WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Conversor Digital





Escolas da Rede Municipal recebem novo mobiliário do Projeto Reequipar

Escolas da Rede Municipal recebem novo mobiliário do Projeto Reequipar

Foto: Andreyse Porto

Escolas da Rede Municipal de Educação de Feira de Santana receberam, nas últimas semanas, novos e diversos itens de mobiliário. A iniciativa integra o Projeto Reequipar, da Secretaria Municipal de Educação, que visa oferecer às escolas melhores condições de funcionamento. Armários, carteiras, mesas para impressora, cadeiras giratórias, carrinhos coletores, lixeiras seletivas, quadros brancos, batedeiras industriais e estantes são alguns dos itens já entregues. Ao todo, 55 escolas foram beneficiadas. Algumas unidades de ensino recebem um número maior de itens. A distribuição é feita de acordo com a demanda apresentada pela própria gestão de cada escola e também a disponibilidade dos vários equipamentos.

Foram contempladas as escolas municipais: Maria Antônia da Costa, Santo Expedito, Valdete Maia, João Paulo II, Mãe da Providência, Pequena Tamy, Doce Lar da Criança, Associação Cristã Feminina, Parque Brasil, Associação Feirense de Assistência Social, Minhas Crianças, Adriano Bonfim, Luís Alberto, Amélia Dourado Neves, Gente Miúda, Tia Berna, Vovó Zeza, Creche Dagmar Silva e Pré-Escola do Grupo Fraternal Espírita Mãos Unidas.

Já na zona rural, a entrega beneficiou escolas de seis distritos: Maria Amália Martins Daltro Coelho, Francisco Rego Sobrinho, Sonia Vieira Ramos Lima e Quinze de Novembro (Jaíba); Manoel Nascimento, Maria Odete Souza Oliveira, Vitoriano Tomas Bispo, Ruy Nunes Cerqueira, Raul Ribeiro de Oliveira, Leovigildo Ribeiro Santos, Manoel Cundes Ferreira, José Tavares Carneiro, Antônio de Freitas Borja e Centro Municipal de Educação Infantil Paulino Martins dos Santos (Maria Quitéria); Godofredo Coutinho Pereira, André Custódio Ferreira, Marcelino José Coutinho (Tiquaruçu); Firmino José de Brito (Jaguara); Maria de Oliveira Dorea, Armando Ramos Moraes, Dival Figueredo Machado, Otaviano Ferreira Campos, Augusto Maria Ramos, Agrário de Oliveira Melo e Maria de Lourdes Almeida Machado (Ipuaçu), Joaquim Pereira dos Santos, Santa Izabel, Rosa Maria Esperidião Leite, Florêncio Alves Bispo, Beatriz Bispo Miranda, Izidro Alves de Jesus, Ieda Barradas Carneiro e Tibúrcio Nunes Vitório (Matinha).

Pela primeira vez, Alagoinhas tem uma mulher no comando da Prefeitura

Pela primeira vez, Alagoinhas tem uma mulher no comando da Prefeitura

Foto: Roberto Fonseca

Em cerimônia realizada nesta segunda-feira (05), o prefeito de Alagoinhas Joaquim Neto fez a transmissão do cargo para a vice-prefeita e secretária de Cultura, Esporte e Turismo (SECET) Iraci Gama. O secretário de Governo e Comunicação, Gustavo Carmo, o presidente da Câmara, Roberto Torres, outros membros do governo e vereadores participaram do momento. A transmissão do cargo aconteceu em virtude de uma viagem que Joaquim Neto fará, nesta terça-feira (06), à Lisboa, em Portugal. O prefeito ficará ausente da cidade por um período de cinco dias úteis, tempo em que participará do Fórum das Cidades Sustentáveis. “Será um evento em que vão participar prefeitos e gestores do mundo todo, que assim como eu, estão preocupados com o meio ambiente, com a destinação correta dos resíduos sólidos e outras questões relativas à Saúde Ambiental”, explica Joaquim Neto. “Saio para participar de um evento que me trará uma experiência rica e produtiva, com a certeza de que nossa administração continuará mantendo o mesmo ritmo de trabalho adotado desde o início da gestão. O tempo mínimo para transmitir o cargo é de 15 dias, mas como temos alguns documentos de convênios e emendas importantes para serem assinados, achei prudente fazer essa transmissão”, afirma o prefeito. “Devo ressaltar que estou muito feliz em presenciar a primeira vez em que uma mulher assume a prefeitura de minha cidade, embora que por alguns dias”, comemora Joaquim.

A prefeita em exercício, Iraci Gama, afirmou que durante sua passagem no comando do município vai cumprir a agenda de compromissos da prefeitura, sem alterar a rotina administrativa do cargo. “Quero agradecer pela confiança e o carinho de todos que vieram prestigiar esse momento, e dizer que me sinto honrada em assumir o cargo pela primeira vez”, disse Iraci. O prefeito informou, ainda, que em respeito o momento de contenção de gastos da prefeitura, arcará com todos os custos da viagem.

Candidatos e partidos devem prestar contas à Justiça Eleitoral até esta terça-feira (06)

Eleições 2018

Eleições 2018

Candidatos e partidos que concorreram aos cargos das Eleições Gerais 2018 devem prestar contas à Justiça Eleitoral até esta terça-feira (06). A obrigação é prevista pela Resolução do TSE nº 23.553/2017 e abrange toda a movimentação realizada durante as campanhas. Para recebimento da documentação, o TRE da Bahia já atua em regime de plantão, sendo os horários, de segunda à sexta-feira, das 13h às 19h; e aos sábados, domingos e feriados, das 16h às 19h. Na prestação de contas, os candidatos devem justificar como geriram recursos financeiros e bens estimáveis em dinheiro para tentar as vagas. O candidato ou partido que não tiver movimentado recursos nesse período não está isento de prestar contas. Mesmo quem renunciou à candidatura, foi substituído ou teve registro indeferido pela Justiça Eleitoral deverá fazê-lo.

As prestações de contas de candidatos e órgãos partidários estaduais devem ser feitas diretamente ao TRE-BA. Já os órgãos municipais devem levar essa justificativa ao Cartório Eleitoral de jurisdição do município. Para a prestação de contas, é obrigatória a constituição de advogado. O candidato que não prestar contas ficará impedido de obter a certidão de quitação eleitoral até o final da legislatura. Os efeitos dessa restrição só serão sanados com a efetiva regularização da pendência. Recursos públicos recebidos de fundo partidário e/ou de fundo especial de financiamento de campanha também deverão ser devolvidos ao Tesouro Nacional.

Unidades de Saúde municipais oferecem exames de rotina e PSA para homens

Unidades de Saúde municipais oferecem exames de rotina e PSA para homens

Foto: Divulgação

As Unidades Básicas de Saúde intensificam o acompanhamento à saúde do homem e as ações voltadas para prevenção do câncer de próstata, dentro da campanha Novembro Azul. O público com idade acima de 50 anos tem à disposição solicitação de exames de rotina e PSA (Antígeno Prostático Específico), com livre demanda a serem realizados em 15 laboratórios do Sistema Único de Saúde (SUS). “As pessoas que possuem algum histórico familiar de câncer podem realizar o exame mais cedo, a partir dos 45 anos. Para tanto, a orientação é procurar a UBS mais próxima à residência”, informa a enfermeira referência em saúde do homem, Isabela Machado.

Após os exames, os casos diagnosticados da doença serão encaminhados para acompanhamento com urologista na Rede Municipal de Saúde. Isabela alerta que só este ano, entre os meses de janeiro a agosto, foram registrados 127 casos de câncer de próstata e dois de câncer de pênis.

De acordo com a profissional, os homens tendem a procurar menos o serviço de atendimento de saúde e isso dificulta a prevenção de doenças graves, como o câncer. “É importante entender que quanto mais cedo o diagnóstico, maiores são as chances para cura”, ressalta. As UBSs estão empenhadas em todo o município com ações estratégicas em bares, indústrias, postos de gasolina, entre outros locais, em busca de alcançar o público. Parcerias também estão sendo feitas com outras secretarias e instituições, com atividades educativas e preventivas. Entre as atividades programadas, uma ação especial para os garis acontece no próximo dia 14. “Iremos fornecer a realização de exames, atendimento com urologista, orientação nutricional, entre outros serviços voltados ao público”, informa.

Vereador denuncia insatisfação de funcionários das unidades de saúde

Vereador Zé Filé

Vereador Zé Filé (PROS)

O vereador Zé Filé (PROS) denunciou a insatisfação de trabalhadores da saúde de Feira de Santana. Segundo o vereador, o salário baixo é a principal reclamação. “Nos PSF’s as pessoas estão trabalhando insatisfeitas. Feira de Santana é o município que paga o pior salário aos profissionais da assistência social. Infelizmente, o desemprego é grande e essas pessoas se sujeitam a esse tipo de exploração”, afirmou.

Atendimento ao Bolsa Família passa a ser realizado em todos os CRAS

Bolsa Família

Bolsa Família

A partir desta segunda-feira (05), todos os 15 Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) instalados em Feira de Santana estarão realizando o atendimento do programa Bolsa Família. A descentralização dos serviços é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso) visando facilitar a acessibilidade dos beneficiários do programa de inclusão social, levando o serviço mais próximo dos cidadãos feirenses. A descentralização do atendimento do programa Bolsa Família, com cadastro de novos beneficiários e atualização cadastral, foi iniciada gradativamente, através de um projeto piloto em uma das unidades do CRAS que resultou em avanços na oferta do serviço.

O secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, ressalta a importância da iniciativa, por resultar em economia para quem mais necessita. “Com a adoção desta medida, as pessoas que necessitam deste benefício social não precisam mais se deslocar para o centro da cidade, onde está a sede do programa Bolsa Família, gastando com transporte, para se cadastrar. E sabemos que muitas destas pessoas que buscam esta ajuda não dispõem de recursos sequer para tomar um ônibus”, avalia.

O atendimento descentralizado do programa Bolsa Família já vem ocorrendo nos CRAS dos bairros Rua Nova, Mangabeira, Santo Antônio dos Prazeres, Fraternidade, Baraúnas, Cidade Nova, Queimadinha, Expansão do Feira IX e Lagoa Grande. Agora a descentralização será concluída com a oferta dos serviços do programa social também nas unidades dos CRAS instaladas nos bairros Aviário, Jussara, George Américo, Pampalona e também nos distritos de Maria Quitéria e Humildes.

TRE inicia convocação para cadastramento biométrico em mais de 30 municípios

Biometria

Biometria

Eleitores de 38 municípios serão convocados, a partir desta segunda-feira (05), a comparecer aos cartórios e postos de atendimento da Justiça Eleitoral na Bahia para realizar o cadastramento biométrico obrigatório. A primeira fase do 2º Ciclo do Projeto Biometria na Bahia tem prazo final estabelecido para 22 de fevereiro de 2019. O novo ciclo foi dividido em quatro fases, sendo que nesta primeira etapa estão envolvidas as cidades de Água Fria, Anagé, Anguera, Barra do Choça, Candeias, Caraíbas, Catu, Cravolândia, Crisópolis, Dias D´Ávila, Glória, Ibirapuã, Irará, Itabuna, Itanagra, Itapé, Itapicuru, Itarantim, Jussari, Lajedão, Lauro de Freitas, Maetinga, Mata de São João, Medeiros Neto, Olindina, Ouriçangas, Paulo Afonso, Planalto, Potiraguá, Santa Brígida, Santa Inês, Santanópolis, Santo Amaro, Saubara, Serra Preta, Simões Filho, Teixeira de Freitas e Ubaíra. Estão obrigados a fazer o recadastramento todos os eleitores, inclusive aqueles cujo voto é facultativo e desejarem continuar a exercer o direito ao voto (analfabetos; eleitores com idade entre 16 e 18 anos; os maiores de 70 anos de idade). O cidadão que não atender à convocação da Justiça Eleitoral terá o título cancelado e não poderá, por exemplo, obter passaporte, tomar posse em concurso público, renovar matrícula em instituição de ensino, entre outros impedimentos previstos no art. 7º do Código Eleitoral.

Mata de São João e Barra do Choça

Devido ao percentual elevado de biometrizados, as zonas eleitorais 139 (Barra do Choça e Planalto) e 185 (Mata de São João e Itanagra), terão prazo reduzido. A revisão extraordinária nessas cidades ocorrerá até 30 de novembro. Isso porque mais de 85% dos eleitores se anteciparam e fizeram a biometria. Em Itanagra, por exemplo, 5.021 eleitores, o que corresponde a 89,87%, já cadastraram suas digitais. A conclusão da última fase do 2º Ciclo do Projeto Biometria na Bahia está prevista para 2021. A meta antecipa em um ano o prazo estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para finalização da revisão biométrica em todo o País.

Valorização do chocolate gourmet fortalece economia turística da Bahia

Valorização do chocolate gourmet fortalece economia turística da Bahia

Foto: Divulgação

A Bahia está representada por empresas produtoras de cacau e chocolate gourmet na 24ª edição do Salon du Chocolat, em Paris, até o próximo domingo (04). Desde terça-feira (30), o evento proporciona uma imersão no mercado europeu, participação em reuniões com importadores, workshops com chocolatiers e visitas a laboratórios e lojas conceito. Considerado um dos mais importantes eventos internacionais para o setor de chocolates refinados, o Salon inclui seminários, conferências e ações de degustação. A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e de Investimentos (Apex-Brasil) registra a participação de 17 empresas da Bahia, estado que retoma fortemente a produção de cacau. Em 2017, a Bahia alcançou a produção de 83,9 mil toneladas.

Os produtores baianos estão reunidos no estande institucional da Cacau do Brasil e também no estande empresarial Origem Brasil. Além desses, a Mendoá Cacau tem estande próprio. A Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) apoia o estande institucional com o objetivo de fortalecer a presença do chocolate gourmet no mercado internacional, produto turístico que fortalece a economia do estado. “A Estrada do Chocolate [Ilhéus-Uruçuca] – primeira estrada temática da Bahia – é um roteiro que reúne antigas fazendas de cacau e valoriza o importante patrimônio natural da região”, afirma o secretário estadual do Turismo, José Alves. “O visitante tem oportunidade de conhecer das plantações à produção do chocolate, numa vivência única, valorizada por diferenciais como história, gastronomia e literatura, dentre outros”.

Após encerrar as atividades, Prefeitura volta atrás e mantém funcionamento do Restaurante Popular

Restaurante Popular de Itabuna unidade centro

Foto: Lucas França

A Prefeitura Municipal de Itabuna informou que irá manter em pleno funcionamento o Restaurante Popular, localizado no centro da cidade. Na última quinta-feira (01), o prefeito Fernando Gomes revogou o decreto 13.093/2018, de 17 de outubro de 2018, que determinava a rescisão do contrato administrativo com a empresa Pupo Restaurante e Cozinha Industrial LTDA, que gerencia a unidade. Segundo a secretária de Assistência Social, mesmo enfrentando dificuldades financeiras, o município reuniu esforços para seguir atendendo a população a partir do fornecimento de 1.000 refeições diárias a preço popular. “As refeições fornecidas pelo restaurante continuarão com a qualidade de sempre, todo o cardápio bem elaborado será mantido e iremos manter todos os itens já disponíveis nas refeições, garantindo segurança alimentar e nutricional aos clientes”, disse.

A secretária informou que foram definidos alguns ajustes para manter a unidade em funcionamento. As principais mudanças se deram com a retirada do item da sobremesa e com o reajuste no valor da refeição, que passará a custar R$ 4,00, a partir do dia 12 de novembro. O Restaurante Popular fica localizado na rua Osvaldo Cruz, centro.

Escolas devem escolher obras literárias até hoje

Escolas públicas podem escolher obras literárias para 2019 a partir do dia 18

Foto: Reprodução

As escolas públicas de educação básica têm até a próxima segunda-feira (05) para escolher as obras literárias que vão utilizar no ano letivo de 2019. O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) prorrogou o prazo pois até a tarde da última quarta-feira (31) cerca de 42% das unidades de ensino que serão beneficiadas nesta edição do programa ainda não tinham acessado o sistema para efetuar a escolha. O FNDE vai encaminhar acervos compostos aleatoriamente por títulos do Programa Nacional do Livro e do Material Didático, o PNLD Literário 2018, para escolas que não fizerem a seleção a tempo. Esta é a primeira vez que o FNDE permite que diretores e professores escolham as obras literárias que mais se adéquam ao projeto pedagógico de cada unidade de ensino.

Apenas as redes municipais ou estaduais e as instituições federais, que aderiram formalmente ao PNLD Literário 2018 por meio do sistema do Programa Dinheiro Direto na Escola, o PDDE Interativo, podem escolher o material. Para educação infantil e turmas do primeiro ao terceiro ano do ensino fundamental, a escolha será de acervos para sala de aula. Já para o quarto e quinto anos do ensino fundamental e para o ensino médio, a seleção será de acervos para biblioteca e de dois livros para cada aluno. Com o intuito de ajudar na escolha do PNLD Literário 2018, o FNDE publicou em seu portal eletrônico um guia digital do programa. O material contém resenhas e informações sobre todas as obras selecionadas para esta edição.

Artigo: General vai bater continência pra capitão

Luiz Santos

Luiz Santos

Por: Luiz Santos

Escrevi sobre a importância do vice durante o processo eleitoral deste ano. O vice sempre foi uma peça decorativa, mas ganhou certa notoriedade depois que Michel Temer articulou e deu uma rasteira em Dilma Rousseff, assumindo a Presidência da República. Por esse fato, desde então, os candidatos ficaram de olhos abertos com a montagem da sua chapa.

O presidente eleito, Jair Messias Bolsonaro (PSL), convidou várias pessoas para juntar-se a ele na disputa pela presidência, entretanto recebeu algumas recusas. Entre os motivos para dispensa do convite estava a falta de interesse em participar de política partidária, o limite da idade, as estratégias do partido que não quis fazer certas alianças, sobrando por fim, o desconhecido General Mourão, que por ser integrante de um partido nanico, aceitou a proposta sem fazer cara feia. Mesmo assim desde que foi escolhido tem se apresentado mais como um problema do que uma solução, pois toda vez que abre a boca gera um transtorno para Bolsonaro. Mourão já disse que não concorda com o 13ª salário e agora chamou um dos principais articuladores da campanha eleitoral de Bolsonaro, o senador não reeleito pelo Espírito Santo Magno Malta (PR), de camêlo.

Muito longe de ser uma solução, um colaborador da gestão Bolsonaro, o General Mourão tem sido um problema até o momento, mas essa atitude não me surpreende. Esse pessoal está acostumado a mandar e não ser mandado, ter gente batendo continência pra eles e não eles baterem continência pra ninguém, muito menos para um capitão. É até uma questão de humildade, mas eles não aceitam. Chegam a acreditar que é um rebaixamento do cargo, que vão perder a patente ou as estrelas que ostentam no peitoral vão cair. Humildade passa longe dessa gente. Quem sempre mandou não aceita ser mandado, acreditam que chefe é chefe até com X.

Feira de Santana terá Semana Global do Empreendedorismo

Feira de Santana terá Semana Global do Empreendedorismo

Foto: Divulgação

O Plano de Desenvolvimento Econômico e Sustentável de Feira de Santana, as etapas previstas para a sua implantação pela SUDENE, e o status atual do projeto, será o tema da palestra que será ministrada por Roberto Silva, consultor da EY – Building a Better Working– na abertura da Semana Global do Empreendedorismo 2018, que ocorrerá entre os dias 5 e 11 de novembro. O evento tem como meta promover o desenvolvimento de negócios, respaldado por estratégias institucionais integradas que atuam nos setores empresarial e econômico do município.

Dirigido a diferentes públicos e temáticas, sempre contextualizando o empreendedorismo com parceiros locais, estaduais e nacionais, a iniciativa é fruto do Programa Feira Empreende, Prefeitura Municipal e SEBRAE, e será aberta pelo prefeito Colbert Martins Filho, no dia 5 de outubro, no auditório do SESI, no Jardim Cruzeiro.

Na oportunidade serão discutidas nos fóruns de debates, oficinas e eventos voltados à potencialização de novos negócios e empreendedorismo, as atividades desenvolvidas pelo setor, durante o ano em curso. Iniciado em Feira de Santana em 2015, com o Programa Feira Empreende, “a Semana Global do Empreendedorismo está inserida no movimento global que busca fortalecer a cultura empreendedora, conectando, capacitando e inspirando as pessoas a empreender”, destaca o secretário do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior.

Prefeitura de Ibititá reitera pedido de recuperação da BA-148

Prefeitura de Ibititá reitera pedido de recuperação da BA-148

Foto: Divulgação

Atendendo a recomendação do prefeito de Ibititá, Cafu Barreto, o secretário municipal de Finanças Edinael Barreto protocolou – nesta quarta-feira (31), na sede do Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Território – um novo pedido de recuperação da estrada entre Ibititá e Irecê. O ofício 58/2018 reitera a solicitação que já foi feita anteriormente de requalificação do trecho de 32 km da BA-148. Devido às chuvas dos últimos dias, ainda segundo o documento, a pista ficou intransitável, o que “compromete sobremaneira a segurança” dos motoristas, passageiros e pedestres. “Esperamos que o Consórcio se sensibilize com a situação. Afinal, essa estrada é uma importante via que conecta não só Ibititá e Irecê, mas toda região. Estamos aqui pra ajudar no que for possível”, completou Cafu Barreto.

Secretaria notifica Embasa sobre os dejetos líquidos que estão sendo lançados em lagoa

Secretaria notifica Embasa sobre os dejetos líquidos que estão sendo lançados em lagoa

Lagoa do Parque da Cidade – Foto: Jorge Magalhães

A Secretaria do Meio Ambiente de Feira de Santana notificou a Embasa sobre os dejetos líquidos (esgoto in natura) que estão sendo lançados na lagoa do Parque da Cidade, pondo em risco a saúde da fauna e o lazer dos visitantes que se divertem nos brinquedos aquáticos que se encontram à disposição.

Ao dar a ordem de serviço para a construção de um muro de 2,5 metros de altura, ao longo do perímetro de 2.500 metros lineares com vistas a preservar o patrimônio público, oferecer mais conforto aos visitantes e segurança às famílias que moram entorno do Parque da Cidade, na manhã desta quinta-feira (31), ao lado do secretário Arcênio Oliveira (Meio Ambiente) o prefeito Colbert Martins Filho afirmou que se a concessionária da Embasa não tomar providências para evitar este problema, “tomaremos as medidas judiciais cabíveis para coibir este tipo de crime ambiental”.

O ato contou com as presenças dos secretários José Pinheiro (Desenvolvimento Urbano), Justiniano França (Serviços Públicos), Pablo Roberto (Prevenção à Violência), e os vereadores Carlito do Peixe, José Carneiro e João Bililiu.

Itabuna corta despesas para honrar dívidas herdadas de gestões anteriores

Itabuna corta despesas para honrar dívidas herdadas de gestões anteriores

Secretário da Fazenda e Planejamento, Moacir Dantas Messias – Foto: Waldir Gomes

A Prefeitura Municipal de Itabuna diz que está sofrendo com uma séria crise econômica-financeira que tem resultado na retenção de recursos, a Prefeitura de Itabuna já usou de diversas estratégias para redução de despesas. O ajuste das contas é o objetivo do prefeito Fernando Gomes, que tem convivido constantemente com uma herança de dívidas dos ex-gestores. O secretário da Fazenda e Planejamento, Moacir Dantas Messias, explica que o município de Itabuna depende dos repasses do governo federal, mas que diante das dívidas que eles dizem serem herdadas de gestões anteriores com INSS, FGTS, PASEP, Precatórios, entre outros, foi necessário um choque de enfrentamento das dificuldades financeiras. Entre as ações, redução das despesas de maneira generalizada na prestação dos serviços, controle de gastos e agora demissão de servidores contratados e comissionados. “O prefeito tem feito um esforço enorme para alcançar o equilíbrio econômico-financeiro do município, mas infelizmente foi preciso cortar gastos com servidores para tentarmos chegar ao equilíbrio das contas. Este é um problema que não atinge apenas Itabuna, tem sido geral. Vários municípios da Bahia tem adotado esta mesma medida para fechar suas contas no final do ano”, explica o Secretário.

E finaliza lembrando que outra estratégia do governo municipal tem sido o parcelamento das dívidas a longo prazo, renegociando os débitos do município através do Refis federal. “Como consequência, Itabuna já conseguiu retomar o pagamento de muitos financiamentos que não estavam sendo honrados”.

Em Brasília, prefeito de Camaçari tenta financiamento de US$ 80 milhões

Em Brasília, prefeito de Camaçari tenta financiamento de R$ 80 milhões

Foto: Divulgação

O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, cumpre, nesta quinta-feira (01), agenda em Brasília com o intuito de tratar de assuntos referentes ao processo de captação do financiamento de US$ 80 milhões, junto à Corporação Andina de Fomento (CAF), autoidentificada como Banco de Desenvolvimento da América Latina. O valor será aplicado no Programa de Integração de Desenvolvimento Urbano, Social e Ambiental de Camaçari – uma ampla intervenção orçada em US$ 100 milhões (sendo US$ 20 milhões de contrapartida do município). Na manhã desta quinta-feira, o gestor se reuniu com diretor da CAF no Brasil, Jaime Holguín, ocasião em que foi dada continuidade aos entendimentos para a efetivação do financiamento. Pela tarde, o prefeito Elinaldo Araújo se reúne com o secretário de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Carlos Eduardo Lampert Costa, para dar seguimento a discussão. Os encontros ocorrem logo após a Secretaria do Tesouro Nacional ter comunicado que Camaçari está apta a realizar o financiamento, por apresentar todos os requisitos necessários para se ter acesso a contratação de empréstimos nacionais e externos, a exemplo do cumprimento de todos os critérios de responsabilidade fiscal e os bons índices de investimento em saúde e educação que constam no histórico da atual gestão municipal. O próximo passo é a negociação propriamente dita do financiamento com a CAF, seguida do encaminhamento para apreciação pelo Senado.

Integrando a comitiva do prefeito, estavam o arquiteto Márcio Targa, coordenador do referido Programa de Integração, e o secretário de Habitação, Júnior Borges, que também tratou de assuntos referentes à pasta no Distrito Federal.

Cican tem reforma e ampliação com investimento de mais de R$ 600 mil

Cican tem reforma e ampliação com investimento de mais de R$ 600 mil

Foto: Manu Dias

O Governo do Estado entregou na manhã desta quinta-feira (01), a reforma e ampliação do Centro Estadual de Oncologia da Bahia (Cican), que passa a contar com uma câmara fria para armazenamento dos medicamentos, adequação do setor de quimioterapia, além da instalação de um abrigo de resíduos. O serviço também contemplou a reforma da cobertura e fachada. O governador Rui Costa participou do ato de entrega da nova área do Cican que contou com investimento superior a R$ 605 mil, entre reforma e equipamentos. “Estamos entregando novos consultórios, e uma nova ala, totalmente reformada, para a quimioterapia. Com intenção de oferecer um tratamento mais humanizado, neste momento delicado da saúde da mulher. Além da competência dos médicos, técnicos, enfermeiros, o ambiente deve propiciar conforto à paciente”, afirmou o governador.

O Cican realiza uma média de 800 consultas diariamente e são realizadas aproximadamente 50 sessões de quimioterapia por dia. O secretário de Saúde do estado, Fábio Vilas-Boas destaca o incremento do serviço. “Aqui nós estamos ampliando a oferta de sessões de quimioterapia em mais de 70% para homens e mulheres portadores de vários tipos de câncer”. Segundo a diretora técnica da unidade, Dra. Conceição Coelho, a reforma e ampliação seguem requisitos estabelecidos pela legislação. “A população ganha uma oferta aumentada de serviços. A nossa expectativa é que ocorra um aumento de 20 a 40% em relação ao serviço que já era oferecido aos pacientes que têm câncer e precisam de tratamento”, afirma.

Entre os meses de agosto de 2017 e julho de 2018 foram realizados 556.293 procedimentos no Cican, que funciona desde 1992. No local são realizadas consultas especializadas ambulatoriais, procedimentos de diagnóstico por punção e biópsia, radiologia, mamografia, tomografia computadorizada, pequenas cirurgias oncológicas, entre outros.

Prefeitura firma acordo para distribuição de conversores digitais a famílias carentes

Prefeitura firma acordo para distribuição de conversores digitais a famílias carentes

Foto: Jorge Magalhães

Um acordo de cooperação para a capacitação da imagem digital de cerca de 90 mil aparelhos de TV, em Feira de Santana, foi firmado entre a Prefeitura Municipal e a Seja Digital, na manhã desta quinta-feira, 1º, no Gabinete do prefeito Colbert Martins Filho. Ao todo, serão distribuídos, em dezesseis cidades da região, 165 mil kits contendendo conversores de aparelhos de tv analógico para o sistema digital, cujos sinais passarão a vigorar, na Bahia, a partir do dia 5 de dezembro. O projeto beneficia pessoas inscritas no NIS (Número de Identificação Social), cadastradas na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso), através do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), famílias contempladas com o Programa Bolsa Família ou que comprovem um perfil similar.

De acordo com o secretário Ildes Ferreira (Sedeso), em Feira de Santana já foram distribuídos cerca de 50 mil kits, “e há perspectiva de que ainda entregaremos cerca de mais 40 mil unidades”. A Seja Digital é uma entidade sem fins lucrativos, com atuação em todo o território nacional. Carolinna Tosta, coordenadora regional, conta que a parceria com o Município envolveu o treinamento de 174 servidores da Prefeitura, lotados nas secretarias de Educação, Saúde e Desenvolvimento Social. Os servidores atuam como agentes mobilizadores, informando as comunidades sobre a sua inclusão gratuita ao projeto, “voltado, prioritariamente, às famílias de menor poder aquisitivo, cadastradas em programas sociais do Governo Federal”. O ato contou com as participações dos vereadores Rom do Povo, Cadimiel Pereira e Luiz da Feira.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia