WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Notícias Política de Salvador’

“Alguém vai ter que ceder”, diz presidente da ALBA sobre montagem de chapa

Deputado estadual Adolfo Menezes foto Anderson Dias site Política In Rosa

Deputado estadual Adolfo Menezes – Foto: Anderson Dias / site Política In Rosa

O deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Adolfo Menezes (PSD), em entrevista coletiva nesta segunda-feira (13), na inauguração da 21ª Policlínica Regional de Saúde em Serrinha, falou que acredita que nas próximas eleições o candidato a governador será Jaques Wagner (PT) ou Otto Alencar (PSD). Adolfo crê também que o governador Rui Costa ficará até o final do seu mandato. “Caso Otto não seja candidato ao governo, será candidato a reeleição ao Senado. É isso que eu vejo. Claro que nós temos o nome do vice-governador João Leão e que tem todas as condições políticas e técnicas de ocupar qualquer cargo, mas só tem três vagas e onde tem três não cabe quatro. Tem uma vaga de Senador, uma para Governador e uma para Vice-governador. Alguém vai ter que ceder. Mas faz parte, isso é pelo bem da Bahia”, relatou.

Sobre a possibilidade da base rachar, Adolfo disse que não acredita até porque o projeto, que se iniciou há mais 14 anos com governador Jaques Wagner, é exitoso e de muitas realizações. “O povo da Bahia está vendo o que está acontecendo no Brasil quando você não tem um gestor competente. Mesmo o governador Rui Costa sendo contra o presidente Bolsonaro e sem receber recursos federais, ele faz uma administração espetacular. É claro que não estou dizendo com isso que não temos problemas nas estradas, saúde, educação, mas ele tem feito o que ninguém nunca fez. Então esses homens são experientes e irão querer continuar aonde é melhor para o povo da Bahia. Como deputado e presidente da Assembleia, estarei nesse projeto que tem levado desenvolvimento para toda Bahia”, afirmou.

Descontentamento de Marcelo Nilo

Adolfo também comentou a situação do deputado estadual Marcelo Nilo (PSB) que parece não estar satisfeito com a sua situação na base. “Na vida sempre falta alguma coisa e nós nunca vamos dizer que tem tudo. É a vida. E, se todo mundo tivesse tudo, a vida não tinha graça e sempre vai faltar alguma coisa. Nilo é meu amigo particular. É natural que cada um estique de um lado ou de outro, mas na hora certa tudo se acalma. Por exemplo, sou presidente da Assembleia e às vezes me perguntam se não vou ser candidato a senador porque o ex-presidente Angelo Coronel saiu da presidência da ALBA para ser senador. Eu digo sempre que querer eu quero. Também quero ser Papa, mas não vou ser. Tem que se saber qual a sua hora e o seu lugar. Sei que tenho toda competência para ocupar qualquer um desses cargos, mas sei  também que tem lideranças políticas que são mais fortes do que eu, com mais peso político e estão na minha frente”, enfatizou. :: LEIA MAIS »

Angelo Almeida diz que partido vai lutar para tentar colocar Lídice da Mata na vice de Jaques Wagner

Angelo Almeida foto Política In Rosa Anderson Dias

Deputado estadual Angelo Almeida (PSB) – Foto: Anderson Dias/site Política In Rosa

O deputado estadual Angelo Almeida (PSB) falou sobre os partidos da base que querem um espaço maior, a exemplo do seu partido. Ele disse que a “briga” por espaço na política é inerente a cada momento. “O que nós temos hoje é a aproximação de uma eleição que vai definir quem será o candidato a governador, que no meu entendimento isso já está pacificado com o nome do senador Jaques Wagner. Esse é um entendimento também do PSB, não tenho a menor dúvida. O Senado também está pacificado, pois o senador Otto Alencar é um companheiro que faz parte dessa aliança, dá sustentabilidade a ela e não tem porque tirá-lo. Até porque faz um excelente mandato e é um dos maiores senadores da história da Bahia. E agora temos a discussão da vice. É claro que a discussão da vice provoca debate. O PSB tem vontade. O que vai definir se nós teremos realmente essa possibilidade é o debate e as discussões que serão encaminhadas daqui até março ou abril de 2022, mais tardar maio”, falou.

Indagado qual seria o nome do PSB seria posto para pleitear a vaga de vice, Angelo afirmou que se o partido tiver a oportunidade de ter a vaga de vice sem dúvida será Lidice da Mata. “Faço parte da executiva, sou deputado, membro, tenho assento, meu voto, e tenho certeza que a maioria dos nossos companheiros da executiva do PSB é Lídice da Mata como vice na chapa encabeçada pelo senador Jaques Wagner”, disse. Angelo finalizou dizendo que o partido vai lutar para tentar colocar Lídice da Mata na vice do senador Jaques Wagner. “Seria uma chapa perfeita”, finalizou.

Pastor Tom poderá se filiar ao PROS

Jean Sacramento, Pastor Tom e Uziel Couto

Jean Sacramento, Pastor Tom e Uziel Couto – Foto: Reprodução/Redes Sociais

Nesta quinta-feira (16), o ex-deputado estadual Pastor Tom esteve reunido com o presidente do PROS na Bahia, Jean Sacramento.

“Dialogamos o atual contexto da política da Bahia, do Brasil e em especial a de Feira de Santana. Não tenho dúvidas que ao lado de Jean Sacramento e do PROS teremos resultados positivos”, disse Pastor Tom em suas redes sociais.

A informação que chega a este site é de que, para disputar as eleições 2022 para deputado estadual outra vez, Pastor Tom está com tudo encaminhado para se filiar ao PROS. Segundo a fonte, está 90% encaminhado o processo. Vamos aguardar o desfecho dessa situação.

Temos um bobo da corte animando a plateia enquanto o Centrão faz o que quer, diz Zé Neto

Deputado federal Zé Neto

Deputado federal Zé Neto (PT) – Foto: Reprodução / Redes Sociais

O deputado federal Zé Neto (PT) fez uma avaliação sobre o cenário nacional. Ele afirmou que a situação do país é muito ruim, o presidente Jair Bolsonaro totalmente perdido e sem nenhuma autoridade.

“Nós não temos presidente. Temos um bobo da corte animando a plateia enquanto o Centrão faz o que quer. Ele vai ser empurrado até perto das eleições. Vão descartar ele e arranjar outro candidato. Enquanto isso, o povo sofre com o gás a quase cem reais, a gasolina quase sete reais, o óleo também num preço absurdo e a cesta básica crescendo 32% em um ano. É isso que estamos vivendo, infelizmente”, criticou.

Avaliação Câmara x Executivo

Zé Neto ainda fez uma avaliação sobre a relação entre Câmara de Feira de Santana e a Prefeitura de Feira de Santana. “A Câmara está independente e é bom ver isso. O prefeito está perdido. E aí acaba com essa confusão toda. Espero que a Câmara possa cada dia se fortalecer, pois uma Câmara independente é bom. E acho que o prefeito tem que aprender a dialogar mais, que é algo que ele não faz”, relatou.

Justiça concede liminar contra deputado e vereador por propaganda eleitoral antecipada

Justiça concede liminar contra deputado e vereador por propaganda eleitoral antecipada

Imagem: Arquivo da PRE/BA

Após representação proposta pelo Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral), o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE/BA) concedeu decisão liminar contra o deputado estadual Alan Sanches (DEM) e o vereador de Salvador Duda Sanches (DEM) por propaganda eleitoral antecipada. A decisão, de 3 de setembro, determinou a retirada da faixa com propaganda de caráter eleitoreiro no prazo máximo de 48 horas, sob pena de multa diária de R$ 1 mil.

Segundo o Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA), a fotografia encaminhada ao MP Eleitoral por meio do site do MPF e que embasa a representação revela a existência de uma faixa afixada na Avenida Aliomar Baleeiro, em frente a uma farmácia, no bairro de São Cristóvão, em Salvador.

Ainda segundo o MPF, o objeto de propaganda veiculava a seguinte mensagem: “CadÚnico Itinerante. Serviços de inclusão e atualização cadastral dos benefícios sociais. Data: 21/07. Praça: André Sanches (em São Cristóvão). Uma reivindicação do deputado Alan Sanches e do vereador Duda Sanches para a comunidade”.

De acordo com o procurador regional Eleitoral na Bahia, Cláudio Gusmão, embora a promoção de atos parlamentares seja lícita, a propaganda em questão se dá por intermédio do uso de equipamento que produz efeito visual de outdoor. A prática é vedada pela legislação eleitoral, além de ser veiculada em ponto estratégico da cidade, com grande movimentação de pessoas, demonstrando o real objetivo dos representados em apresentar-se à população com propósitos marcadamente eleitorais. :: LEIA MAIS »

Rui Costa não acredita no impeachment de Bolsonaro

Governador Rui Costa – Foto: Fernando Vivas/Gov-BA

O governador Rui Costa, ao ser questionado sobre a união de partidos de direita e esquerda em prol do impeachment do presidente Jair Messias Bolsonaro, afirmou que não acredita que isso irá acontecer. “Por mais que eu deseje isso, eu não acredito no impeachment. Tenho 58 anos e não me lembro, independente do governo ser esquerda, direita ou centro, de um governo ser como esse, de não ter feito nada como esse. Não tem política educacional. O Governo Federal sequer ta pagando as obras de creches e escolas que ele autorizou construir. O dinheiro todo está no balcão da política, no toma lá, dá cá, na pior política que existe. Estão destruindo o nosso país. Eu não acredito que os deputados que estão se beneficiando com isso irão querer tirar o presidente. Eles nunca manipularam tanto dinheiro. Isso não existe. Um deputado manipula 100 milhões de reais por ano. É surpreendente o balcão do toma lá, dá cá”, criticou.

Ministro de Lula

Sobre a possibilidade de ser ministro do pré-candidato a presidente Lula, Rui disse que não discutiria esse assunto ainda. “Ano que vem temos eleição e não se monta governo antes de ganhar a eleição. Quem fez isso perdeu a eleição”, afirmou.

Em sua visita a Bahia este mês, o ex-presidente Lula disse que quer contar com a ajuda do governador caso ele ganhe as eleições. Suspeita-se de que ele pode assumir algum ministério.

Em quatro meses, Limpurb recolhe mais de 2 mil toneladas de lixo nas praias

Com a reabertura das praias soteropolitanas, a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) registrou um aumento na quantidade de lixo recolhido na orla da cidade. Entre os meses de maio e agosto deste ano, o órgão recolheu mais de 2 mil toneladas de resíduos das praias de Salvador. O número equivale a cinco piscinas olímpicas repletas de detritos.

Os principais materiais coletados são plásticos, copos, coco e resíduos orgânicos, como restos de alimentos.  A praia de Piatã é a que apresenta a maior quantidade de resíduos descartados de forma incorreta.

Para garantir a limpeza das praias soteropolitanas, a Limpurb realiza uma programação operacional diariamente, em toda a extensão de orla que vai desde o Subúrbio Ferroviário até a praia de Ipitanga. A ação acontece nos três turnos, das 6h às 14h20, das 14h às 22h20 e das 22h às 6h20.

Cerca de 156 agentes atuam na operação, que além de recolher os resíduos das faixas de areia e áreas verdes, também realiza a varrição e o esvaziamento das papeleiras e cestos de lixo situados nos calçadões. Durante a ação, também é realizada a limpeza da superfície de areia e da aeração mecanizada, através do revolvimento da faixa de areia para remoção de resíduos enterrados na camada inferior.

O montante retirado pela operação é ensacado e transportado para caixas estacionárias, que são contêineres subterrâneos, existentes nas proximidades das praias. Para a ação, são utilizados 15 tratores e seis cessadeiras. :: LEIA MAIS »

Deputado afirma que cansou de ser “pneu de estepe”

Deputado federal Marcelo Nilo foto Anderson Dias site Política In Rosa

Deputado federal Marcelo Nilo – Foto: Anderson Dias / site Política In Rosa

O deputado federal Marcelo Nilo (PSB), em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (13), na inauguração da 21ª Policlínica Regional de Saúde em Serrinha, fez uma avaliação sobre disputa dos partidos que compõem a base do governo Rui Costa para as próximas eleições. Nilo disse que quer uma vaga na chapa majoritária.

“Acho que é um erro ficar querendo fazer política apenas com o PT, PSD e PP. São partidos importantes, mas acho que já chega. Esse trio de partidos são os únicos que participam de toda eleição para a presidência da Assembleia. Um assume um mandato e logo após outro assume o próximo. A vice-presidência, o Senado da mesma forma. E o PT sempre na cabeça. Cansa, chega. Acho que é um erro e o PSB merece estar na chapa majoritária. Fico muito triste da maneira que nós estamos sendo tratados porque os aliados de primeira hora, aqueles que comeram sal e poeira para Wagner chegar aonde chegou, estão sendo escanteados”, disse.

De acordo com Nilo, o PP e o PSD detém as melhores Secretarias, tem o vice-governador, dois senadores, presidente da Assembleia. “Tem tudo e os outros são pneus de estepe. E eu cansei de ser pneu de estepe”, disparou. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia