WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Julho Amarelo

:: ‘Notícias Política de Feira de Santana’

Targino Machado responde criticas de Colbert Filho: ‘Saiu do conforto que tanto gosta’

Deputado estadual Targino Machado

Deputado estadual Targino Machado (DEM)

Na última terça-feira (28) o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, gravou um vídeo institucional com o objetivo de responder críticas do deputado estadual Targino Machado à sua administração. O prefeito divulgou o vídeo em suas redes sociais. O deputado estadual Targino Machado (DEM), em resposta ao prefeito, também publicou um vídeo em suas redes sociais. Targino acusou Colbert de não responder a nenhuma de suas críticas e ironizou o fato de ter colocado “Colbert para trabalhar”. “Botei Colbert para trabalhar. Saiu da toca, do conforto que tanto gosta para gravar um vídeo me atacando e tentando me responder, mas não respondeu uma denúncia sequer. Está com medo de quê?”, questionou o lider da oposição na Assembléia Legislativa do Estado da Bahia.

Targino aproveitou e respondeu algumas acusações feitas por Colbert. “Você disse que o governador fechou a Associação onde eu e meu filho, Dr. Tarcísio Pedreira, atendíamos, fazendo o que mais gostamos: o bem ao povo. Esqueceu de dizer que a associação solicitou o alvará da Vigilância Sanitária municipal desde o dia 25 de julho de 2018. Faz 10 meses e até hoje a prefeitura não deu. E com a cara lavada diz que não sabe perseguir”, acusou.

Machado ainda falou sobre o fato de Colbert ter lhe chamado de “metralhadora”. “Ele ainda disse que a minha fama é de uma metralhadora que atira para todos os lados. A minha fama também é de homem trabalhador. E a sua fama, qual é, Colbert? Fala na ética, nos bons costumes e na boa política. Será que a boa política é aquela que você fazia com Geddel Vieira Lima e José Sarney no Ministério do Turismo que lhe custou um par de algemas, com direito a ver o sol nascer quadrado?”, disparou. Ele ainda alertou o prefeito e o acusou de comandar uma organização criminosa. “Cuidado Colbert. Você está comandando uma organização criminosa existente na Secretaria de Saúde do município que desviou cerca de cem milhões de reais. Quem diz isto não sou eu. É o Ministério Público, é o GAECO e a Justiça da Bahia”, falou.

O deputado ainda se defendeu do fato de ter falado mal do ex-prefeito, José Ronaldo de Carvalho. “Quem falou mal de Zé Ronaldo a vida toda foi você, Colbert. Eu falo quando ele merece, pois não tenho chefe. Mas você tem o dever de falar bem de Zé Ronaldo porque ele resgatou você do ostracismo político, onde a preguiça e outras traquinagens lhe colocou”, explicou. E concluiu ressaltando que a cidade de Feira de Santana precisa de trabalho.” Vá trabalhar, Colbert e deixe Zé Ronaldo viajar. Respeite a imagem do seu pai. Não o cite nestas circunstâncias. Ele era um homem honrado e trabalhador e com certeza condenaria isto que você se transformou”, finalizou.

“Se Humildes virar município serei candidato e farei oito dias de festa no São Pedro”, diz vereador

Vereador Zé Curuca

Vereador Zé Curuca (DEM)

O vereador Zé Curuca (DEM), em entrevista ao site Política In Rosa, disse que os moradores do distrito de Humildes estão ansiosos pela festa a qual eles esperam durante todo o ano: o São Pedro. Nessa festa que o comércio do distrito cresce, todo mundo vende e ganha a sua ajuda de custo. “Sabemos que o prefeito Colbert Martins está trabalhando. Mas os moradores sentiram-se prejudicados pela redução de três para dois dias dos festejos. Foi um prejuízo grande e não temos atrações de peso”, lamentou.

Candidatura a prefeito

O edil falou sobre a sua vontade de que a emancipação de Humildes saia do papel. “Nós, moradores de Humildes, estamos muitos ansiosos. O distrito é grande, tem mais de 30 mil habitantes, 17 mil eleitores, várias empresas na região geram emprego e renda para o distrito. E essa renda que poderia ser de Humildes vem para Feira de Santana. Cobramos do prefeito mais obras, pois o distrito merece. E se Humildes se  emancipar eu serei o candidato a prefeito com apoio dos nossos amigos, do deputado Targino Machado, do deputado federal José Nunes e quem sabe do nosso ex-prefeito de Feira José Ronaldo e do atual prefeito de Feira Colbert Martins”, acredita. E prometeu que se isso se realizar ele fará oito dias de festa no distrito.

José Carneiro diz que entende como ‘privilégio’ conceder mais dois anos de mandato a vereadores e prefeitos

Vereador José Carneiro

Vereador José Carneiro (PSDB)

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, vereador José Carneiro (PSDB), em entrevista ao site Política In Rosa, afirmou que a prorrogação de mandato de prefeitos e vereadores é um retrocesso. “Me elegi para exercer um mandato de quatro anos. Os prefeitos e vereadores de todo Brasil se elegeram para exercer o mandato de quatro anos. Aí vem o Congresso Nacional apresenta uma emenda tentando prorrogar os mandatos dos vereadores e prefeitos para seis anos. Se fizerem uma pesquisa junto ao povo brasileiro, será que o povo irá aprovar essa prorrogação de mandato? Claro que não. Eu entendo que seja um privilégio conceder mais dois anos de mandato aos vereadores e prefeitos de todo o país”, disse.

De acordo com o edil, o país vive uma crise política muito grande. Por esse motivo ele tem certeza de que a população não aprovaria uma ideia dessas. “Se eu fosse deputado federal apresentaria um aumento de mandato dos prefeitos e vereadores que irão se eleger em 2020 para até 2026 e aí sim seria uma proposta interessante, pois o povo brasileiro estaria votando convictos de que eles iriam exercer um mandato de seis anos. Não estaria enganando ninguém, privilegiando ninguém”, finalizou.

“Targino é uma metralhadora que dispara para todos os lados”, critica Colbert Filho

Colbert Martins Filho

Colbert Martins Filho – Foto: Reprodução/Facebook

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho (MDB), divulgou em suas redes sociais um vídeo criticando o deputado estadual Targino Machado (DEM). “Já há algum tempo o deputado vem apontando problemas em nossa gestão e até aqui eu preferi o silêncio respeitando o direito da critica”, disse.

De acordo com Colbert, a razão de todo esse barulho do deputado parece ser a liberação de um alvará de uma clínica que ele e os filhos comandam. “A clínica foi fechada por uma ação da vigilância sanitária e do governador da Bahia. Alvarás são liberados quando se cumpre a legislação e as regras valem para qualquer empresa ou qualquer cidadão sem privilégio e sem perseguição. Não sou homem de coisas menores, pois esse tipo de política não faz parte da minha história e nem da minha conduta pessoal. Targino é uma metralhadora que dispara para todos os lados”, criticou.

Confira o vídeo:

Todos sabem do meu um amor por minha terra. Todos os dias sigo firme na minha gestão com missão de buscar sempre o melhor por ela e por minha gente. Nada me afastará de quem sou, do que represento e de meus valores. Vamos juntos seguindo em frente com trabalho e respeito. #ColbertPrefeito

Publicado por Colbert Martins Filho em Terça-feira, 28 de maio de 2019

Oposicionista cobra resposta sobre auditoria em empresas de ônibus

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

O vereador oposicionista, Alberto Nery (PT), disse ao site Política In Rosa que não existe nenhuma auditoria sendo feita nas empresas de transporte público de Feira de Santana. “Na época o ex-prefeito José Ronaldo falava em fazer essa auditoria atendendo uma solicitação das empresas. Os seus administradores diziam que elas estavam no vermelho, tomando prejuízos e todo dia tenciona o sindicato para tentar tirar cobrador. Sempre o prejuízo só cai no mais fraco”, lamentou.

Segundo Nery, na atual gestão a auditoria foi contratada há mais de nove meses e era para ser feita em seis meses. “Vamos aguardar a conclusão dessa auditoria para verificarmos se é real que essas empresas estão tendo prejuízos”, afirmou. Nery disse ainda que a empresa Rosa vai participar para concorrer a um contrato emergencial em Vitória da Conquista garantindo que vai rodar com 30 ou 35 carros novos ou usados. “Enquanto isso, em Feira de Santana, vemos a frota reduzindo a cada dia”, completou.

Nery ainda sugere que a Prefeitura de Feira de Santana faça toda arrecadação dos recursos diários e pagar as empresas pela quilometragem rodada. “Se eles rodarem vazios ou cheios irão receber a quilometragem deles. Se houver excesso de faturamento vantagem para a Prefeitura. Se não tiver, a Prefeitura só vai subsidiar. Quando o poder público municipal tomar essa atitude acaba essa choradeira, pois a quilometragem que eles rodam ociosa a Prefeitura não vai pagar. Finais de semana há redução de frota e se eles deixarem de colocar um carro em circulação o prejuízo vai ser deles, pois irão receber pela quilometragem rodada”, sugeriu.

Targino pede boa vontade “tamanho G” para o povo baiano assim como foi dada ao cantor Agnaldo Timóteo

Deputado estadual Targino Machado

Deputado estadual Targino Machado – Foto: Divulgação

Após passar mal em Barreiras, interior da Bahia, com um princípio de AVC no último dia 20, o cantor Agnaldo Timóteo precisou de apenas 24 horas para ser transferido para o Hospital Roberto Santos, em Salvador. Segundo o deputado estadual Targino Machado (DEM), Agnaldo “passou na frente” de muitos pacientes baianos que estão à espera de uma vaga em um hospital público do estado através da Regulação.

Targino pediu ao Governo do Estado, em discurso no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) nesta terça-feira (28), a mesma agilidade oferecida ao artista para os pacientes em todo o estado. “Não posso deixar de exigir para os doentes baianos, que estão a espera de vagas na Regulação, um tratamento isonômico, igual ao que foi oferecido ao cantor Agnaldo Timóteo: UTI Móvel e reserva de vaga na UTI de um hospital público como o Roberto Santos, que quase nunca tem uma vaga no setor. Mas parece que sempre tem uma vaga reservada para o Secretário de Saúde, para alguém do governador ou para cabeças iluminadas por familiares de políticos”, afirmou.

Targino citou o exemplo do são-gonçalense Jonas Machado que está internado há cinco dias na UPA do Tomba, em Feira de Santana, esperando uma vaga em um dos hospitais do estado. “Boa vontade tamanho G também, para os baianos que morrem a cada minuto nas filas da Regulação. Rogo ao governador para que possa dar igual tratamento ao paciente Jonas Machado, baiano, são-gonçalense, de 78 anos, agricultor, lavrador, uma vida de dedicação ao trabalho e à família. Ele está internado na UPA do Tomba, em Feira de Santana, desde o dia 23 de maio, morrendo, sem encontrar uma vaga para transferência. É hora de sensibilidade e misericórdia com o senhor Jonas Machado. Faça com ele como fez com o cantor Agnaldo Timóteo, governador”, finalizou.

Marcos Lima diz que dinheiro dos precatórios não pode ser usado para pagar professores

Vereador Marcos Lima

Vereador Marcos Lima (Patriota)

O líder da bancada governista, vereador Marcos Lima (Patriota), utilizou a tribuna na sessão ordinária desta terça-feira (28) para explanar sobre a Audiência Pública realizada na Câmara Municipal de Feira de Santana, na última sexta-feira (24), para discutir os precatórios do Fundef. De acordo com o parlamentar, o Tribunal de Contas da União (TCU) vetou o uso de recursos dos precatórios do antigo Fundef para o pagamento de salários e passivos trabalhistas de professores. “O promotor do Ministério Público Estadual, Audo da Silva, foi claro ao dizer que os professores devem ter os pés no chão, pois dificilmente a decisão vai ser alterada”, disse.

O edil acrescentou que os recursos devem ser investidos na Educação, no Ensino Fundamental, o que já está sendo feito pelo prefeito Colbert Martins. “Já existe uma decisão da Justiça bloqueando o uso do dinheiro para o pagamento dos professores. Não é uma decisão do prefeito. Ele não pode desobedecer a lei”, argumentou.

Associação lamenta que vereador não conheça plano de carreira e atribuições dos servidores efetivos

Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Feira de Santana (ASECAMUFS)

Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Feira de Santana (ASECAMUFS)

Após a matéria “Líder do Governo diz que se for para cortar gratificações que corte de todos” ter sido matéria veiculada no site Política In Rosa, a Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Feira de Santana (ASECAMUFS) resolveu se pronunciar. Em uma Nota de Esclarecimento enviada à redação do site, a ASECAMUFS respondeu ao vereador e líder do Governo, Marcos Lima (PATRI), que reclamou que o aumento de 2,5% dado apenas aos servidores efetivos deveria ter sido dado também aos cargos comissionados porque os “efetivos já são muito bem agraciados na Casa com salários bons e muitos tem gratificações”.

Confira a nota encaminhada a nossa redação:

Em resposta ao comentário do vereador Marcos Lima no site Política In Rosa, a Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Feira de Santana (ASECAMUFS) vem esclarecer que sempre defendeu o reajuste geral para todos os servidores da Casa. No entanto, refutamos a informação de que os servidores efetivos sejam “muito bem agraciados nessa Casa com salários bons e muitos tem gratificações”.

A maioria dos servidores não tem gratificações, salvo aqueles que exercem cargos de chefia e funções de confiança. Os poucos que ganham relativamente bem têm entre 27 a 42 anos de serviço público. Portanto, o motivo de não ter reajuste geral não pode ser atribuído aos servidores efetivos que nos últimos anos vem acumulando perdas salariais com a reposição abaixo da inflação. Neste ano, o reajuste foi de 2,5% e a inflação do período foi de 4,94%.

É lamentável esse posicionamento do vereador que já está no 2º mandato e não conhece o plano de carreira nem as atribuições dos servidores efetivos desta Casa. Esclarecemos que o ingresso na Casa da Cidadania é via concurso público, tal como ocorreu no ano passado.

PL

A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, na manhã da última segunda-feira (20), por unanimidade dos presentes, o Projeto de Lei de nº 050/2019, que dispõe sobre a revisão geral anual dos vencimentos dos servidores públicos efetivos do Legislativo feirense. A matéria foi de autoria da Mesa Diretiva. De acordo com o artigo 1°, ficam reajustados em 2,5% (dois e meio por cento) os valores da remuneração dos servidores públicos efetivos da Casa. O PL foi questionado por alguns edis. Eles queriam saber o porquê de o aumento não ter sido dado para os cargos comissionados também.

Audiência não conta com presença de secretária; apenas dois vereadores estiveram presentes

Audiência para discutir recursos dos Precatórios do FUNDEF-Foto site Política In Rosa

Foto: Anderson Dias/Política In Rosa

Uma Audiência Pública promovida pela APLB Feira e a Comissão de Educação da Câmara Municipal de Feira de Santana, presidida pela vereadora, Eremita Mota, foi realizada na manhã desta sexta-feira, 24, na própria Câmara Municipal, onde foi discutido os recursos dos Precatórios do FUNDEF. Participaram da audiência a diretoria da APLB Feira, representada pela diretora Marlede Oliveira, o coordenador geral da APLB Sindicato, Rui Oliveira, a diretoria da APLB dos Núcleos Conceição da Feira e Ipirá, a vereadora Eremita Mota, o vereador Marcos Lima, o vice-presidente da Câmara de Vereadores de Conceição da Feira, Raimundo Conceição Dantas, o presidente do Conselho Municipal do FUNDEB, Marcelo Martins, o promotor de Justiça, Audo da Silva Rodrigues, o Assessor Jurídico da APLB Feira, Maximiliano Ataíde, os trabalhadores em educação, da Rede Municipal e Estadual, ativos e aposentados e demais participantes da comunidade feirense.

Na audiência só tinha dois vereadores presentes, a secretária de Educação não compareceu e coube ao líder do Governo, vereador Marcos Lima, responder os questionamentos dos presentes.

Edvaldo Lima solicita isenção de taxas municipais para taxistas

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta quarta-feira (22), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Edvaldo Lima (PP) informou que solicitou ao Município, através de indicação, isenção de taxas municipais para taxistas e através de ofício à secretária de Saúde, o conserto do equipamento de Raio X da policlínica do Tomba. “Encaminhei a esta Casa a indicação nº 501/2019, solicitando ao Município a isenção de taxas para os taxistas. Fiz o pedido por conta da situação difícil que se encontra a categoria. Eles têm me procurado e informado as dificuldades que estão passando. Tive uma reunião com o prefeito e com o secretário de Transporte, Saulo Figueiredo, onde pedi ajuda para estes trabalhadores”, informou Edvaldo.

Segundo ele, solicitou mais a interferência do Governo em relação à mudança do ponto de táxi, que ficava próximo ao restaurante Giraffas. “O ponto ficava entre a Getúlio e a Barão de Cotegipe, aquele ponto perto do Giraffas. Eles foram relocados para a Barão de Cotegipe e já serão relocado novamente. Eu fiz um apelo ao secretário para que a categoria não seja prejudicada e ele foi bem solícito. Nada melhor que o Governo atender as reivindicações da categoria e atender a minha indicação”, comemorou.

Ainda no uso da tribuna, o vereador informou que pediu ao Município, através de ofício, o conserto do equipamento de Raio X da policlínica do bairro Tomba. “Encaminhei o documento para a secretária de Saúde, pois os moradores do bairro me informaram que o equipamento está quebrado há muito tempo e por isso os exames de Raio X não estão sendo realizados. Espero contar com a atenção da secretária e do prefeito Colbert Martins”, finalizou.

 

Denilton Brito acumula e assume a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social

Denilton Brito

Denilton Brito – Foto: Reprodução/Facebook

O Prefeito Municipal de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, no uso de suas atribuições, considerando o falecimento do sociólogo e professor ILDES FERREIRA DE OLIVEIRA, em 21.05.2019, tendo assumido o cargo de Secretário Municipal de Desenvolvimento Social, RESOLVE revogar a Portaria Nº 589, de 20 de maio de 2019, publicada no Diário Oficial do Município em 21.05.2019, e designar DENILTON PEREIRA DE BRITO, Diretor Presidente da Agência Reguladora de Feira de Santana – ARFS, para responder interina e cumulativamente pela aludida Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

Targino Machado pede afastamento de secretária de Saúde de Feira; Pastor Tom defende permanência

Targino Machado e Pastor Tom-montagem site Política In Rosa

Targino Machado e Pastor Tom-montagem site Política In Rosa

O deputado estadual Targino Machado (DEM) lembrou que a pouco tempo repercutiu a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), em conjunto com Promotores de Justiça do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO). A denúncia, segundo Targino, era em desfavor de agentes políticos-administrativos e de agentes econômicos-empresariais que atuaram na Secretaria de Saúde do município de Feira de Santana de forma continuada entre os anos de 2009 a 2018 com a prática de falsidade ideológica, organização criminosa, fraude ao caráter competitivo de licitação, peculato e lavagem de dinheiro. “Tudo já provado por farto material probatório, já resultando em dez prisões preventivas do núcleo econômico-empresarial”, afirmou o deputado.

O deputado disse ainda que a investigação teve início fruto de notícias de irregularidades na contratação, pelo município de Feira de Santana, da “Cooperativa Coofsaúde”, mediante direcionamento de licitações voltadas à contratação de mão de obra no âmbito da Secretaria Municipal de Saúde da citada cidade, através de contratos superfaturados em seus valores e defeituosamente executados mediante prestação de serviços parciais. “A Secretária de Saúde fingia que fiscalizava os agentes privados, e estes superfaturavam os serviços e emitiam notas fiscais ideologicamente falsas, que eram validadas pelos agentes políticos da Secretaria de Saúde e da Procuradoria Jurídica do município”, completou.

Ainda conforme o deputado, o núcleo formado por agentes econômicos-financeiros foi desmantelado com prisões temporárias e, em seguida, transformadas em prisões preventivas de dez participantes. “O núcleo político–administrativo ainda não sofreu nenhuma baixa, embora o MP do Estado da Bahia dê conta da participação na organização criminosa da Secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, e do chefe da Procuradoria Jurídica do município, Dr. Cleudson Santos Almeida, além de outros funcionários públicos”, explicou. :: LEIA MAIS »

Presidente da Câmara de Feira sugere cortar gratificações de assessores para poder dar reajuste salarial

Vereador José Carneiro

Vereador José Carneiro (PSDB)

A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, na manhã desta segunda-feira (20), por unanimidade dos presentes, o Projeto de Lei de nº 050/2019, que dispõe sobre a revisão geral anual dos vencimentos dos servidores públicos efetivos do Legislativo feirense. A matéria é de autoria da Mesa Diretiva. De acordo com o artigo 1°, ficam reajustados em 2,5% (dois e meio por cento) os valores da remuneração dos servidores públicos efetivos da Casa. O PL foi questionado por alguns edis. Eles queriam saber o porquê de o aumento não ter sido dado para os cargos comissionados também.

O presidente do Legislativo feirense, vereador José Carneiro (PSDB), em entrevista ao site Política In Rosa, disse que não teve como contemplar os assessores com o reajuste salarial de 2,5%. “Claro que são dedicados, gostaria de ter atingido e infelizmente não deu. Quero que os assessores entendam que o salário de vereador está congelado há 12 anos. Apenas um ano que ficou sem aumento de 2,5% não será o fim e nem vai morrer ninguém por causa disso”, disse.

De acordo com Carneiro, todos os vereadores sabem a dificuldade que a Casa tem enfrentado no final do ano para fechar as contas. “Já que os vereadores Marcos Lima e Lulinha questionaram, sugeri tirar as gratificações dos assessores que alguns recebem de até 75% e a gente contemplava sem exceção todos os cargos comissionados. Assim eu teria como conceder esse aumento a todos os assessores de cada vereador”, finalizou.

Líder do Governo diz que se for para cortar gratificações que corte de todos

Vereador Marcos Lima

Vereador Marcos Lima (PRP)

O vereador e Líder do Governo, Marcos Lima (Patriota), disse ao site Política In Rosa que o aumento de 2,5 % da remuneração dos servidores públicos efetivos da Câmara Municipal de Feira de Santana deveria ser para todos. “Foi dado para os efetivos que já são muito bem agraciados nessa Casa com salários bons e muitos tem gratificações. Infelizmente, os comissionados que são contratados pelos vereadores não receberam”, disse.

Segundo Marcos Lima, o presidente da Casa, José Carneiro, deu o aumento dos efetivos e não mandou dos outros. “Se ele achar que deve cortar as gratificações, que corte. Corte dos efetivos, dos comissionados e inclusive dos que ele tem indicado na Casa, pois aí será democrático”, finalizou.

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia