WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


Micareta de Feira de Santana 2019

:: ‘Notícias Política de Feira de Santana’

Governo divulga ações que estão sendo tomadas para combater o mosquito da dengue

Governo divulga ações que estão sendo tomadas para combater o mosquito da dengue

Foto: Abnner Kaique

Diante da grande quantidade de casos de dengue identificados  na região, uma série de ações interligadas  para combater o mosquito Aedes aegypti, foram  reveladas pelo Governo Municipal,  na manhã desta segunda-feira (25), na Sala de Imprensa Arnold Silva, no Centro de Atenção ao Feirense (CEAF). De acordo com a Prefeitura de Feira, para o enfrentamento do mosquito, que já ganhou dimensões planetárias,  o governo municipal e estadual, em ações articuladas, está utilizando os mais variados recursos disponíveis, com ações definidas a partir do Gabinete da Dengue, que reúne, principalmente,  as secretaria de Saúde, Serviços Públicos, Agricultura,  Comunicação Social.

Ainda de acordo com a Prefeitura, além da mobilização de mais de 2 mil agentes no  combate ao mosquito transmissor( na cidade e na Zona Rural),   seis carros, tipo  “ fumacê”, disponibilizados pelo Governo do Estado, estão sendo usados para espargir larvicidas  nos bairros, enquanto  dez carros de som levam mensagens relativas as atividades que estão sendo postas em prática nas localidades.

A Prefeitura informa que outro recurso usado principalmente nos distritos, as bombas costais também fazem  parte do esforço governamental  para debelar o mosquito, cuja proliferação aumenta exponencialmente em altas temperaturas, tendo como veículo principal águas limpas e paradas. Só no mês de janeiro, a Secretaria de Saúde contabilizou 1.221 casos notificados. Buscando o apoio da comunidade no sentido de colaborar com as autoridades de saúde a intensificar o trabalho que vem sendo desenvolvido,  o Gabinete da Dengue está acompanhando com atenção  os casos noticiados nas emissoras de rádio locais. De posse do endereço, os agentes de saúde comparecem, in loco, nas residências das pessoas que se declaram acometidas pela doença, com vistas a intensificar as ações preventivas na área. Neste sentido, o Gabinete da Dengue está disponibilizando u para a população os telefones 0800- 284-6656, e 0800-223-4673. :: LEIA MAIS »

“Vossa Excelência só não disse em junho de que ano”, diz Nery sobre entrega de obra do Governo Municipal

Alberto Nery e Marcos Lima-montagem Política In Rosa

Alberto Nery e Marcos Lima-montagem Política In Rosa

O líder do Governo, vereador Marcos Lima (PRP), discursou falando os feitos do Governo Municipal. Marcos fez uma defesa veemente do trabalho do prefeito Colbert Martins Filho. Dentre eles o Shopping Popular. Segundo Marcos, em junho a obra estará pronta. A obra do Shopping Popular tem sido criticada pela demora na sua entrega. Na presidência da Casa, o vereador oposicionista Alberto Nery (PT) disparou. “Vossa excelência só esqueceu de dizer em junho de que ano”.

Carlito diz que viu caminhão carregado de verduras descarregando para diversos carrinhos de mão

Vereador Carlito do Peixe

Vereador Carlito do Peixe (DEM)

Falando sobre a feirante que esteve na Câmara Municipal de Feira de Santana reclamando que teve a sua mercadoria apreendida pelo rapa, o vereador Carlito do Peixe (DEM) fez a sua ponderação. Segundo o vereador, ele viu um caminhão na Rua Barão de Cotegipe carregado de verduras e descarregando para diversos carrinhos de mão que provavelmente andariam para o centro da cidade. Na opinião do vereador, aquele é um empresário que utiliza a mão de obra dessas pessoas para ganhar dinheiro. “É preciso investigar para saber o que é isso”, afirmou. A preocupação do vereador é como vai acontecer à revitalização do centro da cidade com cenas como essa acontecendo diariamente.

Colbert assina pedido de inscrição de Feira de Santana em programa da ONU

Colbert assina pedido de inscrição de Feira de Santana em programa da ONU

Foto: Abnner Kaique

Feira de Santana em breve vai fazer parte da campanha “Construindo Cidades Resilientes”, lançada em 2010 pelo Escritório das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres – UNISDR/ONU. O pedido de inscrição do município foi assinado pelo prefeito Colbert Martins Filho, nesta segunda-feira, 25, durante a abertura da Semana Municipal de Proteção e Defesa Civil. O evento está sendo realizado no auditório da Faculdade de Ciências e Tecnologias (FTC). Ao passar a fazer parte da campanha, o município entra nos programas estabelecidos pela ONU para que esteja preparado para eventos de origem natural ou tecnológica. Metas deverão ser cumpridas, através de ações e obras de infraestrutura, além de integração dos órgãos para que consiga o título de “Cidade Resiliente”. “Já temos muita coisa sendo realizada, a exemplo da Unamacs, cursos de preparação e os simulados. Estamos no caminho de construir. Precisamos de mais participação. Com essa inserção no programa, vamos dar um grande passo”, destacou o coordenador de Defesa Civil, Pedro Américo.

O prefeito Colbert Martins afirmou que todos os esforços estão sendo realizados para que Feira de Santana esteja preparada para agir caso aconteça algum tipo de desastre. Além do pedido de inserção no programa da ONU, o gestor municipal também assinou o projeto que organiza todas as atividades de Defesa Civil e Segurança Pública. O texto foi encaminha para a Câmara Municipal para apreciação do legislativo. Lembrando da recente tragédia ocorrida em Brumadinho, Minas Gerais, o prefeito destacou que a informação deve ser uma ferramenta fundamental. “Fiz questão de convocar os especialistas de tecnologias na gestão para participar. Nos Estados Unidos as pessoas são informadas de um possível evento natural antes mesmo dele acontecer. Podemos fazer isso também”.

Colbert completou afirmando que estar preparado é o ponto principal. “Sou muito religioso e acredito em Deus. Mas não basta só ter fé e pedir para não acontecer um desastre natural. É preciso estar pronto para que não aconteça o pior”. :: LEIA MAIS »

Vereadora cobra implantação de uma Delegacia do Idoso em Feira de Santana

Vereadora Gerusa Sampaio

Vereadora Gerusa Sampaio (DEM)

A vereadora Gerusa Sampaio (DEM), em seu discurso na sessão da última quarta-feira (20), na Câmara Municipal de Feira de Santana, voltou a defender a necessidade da implantação de uma Delegacia do Idoso no município. “Sabemos que muitas vezes os idosos ficam em uma situação vulnerável e são alvo de fraudes ou agressões. Eles precisam de proteção. Iremos até onde for necessário para conseguir trazer essa delegacia para Feira de Santana”, disse Gerusa.

Ação pede restabelecimento do atendimento de urgência ginecológica no Hospital Geral Clériston Andrade

Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA)

Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA)

O promotor de Justiça Audo da Silva Rodrigues ajuizou ação civil pública com pedido de tutela de urgência, solicitando à Justiça que determine o restabelecimento, no prazo de dez dias, do atendimento de urgência/emergência ginecológica no âmbito do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA). “Constatamos que a interrupção do atendimento de urgência/emergência ginecológica do HGCA se deu por decisão unilateral da administração local após a transferência do serviço de Obstetrícia para o Hospital Estadual da Criança (HEC). Com a cessão dos profissionais médicos estatutários que atendiam no HGCA para o HEC, o serviço foi indevidamente interrompido, gerando grande instabilidade aos usuários e aos diversos outros estabelecimentos de saúde do Município”, destacou o promotor de Justiça.

O promotor complementou que além de Feira de Santana, a população de 126 municípios da região ficou sem atendimento em urgência/emergência ginecológica. “Com a transferência da obstetrícia para o Hospital Estadual da Criança, este acabou por absorver o material humano para o desenvolvimento das atividades de obstetrícia de alto risco, que até então eram desempenhadas pelo HGCA”, afirmou. No entanto, segundo o promotor de Justiça Audo Rodrigues, a unidade hospitalar do Clériston Andrade é a única credenciada para o atendimento de ginecologia de urgência/emergência de alto risco em Feira de Santana.

Targino Machado pede gabinete de crise para situação da dengue em Feira de Santana

Targino Machado

Deputado Targino Machado (DEM)

O deputado estadual Targino Machado, líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia, denunciou uma epidemia de dengue na cidade de Feira de Santana, onde reside. O parlamentar pediu ao prefeito do município, Colbert Martins, que seja instalado um gabinete de crise para solucionar o problema. “Feira de Santana, segunda maior cidade do estado, atualmente administrada pelo Dr. Colbert Martins Filho, médico angiologista, está submetida a uma epidemia de dengue nunca vista. Infelizmente, a cidade tem 600 casos confirmados, quatro mortes e 1494 casos suspeitos, ainda sem confirmação. O município tem apenas 210 agentes de endemias para quase 700 mil habitantes. Esses profissionais são verdadeiros heróis, pois não recebem salários compatíveis com o seu trabalho e nem gratificações. Para uma cobertura adequada para aquilo que se propõe os agentes de endemias, precisaríamos de mais 300 profissionais. Não sei porquê o prefeito ainda não criou um gabinete de crise para administrar essa situação”.

Ainda de acordo com o parlamentar, as causas desse surto de dengue estão relacionadas à falta de fiscalização na Princesa do Sertão. “Não adianta o discurso do prefeito e da sua equipe, que alegam que 90% dos focos dos mosquitos encontram-se dentro das residências. Isso não é verdade. A causa da epidemia não está, em sua maioria, no interior das casas, mas nas ruas sujas e em uma infinidade de terrenos baldios sem fiscalização, onde a vegetação cresce de forma desordenada, sem tratamento, onde se depositam lixos e entulhos. Infelizmente, Feira de Santana não tem fiscalização para nada. Vou lançar um desafio ao prefeito: toma juízo, Dr. Colbert Martins! Você é médico angiologista e não é anestesista para paralisar Feira de Santana como está fazendo”, finalizou.

Nery questiona contratação emergencial para destinação de resíduos do aterro sanitário

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

A convocação para contratação emergencial de serviços de destinação final de resíduos do aterro sanitário foi fortemente criticada pelo vereador Albert Nery (PT), na sessão ordinária desta quarta-feira (20). Durante discurso na Câmara Municipal de Feira de Santana, o petista reclamou dos constantes aditivos feitos na área. “Durante o recesso, Marcos Lima (PRP) gravou um vídeo falando sobre uma possível CPI para investigar a questão do lixo. Já conta com o meu voto”, disse Nery que ressaltou não entender a constante renovação de contrato provisório.

Ex-prefeito é multado pelo TCM

José Ronaldo

José Ronaldo (DEM)

Na sessão desta quarta-feira (20), o Tribunal de Contas dos Municípios multou em R$ 3 mil o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho, em razão de irregularidades identificadas em 61 processos de dispensa e inexigibilidade de licitação realizada nos exercícios de 2016 e 2017. Segundo o relator, conselheiro Paolo Marconi, os processos foram destinados a contratação de profissionais do setor artístico para as micaretas, as festas de São João e de São Pedro e as exposições agropecuárias do município naqueles exercícios, a um custo de R$2.358.600,00.

De acordo com o TCM, dos 61 processos analisados – três de dispensa e 58 de inexigibilidade –, nenhum deles apresentou justificativa dos preços pactuados. Essa justificativa deveria ter sido providenciada por meio de ampla pesquisa de mercado em que ficasse demonstrado que os valores cobrados à prefeitura eram, à época das contratações, similares ao que os empresários contratados cobravam de outros contratantes. E, com exceção das inexigibilidades de 2017, a maioria dos processos não apresentou elementos indicativos da consagração, pela crítica especializada ou pela opinião pública, dos artistas contratados.

Ainda de acordo com o TCM, em dois dos cinco processos de inexigibilidade realizados em 2017 as cartas de exclusividade apresentadas restringem a capacidade de representação do empresário à micareta de Feira de Santana, o que viola dispositivo contido na Instrução nº 2/2015 do TCM. Cabe recurso da decisão.

“Daqui uns dias o Rio Jacuípe vai se tornar um esgoto a céu aberto”

Vereador Marcos Lima

Vereador Marcos Lima (PRP)

O vereador e líder do Governo na Câmara Municipal de Feira de Santana, Marcos Lima (PRP), criticou a situação do Rio Jacuípe. De acordo com o vereador, ele é o único rio que perpassa a cidade de Feira de Santana e está totalmente poluído. “Os dejetos são diariamente jogados no rio e recentemente o local foi tomado por algas marinhas que estão impedindo as lanchas e os pescadores de transitar na localidade”, disse. Marcos reclamou ainda que nenhum órgão municipal ou estadual busca resolver o problema. “A Associação Náutica do Rio Jacuípe junto com uma Associação de Motociclistas pretendem contratar uma empresa para tirar a metade das algas que estão no local”, relatou.

Obras da ViaBahia e falta tratamento de águas servidas

Ainda conforme o vereador, a ViaBahia realizou a obra de construção de uma nova ponte e deixou muitos materiais cair. Com isso o nível da água baixou. Também tem o problema das águas servidas jogadas nos córregos que desembocam no rio sem tratamento. “O rio está morrendo. Futuramente poderá se tornar um esgoto a céu aberto se não tiver um tratamento das águas que são encaminhadas para lá”, finalizou.

Vereadora diz que faz parte da bancada, mas que isso não a faz ser “capacho de chefe”

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) disse que ouviu de alguns colegas que ela não fazia parte da bancada governista e que por esse motivo não “a levariam nas costas”. O discurso da vereadora aconteceu na manhã desta terça-feira (19), na Câmara Municipal de Feira de Santana. “Faço parte da base e o prefeito Colbert sabe da minha posição. Tenho conversado muito e sei que ele me entendeu”, disse. Eremita explicou que faz sim parte da bancada, mas que isso não a faz ser “capacho de chefe”. “Digo a quem interessar possa que uma das minhas maiores características é ter posicionamento. Estou no quarto mandato, nunca tive uma votação menor. Ela só fez crescer. E ele é fruto do meu trabalho. Não devo meu mandato a grupo político nenhum”, afirmou.

A vereadora lembrou ainda a época em que Tarcízio Pimenta foi candidato a prefeito junto com o ex-prefeito José Ronaldo. “Eu sabia que havia uma possibilidade remota de Tarcízio ganhar, mas a minha posição foi ficar ao seu lado porque foi esse compromisso que eu fiz. E assim o fiz até o final”, recordou. A edil ainda alertou o prefeito Colbert Martins. “Daqui a dois anos, quando estiver acontecendo às eleições, a história vai se repetir. E aí o prefeito vai saber realmente quem tem posição e ter a conclusão de quem está ao seu lado. Quem viver verá”, finalizou.

Cadmiel cobra mais atenção do Estado com a saúde de Feira

Vereador Cadmiel Pereira

Vereador Cadmiel Pereira (PSC)

O vereador Cadmiel Pereira (PSC) cobrou mais atenção do Estado para com a saúde ofertada em Feira de Santana. Segundo o edil, não dá para continuar como está. “Não tem como fazer cirurgia na cidade porque não há onde fazer. A reforma do HGCA foi boa, mas não atende alguns serviços essenciais, não tem como dá conta de Feira de Santana e tantos municípios. O prefeito Colbert Martins Filho já disse que está receptivo ao Governo do Estado, para juntos lutarem em prol da saúde de Feira”, disse.

Mais uma lei não é cumprida em Feira de Santana

Papel térmico

Foto: Reprodução

Mesmo com uma lei aprovada pelo Município de Feira de Santana proibindo a utilização de papel térmico por instituições bancárias, financeiras, de recibos, comprovantes e outros documentos que necessitem da guarda do consumidor por um período superior a um ano ele é ainda utilizado por algumas instituições bancárias da cidade. A lei é de autoria da vereadora Gerusa Sampaio (DEM) e foi aprovada no ano de 2015. Gerusa disse que tem cobrado insistentemente a fiscalização da lei por parte do Procon e que alguns bancos justificam ainda a sua utilização porque tinham estoque desse tipo de papel. Já as casas lotéricas não utilizam mais esse papel.

Em 2017 a vereadora fez um requerimento solicitando que fosse encaminhado à superintendente do Procon, Suzana Mendes, o pedido de fiscalização a aplicabilidade da lei. O que parece é que, quase quatro anos depois da aprovação da lei, nem o Procon se interessa de fiscalizar e nem os bancos se interessam em obedecer. Bem conveniente.

“Homem nasce homem e mulher nasce mulher”, diz vereador

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

O vereador Edvaldo Lima (PP) repercutiu o discurso do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello. Para o edil, ao defender a criminalização da homofobia o ministro atacou as religiões e abraçou a ideologia de gênero. “Segundo o ministro Celso de Mello, a mulher não nasce mulher, ela se torna mulher. É uma pena ver um ministro do alto escalão tão perdido nas ideias”, comentou Edvaldo.

O edil acrescentou que a ação de criminalizar a homofobia é uma represália contra os pastores evangélicos. “Ninguém nasce ladrão, elas se tornam criminosos. Assim são os homossexuais, eles não nascem se tornam. É isso que a bíblia fala e nós pastores não fugiremos do que ela prega. Poderemos ser taxados como criminosos por defender o correto. Pastores serão presos. E eu serei o primeiro. Não vou omitir os mandamentos de Deus. Homem nasce homem e mulher nasce mulher”, finalizou.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia