WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Seminário

:: ‘Notícias Política de Feira de Santana’

Prefeitura diz que Via Bahia e DNIT são responsáveis pela recuperação do Anel de Contorno

Prefeitura diz que Via Bahia e DNIT são responsáveis pela recuperação do Anel de Contorno

Foto: Divulgação

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana informou que a Via Bahia e o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura) são responsáveis por manter boas  condições de trafegabilidade em toda a extensão do anel rodoviário de Feira de Santana, denominado avenida Eduardo Froes da Motta. A Contorno, como é também conhecido este trecho de rodovia federal, encontra-se com grande quantidade de buracos, inclusive no Complexo de Viadutos Deputado Miraldo Gomes.

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, disse que está cobrando da Via Bahia, concessionária que explora a BR 324,  que cumpra com a sua obrigação, realizando os serviços necessários para a manutenção do anel rodoviário. Ele também disse que está dirigindo ofício ao DNIT, órgão  que cuida das estradas federais, e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), a quem cabe a devida fiscalização dos serviços prestados pela Via Bahia. Nos locais que se encontram em situação crítica, com eminente risco de acidentes, adverte o prefeito, é preciso entrar em ação a Polícia Rodoviária Federal. “Se não houver sinalização, o perigo aos motoristas se torna muito maior”, diz Colbert Filho.

Parcerias são fechadas para alavancar a produção da zona rural

Parcerias são fechadas para alavancar a produção da zona rural

Foto: ACM

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana vai estabelecer parcerias com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), com vistas a desenvolver programas de cooperação técnica na zona rural. Presente em 34 países sob a coordenação da Organização dos Estados Americanos (OEA), o IICA se compromete a fornecer o seu aporte tecnológico para alavancar a produção de mandioca e de frutas  cultivadas em pequenas propriedades rurais, além de fazer a intermediação na captação de recursos para o setor. “Podemos manter uma agenda efetiva. Há 75 anos trabalhamos com estes temas, e entendemos que há um leque de oportunidades que podemos desenvolver com o Governo Municipal”, asseverou Cristian Fisher, diretor do Instituto Interamericano.

Dentre as etapas que considera fundamentais para melhorar a produção agrícola da região, o secretário de Agricultura, Joedilson Machado, destacou os seguintes gargalos que precisam ser resolvidos: A utilização de irrigação racional nas glebas, efetivação na mecanização agrícola; retenção das águas pluviométricas com o uso de barragens subterrâneas; melhoramento genético animal/vegetal; otimização a assistência técnica ao produtor; uso de calagem no solo, e linha de crédito especial.

Pontuando que o Nordeste é considerado alvo prioritário do Governo Federal, Alberto Duarte, da Embrapa, defendeu a realização de um diagnóstico minucioso para identificar as carências e potencialidades das áreas de produção agrícola, “para que possamos implantar um plano de ação para desenvolvermos esta parceria”, disse. :: LEIA MAIS »

Vereador critica duramente a Via Bahia

Vereador Marcos Lima no Subaé

Foto: Reprodução

O vereador Marcos Lima (Patriota) usou suas redes sociais nesta quinta-feira (04) para fazer uma denúncia sobre a falta de acostamento na Avenida de Contorno, nas proximidades da entrada do Bairro Subaé, em Feira de Santana. Marcos ressaltou que isso vem causando vários acidentes no local. “Aqui acontecem vários acidentes porque não existe acostamento. As pessoas que precisam entrar ou sair do Subaé tem que fazer isso rapidamente porque não tem uma pista de desaceleração. O lugar ainda está cheio de buracos. É muito perigoso e a Via Bahia não toma providências mesmo sendo ela a responsável por fazer a manutenção. A concessionária abandonou essa via”, criticou.

PV tem pré-candidato para disputar a Prefeitura de Feira

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

Em entrevista ao site Política In Rosa, o advogado e ex-deputado federal, Sergio Carneiro (PV), afirmou que o pré-candidato a prefeito de Feira de Santana pelo Partido Verde é o vereador Roberto Tourinho. “Tourinho é vereador por sete mandatos e filho do ex-prefeito de Feira de Santana José Falcão”.

Distrito Maria Quitéria vai receber mais de R$ 400 mil em investimentos

Distrito Maria Quitéria vai receber mais de R$ 400 mil em investimentos

Foto: Washington Nery

O distrito Maria Quitéria vai receber em breve 406 mil reais em investimentos da Prefeitura  de Feira de Santana, para pavimentação de várias ruas.  Essa foi apenas uma de boas notícias apresentadas nesta terça-feira pelo prefeito Colbert Martins Filho, que esteve reunido com lideranças locais. O encontro, que contou com a presença de vários vereadores e secretários municipais, aconteceu logo depois do desfile cívico do 2 de Julho, data comemorativa da Independência da Bahia em que o município homenageia a heroína Maria Quitéria. De acordo com o gestor, serão pavimentadas as ruas 1, 2, 3, 4 e 5, mais as ruas Paula Almeida de Freitas e Sossego,  e a avenida Água Grande. Essas obras, muito aguardadas por centenas de famílias, estão em processo de licitação para escolha da empresa responsável pelo serviço. Devem ser iniciadas nas próximas semanas.

Colbert também anunciou mais uma obra muito esperada pela população do distrito, voltada para a mobilidade: a pavimentação da estrada que liga Maria Quitéria ao povoado Pé de Serra. “Esse foi um compromisso de campanha firmado pelo então candidato a prefeito José Ronaldo. Como seu sucessor no cargo, tenho o dever de cumpri-lo uma vez que Ronaldo deixou a Prefeitura para concorrer a governador”. :: LEIA MAIS »

“Tem outros partidos da base aliada de Rui que não vão seguir com Zé Neto”, diz presidente do PSD Feira

Ex-deputado federal Fernando Torres

Ex-deputado federal Fernando Torres

O ex-deputado federal Fernando Torres (PSD), em entrevista ao site Política In Rosa, disse que o que levou ele a desistir de sua pré-candidatura a prefeito de Feira de Santana foi o bom desempenho do prefeito Colbert Martins Filho a frente da administração municipal. “Vejo que Colbert Filho merece uma nova oportunidade para governar Feira de Santana, pois está sendo um bom prefeito e o PSD de Feira de Santana irá seguir com Colbert Filho”, afirmou.

Otto Alencar

Questionado sobre se teria comunicado ao senador Otto Alencar, que é o presidente estadual do PSD, sobre a adesão do partido ao grupo do prefeito Colbert Martins Filho, Fernando Torres explicou. “Todas as decisões nós conversamos com Otto. Ele sabe que em Feira de Santana eu não tenho condições nenhuma de seguir com o PT em Feira”, justificou. Torres ainda teceu críticas ao deputado federal Zé Neto. “Aqui na cidade tem um nome do PT que é um ditador, que pensa muito em si. E o PSD de Feira não confia nele. Estou falando isso em meu nome”, disparou.

Ele ainda garantiu que Otto tentou fazer essa coligação com o PT, mas infelizmente é difícil “Otto tentou ajudar nessa convivência, mas não houve êxito. O Partido dos Trabalhadores de Feira de Santana é muito pessoal e muito na pessoa do deputado federal Zé Neto”, explicou. E fez questão de dizer que não era o único que pensava dessa forma. “Não é só o PSD, tem outros partidos da base aliada de Rui Costa que não vão seguir com Zé Neto. O projeto de Zé Neto é pessoal e não do partido”, criticou.

Oposição em Feira

O ex-deputado ainda criticou a oposição em Feira de Santana. Segundo ele, ela é muito fraca e pensa muito no lado pessoal. “O maior líder da oposição de Feira de Santana, que na verdade não é líder (Zé Neto), pensa só em si. Por isso é difícil uma vitória em cima da liderança do ex-prefeito José Ronaldo. Ronaldo ganhou várias vezes e vai continuar ganhando devido a falta de alianças que possam trazer a vitória. Por isso e por outros motivos, o PSD de Feira de Santana vai seguir com o prefeito Colbert Filho”, finalizou.

Zé Filé já tem destino: PSD

Fernando Torres e Zé Filé

Fernando Torres e Zé Filé

Ainda em entrevista ao site Política In Rosa, o ex-deputado federal Fernando Torres (PSD) falou sobre a situação do vereador Zé Filé (PROS) que sempre o apoiou como pré-candidato a prefeito de Feira de Santana e fez duras críticas ao governo do ex-prefeito José Ronaldo (DEM) e do atual prefeito Colbert Filho (MDB). “Zé Filé poderá vim para o PSD se quiser. O partido está de portas abertas para ele. Ele se elegeu pela coligação PSD e PROS, mas eu o considero do PSD. Não vejo mudança em Zé Filé, vejo continuidade se ele vir para o PSD”, disse.

De acordo com Torres, as portas da legenda estão abertas, só depende do vereador. Resta saber se Zé Filé irá apoiar quem ele sempre fez uma oposição acirrada no Legislativo feirense. A pergunta que fica é: qual será o comportamento Zé Filé, principalmente na tribuna da Casa, caso isso aconteça?

Cadmiel cobra duplicação da BA-502 que liga Feira-São Gonçalo

Vereador Cadmiel Pereira

Vereador Cadmiel Pereira (PSC)

O vereador Cadmiel Pereira (PSC) em seu discurso durante a sessão ordinária desta terça-feira (25), na Câmara Municipal de Feira de Santana, falou sobre a situação das estradas que ligam Feira de Santana e seus distritos a outras localidades. Cadmiel cobrou a execução do requerimento aprovado no dia 13 de março de 2018, de número 65/2018, que tem o objetivo de viabilizar a duplicação da BA-502 que liga Feira de Santana a São Gonçalo dos Campos. Segundo o vereador, existem muitas estradas sinuosas na região e com grande fluxo de veículos, precisando de atenção das autoridades para que sejam feitas duplicações. O edil finalizou a temática requisitando implantação de pistas de rodagem no trajeto Feira-Salvador.

Projeto que fixa subsídios dos agentes políticos para o exercício de 2021/2024 é aprovado

Câmara Municipal de Feira de Santana foto Política In Rosa

Câmara Municipal de Feira de Santana / Foto: Política In Rosa

Na manhã desta terça-feira (25), a Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, em segunda discussão e por unanimidade dos presentes,  o Projeto de Lei de nº 070/2019, de autoria da Mesa Diretiva, que fixa os subsídios do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e dos vereadores, do município de Feira de Santana, para o exercício 2021/2024, e dá outras providências.

De acordo com o artigo 1° da matéria, o prefeito, o vice-prefeito, secretários municipais e os vereadores do município de Feira de Santana perceberão subsídios e/ou remunerações mensais, para o exercício 2021/2024, nos termos desta Lei. O artigo 2º diz que o prefeito municipal de Feira de Santana perceberá um subsídio (remuneração) mensal, em parcela única, no valor de R$ 26.723,13 (vinte e seis mil, setecentos e vinte e três reais e treze centavos). Segundo o artigo 3°, o vice-prefeito de Feira de Santana perceberá um subsídio (remuneração) mensal, em parcela única, no valor de R$ 18.991,69 (dezoito mil, novecentos e noventa e um reais e sessenta e nove centavos). O artigo 4° informa que os secretários municipais de Feira de Santana perceberão em subsidio (remuneração) mensal, em parcela única, no valor de R$ 18.991,69 (dezoito mil, novecentos e noventa e um reais e sessenta e nove centavos).

Conforme o artigo 5º, os vereadores de Feira de Santana perceberão um subsídio mensal, em parcela única, no valor de R$ 18.991,69 (dezoito mil, novecentos e noventa e um reais e sessenta e nove centavos). :: LEIA MAIS »

“A sinalização no centro não está evoluindo”, reclama líder do Governo

Vereador Marcos Lima

Vereador Marcos Lima (Patriota)

O vereador e líder do Governo, Marcos Lima (Patriota), em seu discurso na sessão desta terça-feira (18), na Câmara Municipal de Feira de Santana, fez algumas críticas ao superintendente Municipal de Trânsito  Maurício Carvalho. O edil disse que a decisão de fechar os retornos da avenida Getúlio Vargas foi correta, mas falta sinalização informando onde estão os retornos. “Nós que somos feirenses temos dificuldade para fazer o retorno. Imagine as pessoas que são de outras cidades e transitam por aqui”, observou.

Marcos Lima destacou que este é o tipo de falha que não deve acontecer em uma cidade do porte de Feira de Santana. “Precisamos de placas indicativas. A sinalização no centro não está evoluindo”, reclamou.

Prefeito de Feira anuncia duplicação de viadutos; Investimento é de R$ 15 mi

Prefeito de Feira anuncia duplicação de viadutos

Foto: Anderson Dias/Política In Rosa

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, apresentou na manha desta segunda-feira (17), o edital para o projeto de duplicação dos viadutos Deputado Francisco Pinto (ligação das avenidas Noide Cerqueira e Getúlio Vargas) e Deputado Wilson Falcão (entre as avenidas Maria Quitéria e Fraga Maia). Colbert informou que as obras devem ser entregues em abril de 2020 e que o investimento na duplicação das pistas dos viadutos será de quase R$ 15 milhões, com recursos da Caixa Econômica Federal, tomados em dezembro de 2018 e R$ 800 mil para a licitação do projeto. O projeto deve ficar pronto em 60 dias e não há uma data para o início das obras.

MP pede que Justiça determine ao Município de Feira de Santana o fornecimento do serviço de reumatologia pelo SUS

Feira de Santana

Foto: ACM

O Ministério Público estadual, por meio do promotor de Justiça Audo Silva Rodrigues, pediu à Justiça, em caráter de urgência, que obrigue o Município de Feira de Santana a fornecer consultas com médico reumatologista no âmbito da rede pública municipal. De acordo com o promotor de Justiça, a inexistência de oferta dessas consultas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Feira de Santana desampara a população assistida nos 126 municípios abrangidos pela pactuação regional. “A falta do serviço impossibilita a realização de diagnósticos e procedimentos cirúrgicos indispensáveis ao adequado tratamento de patologias, ocasionando graves riscos à saúde de pacientes usuários do SUS”, destacou Audo Rodrigues.

A ação se baseia em informações fornecidas pelo próprio Município de Feira de Santana, após solicitação do Ministério Público, que recebeu queixas de diversos usuários do SUS sobre a “impossibilidade de marcar consultas reumatológicas”. Após a abertura do inquérito do MP, a Secretaria de Saúde confirmou que o serviço de reumatologia estaria “temporariamente suspenso” e, informou que até a contratação de outro profissional, as consultas estavam “sendo ofertadas pelo Estado”. O MP contatou o Estado da Bahia, que negou a informação do Município de Feira de Santana, acrescentando que “o Ministério da Saúde inclui os procedimentos especializados de profissionais de reumatologia entre os de média complexidade ambulatorial, sob atribuição da atenção básica de competência municipal”. Na ação, o promotor Audo Rodrigues salienta ainda que, antes do processo judicial, entrou em contato com o Município de Feira, que não sinalizou qualquer ação no sentido de efetivar a contratação dos profissionais.

Vereador propõe que IPTU seja parcelado em 10 vezes

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

O vereador Edvaldo Lima (PP) propôs, na última quarta-feira (12), que dívidas de contribuintes com tributos municipais, como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), parcelados em até 10 vezes em Feira de Santana. Edvaldo voltou a apresentar o Projeto de Lei de nº 58/2019 que permite o parcelamento de impostos, taxas, contribuição e dívida ativa com o Município, através de cartão de crédito, ou de débito. “Cidades como Goiânia, Rio de Janeiro e Espirito Santo já adotaram esse sistema e obtiveram resultados positivos. Acredito que aqui, em Feira, também trará benefícios para a população e para a Prefeitura. O trabalhador vai dividir em até 10x no cartão”, disse.

Edvaldo relatou que o projeto já passou pela Casa, mas ainda não foi aprovado. “Encaminharei esse projeto para a Ordem dos Advogados e com certeza terá um parecer favorável. Não fere a Constituição, como alguns já disseram. A proposta é ajudar o povo a sair da inadimplência”, justificou.

“Colbert, abra o olho para diretores e secretários”, alerta João Bililiu

Vereador João Bililiu

Vereador João Bililiu (PPS)

O vereador João Bililiu (Cidadania) em seu pronunciamento na sessão ordinária da última quarta-feira (12), na Câmara Municipal de Feira de Santana, chamou a atenção do prefeito Colbert Martins Filho para o comportamento de secretários e diretores municipais.

Bililiu criticou o comportamento de alguns secretários e diretores municipais. “Colbert, abra o olho para diretores e secretários. Se estão cansados que se aposentem, vão para casa brincar com os netos, mas não podem deixar de trabalhar por nosso Município. Tome cuidado prefeito, pois como é que um secretário faz vista grossa quando encontra com um vereador em secretarias?”, alertou. :: LEIA MAIS »

Levante a Voz - Todos contra a Dengue Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia