WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Expofeira2019

:: ‘Câmara Municipal de Feira de Santana’

Líder do Governo rebate crítica de colega governista

Marcos Lima e Edvaldo Lima-montagem-Política-In-Rosa

Marcos Lima e Edvaldo Lima – montagem: Política In Rosa

Em resposta a matéria veiculada no site Política In Rosa com o titulo: Líder do Governo faz um péssimo trabalho, critica vereador, o vereador e líder do Governo, Marcos Lima (Patriota) rebateu a declaração do seu colega Edvaldo Lima (PP). Confira a nota encaminhada a nossa redação:

Em fevereiro do corrente ano, fui designado pelo prefeito Colbert Martins Filho para o papel de líder da bancada governista na Câmara Municipal. De lá para cá, tenho tido a preocupação de buscar um diálogo com todos, inclusive da oposição, e uma unidade do nosso grupo.

Tenho plena consciência de que estou passível de todo tipo de crítica e sempre me coloquei à disposição dos meus colegas para qualquer esclarecimento. Todavia, quando a crítica não possui qualquer fundamento, contexto ou provas, a gente recebe com certa surpresa e indignação.

É preciso trabalhar com a verdade. E é isso o que tenho buscado. Em minha visão como político, compreendo que um péssimo trabalho é trazer notícias falsas para a Câmara e ainda nos expor nacionalmente de maneira negativa por conta de uma fake news. Um péssimo trabalho é não respeitar a cultura e a diversidade que temos. Sou um homem íntegro, um pai de família, um cristão, mas tenho a plena consciência de que como vereador preciso respeitar a todos e buscar diálogo. Exatamente como Jesus Cristo nos ensinou, o amor e o respeito ao próximo é que devem nortear as nossas vidas.

O meu compromisso na Câmara Municipal é com todos os cidadãos feirenses, independente da vida particular de cada um. Sou um vereador de todos! Acredito que esse deve ser o papel de cada um de nós vereadores. Vamos seguir trabalhando para que a nossa cidade evolua cada vez mais. Sempre com idéias, diálogos, sensatez e, principalmente, a verdade.

Vereador Marcos Lima

Otto Alencar receberá Comenda Maria Quitéria

Senador Otto Alencar

Senador Otto Alencar – Foto: Reprodução

O Projeto de Decreto Legislativo de nº 030/2019, de autoria do vereador Zé Filé (PROS), que concede a Comenda Maria Quitéria ao senador Otto Roberto Mendonça de Alencar, foi aprovado, em discussão única e por unanimidade dos presentes, na sessão ordinária da Câmara Municipal de Feira de Santana, desta quarta-feira (14). A honraria é concedida à pessoa que tenha prestado relevante e notório serviço ao Município e ao seu povo.

De acordo com a proposição, a Mesa Diretiva da Câmara Municipal providenciará a impressão da Comenda, que será entregue em sessão solene, convocada especialmente para este fim. As despesas decorrentes da execução deste Decreto Legislativo correrão por conta de verba existente na Secretaria da Casa.

Feira Itinerante: Ron do Povo fala da conquista para a comunidade da Gabriela

Vereador Ron do Povo

Vereador Ron do Povo

Em pronunciamento na manhã desta quarta-feira (14), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Ron do Povo (PTC) falou da satisfação em ter na sua comunidade do bairro da Gabriela a realização da primeira Feira Itinerante do município de Feira de Santana. De acordo com o edil essa conquista é resultado de muito diálogo e trabalho em prol da comunidade da Gabriela e adjacências. “Fico muito feliz em ver a minha comunidade sendo a primeira localidade a ser contemplada com esse projeto. Tudo foi decidido democraticamente, após várias reuniões com a comunidade local e o secretário Antônio Carlos Borges Júnior, buscando sempre melhorias para o meu povo. Acredito que a realização dessa Feira Itinerante, será uma das opções para os vendedores ambulantes continuarem exercendo suas atividades no ramo, após a relocação do Centro da cidade. Do lado de cá, o meu sentimento é o de sempre: realização e dever cumprido. O trabalho não para!”, afirmou Ron do Povo.

O projeto de fomento à geração de trabalho e renda Feira Itinerante, promovido pelo Governo Municipal, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec), terá início neste domingo (18) e sua estréia será no residencial Solar da Princesa, no bairro Gabriela, empreendimento do programa Minha Casa, Minha Vida. (Ascom)

Líder do Governo faz um péssimo trabalho, critica vereador

Edvaldo Lima e Marcos Lima-montagem-Política-In-Rosa

Edvaldo Lima e Marcos Lima-montagem-Política-In-Rosa

O vereador Edvaldo Lima (PP), que é da base de sustentação do governo do prefeito Colbert Martins Filho, disse na sessão ordinária desta terça-feira (13) que o líder do Governo, Marcos Lima (Patriota), faz um péssimo trabalho na Casa. A opinião do vereador veio após Marcos ter sido elogiado pelo colega Zé Curuca (DEM). “Sinceramente o líder do Governo faz um péssimo trabalho aqui nesta Casa. Me desculpe, vereador, mas Vossa Excelência fazer um elogio deste…”, disparou Edvaldo.

Vereadora cobra criação de novos abrigos para mulheres vítimas de violência

Vereadora Cíntia Machado

Vereadora Cíntia Machado (PRB)

A vereadora Cintia Machado (PRB) em seu pronunciamento na sessão ordinária realizada nesta segunda-feira (12), na Câmara Municipal de Feira de Santana, repercutiu o caso de agressão ocorrido em uma academia de Salvador, na última quinta-feira (07), no qual uma mulher foi espancada pelo ex-companheiro.

De acordo com a vereadora, os casos de violência contra mulher estão crescendo e o Governo do Estado precisa construir novos abrigos para acompanhar a grande demanda. “Já temos três abrigos que acolhem essas mulheres, porém eu soube que vão poder receber mulheres de outra cidade. Não está dando conta do que acontece em Feira, como vai dar conta do que acontece nas outras cidades? Isto aí é missão do governador, é ele que tem obrigação de criar uma casa abrigo. O abrigo de Feira tem que ser para as mulheres de Feira”, protestou.

Após sair do PSC, Isaías se filia ao PDT e diz que partido poderá contar com mais oito vereadores

vereador Isaías de Diogo

Vereador Isaías de Diogo (PSC)

O vereador Isaías de Diogo pediu na semana passada a sua desfiliação do Partido Social Cristão (PSC) e em seguida já se filiou ao Partido Democrático Trabalhista (PDT) exercendo a vice-presidência municipal do partido em Feira de Santana, que tem como presidente o vereador licenciado, secretário Pablo Roberto. Diogo será o líder do PDT na Câmara Municipal de Feira de Santana.

Isaías disse ao site Política In Rosa que além dele e Pablo Roberto o PDT poderá ter em média oito ou nove vereadores filiados. “Vou aguardar que cada um se manifeste, mas temos em média de oito a novo vereadores para se filiar”, disse.

Contrário e favorável

O vereador Lulinha (DEM) falou ao Política In Rosa sobre a adesão de Pablo Roberto e Isaías de Diogo ao PDT que é um partido da base aliada do governador Rui Costa. “É uma decisão de cada um e eles são independentes. Acho que deveria ter buscado aqui em Feira de Santana um partido que fosse aliado do governo municipal”, relatou.

Já o edil Edvaldo Lima (PP), felicitou Isaías de Diogo pela transição partidária. “Pode ter certeza que o vereador Edvaldo Lima vai assinar sua ficha no PDT. Nós vamos fazer do PDT em Feita de Santana um grande partido, elegendo no mínimo quatro ou cinco vereadores nessa bancada”, concluiu.

Vereador critica troca de hidrômetros nas residências de Feira de Santana

Vereador Cadmiel Pereira

Vereador Cadmiel Pereira (PSC)

O vereador Cadmiel Pereira (PSC) em seu discurso na sessão ordinária da última quarta-feira (07), na Câmara Municipal de Feira de Santana, informou que a Embasa está realizando troca gradativa de hidrômetros em Feira de Santana. Segundo ele, com essa atitude as contas de água estão chegando mais caras. “Desde ontem quero retratar sobre o que vem acontecendo em Feira de forma gradativa: a troca de hidrômetros feita pela Embasa. Se uma rua tem 50 casas, eles trocam de cinco para não chamar atenção. As casas em que os hidrômetros foram trocados, as contas de água saíram de R$ 50 para R$ 436. Estamos vendo nos bairros manifestações, onde as pessoas estão tomando conhecimento das trocas e a Embasa, para não explodir de vez, está trocado de forma gradativa”, disse Cadmiel.

De acordo com o edil, tiveram pessoas que prestaram uma queixa e com isso a conta saiu de R$ 436 para R$ 230. “A Embasa, há muito tempo, vem ofertando um serviço que está deixando a desejar. A terceirizada da Embasa está estragando o piso da cidade, não deixa igual e não volta para resolver. Embasa é campeã de queixas no Procon. Ainda temos bairros com problemas de abastecimento de água e na zona rural muitos lugares que ainda não têm esse fornecimento. Peço as pessoas que estão com esse problema que venham até mim, pois vamos dar entrada em uma ação civil pública contra esta atitude da Embasa”, disse.

Vereador pede cancelamento de concurso público

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

O vereador Roberto Tourinho (PV) em seu discurso na sessão ordinária desta quarta-feira (07), na Câmara Municipal de Feira de Santana, denunciou a igualdade das provas aplicadas nos concursos realizados em Feira de Santana e Serra Preta. “Nosso papel principal é acompanhar, fiscalizar os atos municipais e criar leis e vota-las. Somos empregados do povo. Vou trazer uma informação para que vejam o que esta acontecendo: Só se pode ingressar no Poder Público através de concurso. Não há apadrinhamento”, afirmou o edil fazendo a leitura da definição da palavra concurso público.

Tourinho continuou dizendo que “dia 28 de julho de 2019, a Prefeitura de Feira fez o concurso público para o Conselho Tutelar. A empresa que ganhou o concurso foi Seleta Seleção e Consultoria, com sede em Alagoinhas. Mas, essa mesma empresa também ganhou a licitação para realizar o certame em outras cidades como Cachoeira, Araçás e outras na Bahia. No dia 21 de julho, esta mesma empresa aplicou as provas de concurso público na cidade de Serra Preta”, disse. :: LEIA MAIS »

Advogado de Associação critica Shopping Popular

advogado da Associação Feirense dos Vendedores Ambulantes (AFEVA), Rodrigo Lemos

Advogado da Associação Feirense dos Vendedores Ambulantes (AFEVA), Rodrigo Lemos.

O advogado da Associação Feirense dos Vendedores Ambulantes (AFEVA), Rodrigo Lemos, esteve na manhã desta quarta-feira, 07, na Câmara Municipal de Feira de Santana para explanar a respeito das cláusulas contratuais entre a Prefeitura e o consórcio responsável pela construção e distribuição de boxes do Centro Comercial Cidade das Compras – Shopping Popular. Na oportunidade, Rodrigo Lemos explicou aos vereadores e ambulantes presentes nas galerias da Casa, que a Prefeitura concedeu o prazo de cinco anos ao consórcio para acomodar os 1800 camelôs cadastrados. “Desde 2014 conta-se a história de revitalização do centro comercial de Feira de Santana. A Prefeitura pretende com esta obra retirar das ruas 1800 vendedores. Mas, segundo estudos realizados pela UEFS, só no centro de Feira trabalham mais de 9 mil ambulantes”, informou o advogado.

Ele também teceu duras críticas à concessão de uma área do Centro de Abastecimento que, segundo ele, é a região mais rentável de Feira de Santana. “O entreposto desempenha um papel essencial e histórico para a cidade. É um local supervalorizado. O Município entregou o Centro de Abastecimento e R$ 13 milhões nas mãos de um empresário que responde por inúmeros processos em São Paulo, Minas Gerais e Manaus”, lamentou. Direcionando a fala para os ambulantes, o advogado forneceu informações sobre a lei do inquilinato estabelecida no contrato do empreendimento. “Se o vendedor cadastrado não pagar as taxas exigidas pelo consórcio será desapropriado, ou seja, vocês não estão resguardados em nada”, frisou.

Ao concluir, Rodrigo Lemos se colocou a disposição dos vendedores e vereadores para esclarecer dúvidas.

“O poder público está botando a mão no bolso do povo de Feira de Santana”, diz vereador

Vereador José Carneiro

Vereador José Carneiro (PSDB)

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, vereador José Carneiro Rocha (PSDB), em seu discurso na sessão ordinária desta terça-feira (06), repudiou as cobranças das taxas de guincho feitas pelo DETRAN e pela Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), julgando os valores como abusivos. De acordo com Carneiro, ambos os departamentos cobram valores excessivos no reboque dos veículos para os pátios, enquanto empresas privadas de guinchos fazem o mesmo serviço por preços menores.

“O poder público está botando a mão no bolso do povo de Feira de Santana. É inadmissível que se pague tanto dinheiro pelo transporte de um veículo, de uma moto, que está sendo apreendida do centro da cidade até o pátio”. Além do preço do transporte, o edil criticou os valores cobrados pelas diárias nos pátios. “Parar em local proibido já é errado, a SMT multa, mas eles colocam o seu carro no guincho e a pessoa é multada novamente”. E completou “as pessoas que possuem carro estão sendo lesadas”.

Após anunciar saída do PSC, Isaías diz que pediu a presidência do partido e nunca deram oportunidade

Vereador Isaías de Diogo

Vereador Isaías de Diogo

O vereador Isaías de Diogo anunciou a sua desfiliação do Partido Social Cristão (PSC) durante seu discurso na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, nesta terça-feira (06). Em entrevista ao site Política In Rosa, Isaías de Diogo disse que está saindo do PSC porque na nova legislação ninguém quer concorrer com políticos de mandato. “Conversei com o presidente estadual do PSC, Heber Santana, expliquei a necessidade, pois algumas vezes eu já pedi para assumir a presidência do partido em Feira de Santana, tendo em vista que foram abandonados, não temos diretório municipal e nunca me deram a oportunidade de assumir a presidência do PSC”, disse.

De acordo com Isaías, Heber Santana teve uma reunião com a diretoria estadual do partido e concedeu a sua liberação para poder ir a outro partido. “Irei ficar sem partido e analisando algumas opções”.

“Buracos se multiplicam e cidade sofre com falta de gestão”, afirma vereador

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

“Existem pessoas na zona rural de Feira de Santana caminhando cinco quilômetros pra conseguir pegar o transporte porque os ônibus não conseguem transitar pelas estradas da zona rural”. O problema foi debatido durante a sessão desta segunda-feira (5), na Câmara Municipal de Feira de Santana pelo vereador Alberto Nery (PT).

Líder da bancada de oposição, Nery lembrou que “quando defendemos que o recurso do BRT fosse usado para recuperar os corredores de tráfego era exatamente para evitarmos a situação que chegamos hoje: estradas intransitáveis e usuários do transporte público sofrendo as consequências”.

Para o vereador, a situação é reflexo da falta de gestão pública que vive hoje Feira de Santana e questionou: “Cadê o governo municipal que não está vendo os buracos se multiplicarem não só na zona rural, mas por toda cidade? Não sei se em Feira de Santana existe uma só rua que não tenha um buraco”.

Colbert Filho tem almoço com vereadores de sua bancada

Alguns vereadores da bancada governista da Câmara Municipal de Feira de Santana em almoço com Colbert Filho

Alguns vereadores da bancada do prefeito Colbert Filho – Foto: Reprodução

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho (MDB), teve um almoço neste domingo (21) com alguns vereadores que fazem parte da sua bancada na Câmara Municipal de Feira de Santana. Informações obtidas pelo site Política In Rosa dão conta de que o objetivo era o gestor alinhar com os edis propósitos e projetos.

Estiveram presentes os vereadores José Carneiro Rocha (presidente da Câmara – PSDB), Marcos Lima (líder do Governo – Patriota), Lulinha (DEM), Carlito do Peixe (DEM), Isaías de Diogo (PSC), Cíntia Machado (PRB), Luiz da Feira (PPL), Gilmar Amorim (PSDC), Neinha Bastos (PTB) e Fabiano da Van (PPS).

Vereador critica duramente a Via Bahia

Vereador Marcos Lima no Subaé

Foto: Reprodução

O vereador Marcos Lima (Patriota) usou suas redes sociais nesta quinta-feira (04) para fazer uma denúncia sobre a falta de acostamento na Avenida de Contorno, nas proximidades da entrada do Bairro Subaé, em Feira de Santana. Marcos ressaltou que isso vem causando vários acidentes no local. “Aqui acontecem vários acidentes porque não existe acostamento. As pessoas que precisam entrar ou sair do Subaé tem que fazer isso rapidamente porque não tem uma pista de desaceleração. O lugar ainda está cheio de buracos. É muito perigoso e a Via Bahia não toma providências mesmo sendo ela a responsável por fazer a manutenção. A concessionária abandonou essa via”, criticou.

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia