WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Expofeira2019

:: ‘13ª edição do Bando Anunciador’

A partir de 2020, Bando Anunciador terá comissão interinstitucional

A partir de 2020, Bando Anunciador terá comissão interinstitucional

Foto: Cuca

Com o objetivo de avaliar a 13ª edição do Bando Anunciador foram realizadas reuniões, no decorrer desta semana, entre a Direção do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), secretarias municipais, representantes de órgãos públicos e representantes de bandos que participaram do evento. Algumas medidas tomadas nesta edição deram mais fluidez e segurança ao cortejo, como a proibição de carroças, animais, carros de som e minitrios. Atendendo as orientações da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, o percurso oficial do Bando retornou à Praça da Matriz pela Rua de Santana e não pelos Becos da Energia e do Mocó, como acontecia anteriormente.

Segundo Aldo Morais, diretor do Cuca, embora a avaliação geral tenha sido positiva, a dimensão crescente do Bando Anunciador deu a todos a certeza da necessidade de uma maior articulação entre a Uefs, através do Cuca, Poder Público e sociedade para a preparação da próxima edição. “Assim foi acordado que será constituída uma comissão interinstitucional para essa tarefa, com mais reuniões prévias e maior antecedência na articulação das ações integradas”, disse.

Edilson Barbosa, representante do Bando das Baraúnas, participou da reunião avaliativa e afirmou que este ano o cortejo do Bando foi mais tranquilo. “Eu achei muito interessante a proibição em relação às carroças, animais e carros de som. Isso fez com que o evento fosse mais tranquilo. Eu acredito que a formação dessa comissão vai trazer muitas melhorias para o Bando Anunciador”, declarou. :: LEIA MAIS »

Bando Anunciador se consolida como grande evento cultural feirense

Bando Anunciador se consolida como grande evento cultural feirense

Foto: Washington Nery

Plural, a quantidade de pessoas que participou da 13ª edição do Bando Anunciador, neste domingo, 7, desde a sua retomada, seguramente a confirmaram que a segunda maior festa popular de Feira de Santana – em termos de participação de público perde apenas para a Micareta, está consolidada. Foliões de todas as tribos e fantasias participaram da secular festa. Foram personagens de filmes, de desenhos animados, piratas, bailarinas, noivas, padres, papa e muitas Fridas Khalo. O evento anuncia que dentro de mais alguns dias os festejos religiosos dedicados à Senhora Santana, padroeira de Feira de Santana, serão iniciados. O evento contou com o apoio da Prefeitura de Feira de Santana, por meio das secretarias de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Saúde (SMS), Prevenção à Violência (Seprev) – por meio da Guarda Municipal, e da SMT (Superintendência Municipal de Trânsito).

Os bandos, grupos de muitos amigos, como o das Baraúnas – componentes disseram que fizeram mil camisas, ou de apenas algumas pessoas, ou mesmo foliões individuais, começaram a chegar cedo à rua Conselheiro Franco. Animadamente ocuparam todos os espaços. Era chegar e iniciar o desfile. Foram puxadas por charangas ou grupos de samba. A participação era de adesão. O folião pode brincar à vontade no bando que passasse à sua frente. Outras ficaram nos passeios para ver os bandos passarem. (Secom)

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia