão. Segundo a vereadora, nos encontros que tem participado, tem recebido muitas reclamações de mulheres que são maltratadas nos setores que compõem o órgão, em especial no Bolsa Família. “A maioria das pessoas que realizam esses atendimentos são homens. Quando uma mulher questiona o que aconteceu com o seu Bolsa Família, por exemplo, eles mandam procurar o antigo Governo brasileiro. Questionam ainda porque elas querem esse dinheiro. A resposta não condiz com o bom atendimento e o respeito que a mulher merece”, criticou.

Eremita destacou que ficou triste com tantos depoimentos de mulheres dizendo que a Secretaria que mais as maltrata é a que deveria acolhê-las. A vereadora concluiu a sua fala ressaltando que a cidade de Feira de Santana merece secretários, diretores e de pessoas que tenham educação. “Se não gostam de trabalhar com pessoas digam que não querem trabalhar com atendimento. Se vai fazer esse tipo de trabalho, trate de ser educado”, finalizou.

Neinha também critica

A vereadora Neinha Bastos (PTB) concordou com Eremita, reforçou a sua fala e garantiu que vai tratar pessoalmente da situação com o prefeito Colbert Martins Filho. “Se assumem cargos para atender que atendam bem. Não existe político sem povo. Quem está sentado para maltratar o povo saiba que nesta Casa existem vereadores para denunciar. O papel desses funcionários dessa Secretaria é viabilizar o atendimento ou atrapalhar?”, questionou. Neinha relatou que já testemunhou situações lamentáveis no órgão. “Também estive na Secretaria de Desenvolvimento Social, assim como a vereadora Eremita e percebi o mau atendimento às pessoas e testemunhei uma situação que me deixou estarrecida. Quem senta na cadeira do órgão público deve ter boa vontade. Fica aqui a minha indignação a essa situação”, concluiu.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia