WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Seminário

:: ‘Notícias Política de Feira de Santana’

Eremita Mota demonstra preocupação com cortes na Educação

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) subiu a tribuna nesta segunda-feira (02), na Câmara Municipal de Feira de Santana, para tratar de um assunto delicado. A vereadora falou sobre os recorrentes cortes de verbas para a educação. “Foram ao todo R$ 914 milhões em políticas específicas para o seu desenvolvimento. E ontem aconteceu mais um corte. O que ajudava os alunos medalhistas das Olimpíadas de Matemática. Eles recebiam R$ 400,00 como ajuda do Governo assim que ingressava no nível superior”, lamentou.

Segundo a vereadora, o conceito de educação está ameaçado em todos os lugares. Aqui em Feira de Santana não é diferente. “Como presidente da Comissão de Educação e Cultura da Casa estou realizando visitas nas escolas municipais já que a educação básica é o alicerce para qualquer indivíduo crescer e ser bem sucedido. É ela que vai deixar o aluno pronto para enfrentar os cursos que querem fazer e suas profissões específicas”, explicou.

Eremita ainda destacou a importância de se trazer a sociedade para participar de todo esse processo. “Mas eu entendo que às vezes por conta da labuta dos pais e mães de família eles não têm condição dessa participação e há aqueles que têm o interesse e não são convidados para participar”, afirmou. Para a vereadora, é daí que vem uma das falhas no sistema escolar. :: LEIA MAIS »

Contas da Prefeitura do exercício financeiro de 2017 é aprovada

Contas da Prefeitura do exercício financeiro de 2017 é aprovada

Foto: Divulgação

Na manhã desta segunda-feira (02), a Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, em discussão única e por maioria dos presentes, o Projeto de Decreto Legislativo de nº 042/2019, de autoria da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização do Legislativo feirense, que opina pela aprovação, porque regulares, porém, com ressalvas, das contas da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, relativas ao exercício de 2017. O vereador Roberto Tourinho (PV) votou contrário à matéria e o edil Zé Filé (PROS) se absteve da votação.

De acordo com o artigo 1º da proposição, ficam aprovadas as contas da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, correspondentes ao exercício financeiro de 2017, de responsabilidade do gestor José Ronaldo de Carvalho, que tramitaram no Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia, no processo nº 0346e18, resultando no Parecer Prévio, publicado no Diário Oficial Eletrônico do Tribunal supracitado, no dia 12/06/2019, em que neste ato é acatado.

O artigo 2º diz que este Decreto Legislativo entrará em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Vereador que teve o nome pichado na Câmara diz: “É perseguição”

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

O vereador Edvaldo Lima (PP), em entrevista ao site Política In Rosa, falou sobre a pichação com o seu nome e o do presidente da República Jair Bolsonaro. O prédio anexo da Câmara Municipal de Feira de Santana amanheceu pichado com palavras de baixo calão direcionados a Edvaldo e a Bolsonaro. “Vejo essa pichação como uma perseguição a mim e ao presidente da República Jair Bolsonaro. Devido a minha fé vejo como uma intimidação, uma ameaça e tudo isso contra o presidente da República e a minha pessoa”, disse.

Ao mesmo tempo em que afirma que a pichação dizia respeito a ele e ao presidente, de forma contraditória, Edvaldo voltou a afirmar que era também contra todos os vereadores que aprovaram por unanimidade o Título de Cidadão Feirense a Jair Bolsonaro. “O presidente da República é uma autoridade máxima e precisa ser respeitado. Esta Casa precisa ser respeitada. Não aceito ameaça de siglas de gangues. Já estamos com os vídeos e imagens que foram levadas para polícia. Os culpados serão descobertos e punidos na forma da lei”, relatou.

Coodenador da Polícia Civil fala sobre a pichação na Câmara de Feira

Coordenador Regional de Polícia, delegado Roberto da Silva Leal

Coordenador Regional de Polícia, delegado Roberto da Silva Leal.

O Coordenador Regional de Polícia, delegado Roberto da Silva Leal, foi entrevistado pelo programa Levante a Voz, ancorado pelo radialista Luiz Santos para falar sobre o ato de pichação na Câmara Municipal de Feira de Santana. “É um de dano ao patrimônio público. Além de verificar o que foi pichado pode ter havido outra conduta atípica. Por exemplo, ameaça, calúnia, injúria ou difamação. Primeiro vamos averiguar a identificação dessas pessoas que fizeram a pichação. O crime é de ação pública condicionada e a pena pode ser entrede 2 a 4 anos de prisão. Na maioria desses crimes, além de existir algumas obrigações que a pessoa acaba assumindo, pode ser feito um acordo com o Ministério Público para o cumprimento de medidas sem que haja a reclusão”, afirmou.

Ainda Segundo Leal, pode haver uma idenização, pois o órgão público terá ter despesas para fazer a limpeza do local e isso pode ser cobrado do autor. Se for um crime de calúnia, injúria e difamação e a pessoa quiser entrar com uma ação civil por danos morais é possível também”, concluiu.

Com direito a “serei prefeito”, vereadores do DEM participam de evento do PSD

Lulinha e Zé Curuca no evento do PSD-Montagem site Política In Rosa

Lulinha e Zé Curuca no evento do PSD-Montagem site Política In Rosa

O Partido Democrático Social (PSD) realizou, neste domingo (01), em Santa Bárbara, o ato de filiação do pré-candidato a prefeito, Edifrancio de Jesus. Dois vereadores do Democratas por Feira de Santana estavam no evento: Lulinha (DEM) e Zé Curuca (DEM). Ambos apoiaram na última eleição o deputado federal José Nunes (PSD).

Em seu discurso no evento, o deputado elogiou o Senador Otto Alencar, presidente da legenda na Bahia, e ressaltou a importância de Edifrancio, vereadores e diversas outras lideranças.

“Lulinha quem me apresentou Edifrancio”

Nunes lembrou também que conheceu Edifrancio através do vereador Lulinha. Foi assim que Nunes conseguiu trazer mais essa liderança do interior da Bahia para o PSD. Ele ainda destacou o trabalho do verador Zé Curuca. “Ele vem mostrando como se trabalha no Distrito de Humildes. Dessa forma ele vai transformar, em breve, Humildes em cidade com apoio também de Otto Alencar”, afirmou José Nunes.

Em resposta a José Nunes, Zé Curuca disse empolgado. “Eu serei prefeito de Humildes”. :: LEIA MAIS »

Pacote de Investimentos está previsto para ser lançado até o final de setembro

Pacote de Investimentos está previsto para ser lançado até o final de setembro

Foto: ACM

O prefeito da cidade de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, deu ordem de serviço que vai beneficiar sete artérias do Bairro Santo Antônio dos Prazeres com pavimentação e paralelepípedo. De acordo com Colbert, serão 15.830 metros quadrados de ruas calçadas. Com recursos próprios do Município, as obras estão orçadas em mais de R$ 615 mil, e, segundo os responsáveis técnicos da MCT. Empreiteiras e Transportes Ltda., os serviços serão concluídos dentro de oito meses. “Atendendo às solicitações das lideranças comunitárias do Santo Antônio dos Prazeres, serão contempladas as ruas Lagoa Grande, Lagoa Dourada, Lagoa Rita, Lagoa da Canoa, Rafaima, União da Vitória, e Caurama e 1ª e 2ª travessas, e a travessa Quito”.

Homenagem

Em homenagem póstuma a Valdir do “Trator”, que se destacou como um aguerrido líder comunitário do bairro, Colbert sugeriu aos vereadores presentes que apresentassem na Câmara Municipal um projeto dando o nome de uma das ruas da localidade ao saudoso morador.

O gestor antecipou para os moradores do Santo Antônio dos Prazeres o segundo “Pacote de Investimentos” do seu governo, que segundo ele está previsto para ser lançado até o final de setembro. :: LEIA MAIS »

Zé Neto e Targino Machado têm encontro informal

Zé Neto e Targino Machado

Zé Neto e Targino Machado – Foto: Reprodução

O deputado federal Zé Neto (PT) e o deputado estadual Targino Machado (DEM) tiveram, neste domingo (01), um bate papo informal em um evento da Paróquia Senhor dos Passos, comandada pelo Padre Luiz. O evento teve como objetivo arrecadar fundos para a festa da Igreja Senhor dos Passos.

Zé Neto divulgou o encontro em suas redes. “Encontrei o deputado Targino Machado e aproveitamos para ‘bater uma boa resenha’ sobre os últimos acontecimentos de Feira de Santana”, disse.

Vale ressaltar que o Instituto Paraná Pesquisa divulgou na última quarta-feira (28) sobre possíveis candidatos à Prefeitura de Feira de Santana. O resultado aponta o Zé Neto a frente com 26,5% das intenções de voto. Logo depois aparece o atual prefeito Colbert Martins Filho (MDB) com 14,1%. Em terceiro vem o deputado estadual Targino Machado (DEM) com 10,6% e em quarto a deputada federal Dayane Pimentel (PSL) com 10,4%.

Rui Costa faz entregas em Feira de Santana e Serra Preta

Governador Rui Costa

Governador Rui Costa

A agenda do governador Rui Costa, nesta sexta-feira (30), começa às 9h, em Feira de Santana, onde assina uma ordem de serviço para ampliação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA) da cidade; inaugura a pista de atletismo no 1º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação; entrega 94 viaturas para a Polícia Militar – beneficiando 68 municípios no entorno –; e atende à imprensa em coletiva, na Avenida Transnordestina, BR 116 Norte, KM 03, Conjunto Feira VI. A partir das 10h, o governador segue para uma solenidade na Lagoa da Caiçara, em Serra Preta, onde vai inaugurar o sistema de abastecimento de água, entregue pelo Governo do Estado; além de participar da entrega da primeira etapa da construção de rede de esgotamento sanitário da Rua Travessa Roberto Santos, no distrito do Bravo.

Neste evento, Rui Costa entrega também sete viaturas militares que serão usadas em Anguera, Antônio Cardoso, Ipecaetá, Rafael Jambeiro, Santo Estevão, Serra Preta e Tanquinho, e cinco barreiros comunitários nas localidades de Barrinha-Pintado, Jacu, Pé de Serra, Roma e Canto da Jurema. Celebra ainda outras ações realizadas pelo Governo do Estado em prol da comunidade local, como a implantação de sinalização vertical no município e o cadastro ambiental rural.

O governador aproveita ainda a ocasião para autorizar o convênio no âmbito do Projeto Bahia Produtiva, através do edital Qualificação de Agroindústrias e as ordens de serviço para a prefeitura conduzir a segunda etapa da pavimentação da Travessa Simão Bispo Distrito do Ponto de Serra Preta e da Rua Cipriano Soares; e a segunda etapa da construção do esgotamento sanitário na Lagoa da Caiçara.

Secretário consegue junto ao deputado Abílio Santana R$ 3 milhões em emendas parlamentares

Nau Santana e Abílio Santana

Nau Santana e Abílio Santana – Foto: Divulgação

O secretário de Relações Interinstitucionais, Nau Santana, esteve durante essa semana em Brasília empenhado a visitar alguns deputados no intuito de captar emendas que possibilitem a implantação de novos projetos na cidade de Feira de Santana.

Nau Santana usou o bom relacionamento que tem junto a alguns deputados e conseguiu uma ótima novidade para a cidade de Feira de Santana. Após encontro com o deputado Federal Abílio Santana (PR-BA), partido qual o secretário é vice-presidente Municipal na cidade, foi anunciado através do próprio Abílio Santana, uma emenda no valor de R$2.000.000,00 (dois milhões de reais) que será usada na área da saúde e no Programa de Acessibilidade ao Cidadão Especial (PACE), programa este que foi criado no ano de 2007 com o objetivo de promover o transporte especial para pessoas com total dificuldade de mobilidade nos transportes públicos convencionais do município. O projeto é comandado pelo secretário Saulo Figueiredo.

Lembrando que o deputado federal Abílio Santana logo ao assumir o mandato já teria anunciado uma emenda de R$ 1.000,000, 00 (Hum milhão de reais) para serem usados na infraestrutura no município de Feira de Santana. De acordo com Nau Santana, o deputado informou que estará fazendo sempre que necessário esta condução do relacionamento do Governo Municipal com o Congresso Nacional e os Partidos Políticos. “Enquanto aqui estiver como secretário, tratarei com muito afinco e farei jus a pasta a qual assumir”, afirmou Nau Santana.

Prefeitura obtém posse do Feira Tênis Clube

Prefeitura obtém a posse do Feira Tênis Clube

Foto: ACM

O juiz de Direito Gustavo Rubens Hungria, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Feira de Santana, concedeu a Prefeitura Municipal a posse do imóvel onde funcionou o Feira Tênis Clube, na Rua Visconde do Rio Branco, cuja desapropriação para fins de utilidade pública se deu mediante depósito judicial de R$ 9,2 milhões, ocorrido em meados do mês de julho. A sentença judicial, datada desta quarta-feira, 21, foi recebida pelo prefeito Colbert Martins da Silva Filho como sendo “uma vitória histórica para o Município, e um passo decisivo para transformar o Feira Tênis Clube em um  Centro de Educação Complementar,  voltado à captação e formação pedagógica permanente da Rede Municipal de Ensino, com ênfase na promoção de atividades esportivas e culturais”. A desapropriação da área de 12 mil metros quadrados, onde por décadas funcionou o tradicional clube social, ocorreu através de Decreto Municipal declarando o espaço de utilidade pública, com vistas a preservar o importante patrimônio arquitetônico da cidade.

Um  vídeo ilustrativo sobre o futuro Complexo Educacional  produzido pela Secretaria de Comunicação,  demonstrando, numa  maquete, o projeto arquitetônico concebido por técnicos da Secretaria de Planejamento  foi apresentado para a imprensa pelo prefeito Colbert Filho, na manhã desta quinta-feira,22, na Sala de Reuniões do Paço Maria Quitéria. A nova sede da Secretaria de Educação contará com sete pavimentos, cada um com os seus respectivos departamentos,  um auditório para 350 lugares; um Centro de Formação Pedagógico com oito salas multiuso e de informática; dois auditórios com capacidade para  mil pessoas; salas de línguas, um edifício garagem com capacidade para estacionar 300 veículos. :: LEIA MAIS »

Distrito da Matinha receberá mais de R$ 480 mil em obras de pavimentação

Distrito da Matinha receberá mais de R$ 480 mil em obras de pavimentação

Foto: Washington Nery

A GB Construtora e Pavimentadora Ltda., terá seis meses para entregar os 8.800 metros quadrados de vias que serão pavimentadas a paralelepípedo no distrito da Matinha, obras que custarão aos cofres públicos R$ 480.300.98. O investimento na urbanização da Matinha é resultado de uma emenda parlamentar ao Orçamento da União, e da necessária contrapartida complementar dos recursos oriundos dos cofres da Prefeitura Municipal de Feira de Santana. A ordem de serviço para o início das obras foi dada pelo prefeito Colbert Martins Filho, na tarde desta quarta-feira, 21, em visita às artérias que serão beneficiadas na terra do samba de roda, terra da chula e do samba duro da Quixabeira da Matinha.

Iniciando pelo Jacu, Colbert Filho anunciou a pavimentação da rua Alfredo Nascimento, rua da Paz, rua do Campo, e a rua da estrada da distrito que é uma referência da música e da cultura regionais. “Estamos honrando com os nossos compromissos com o nosso município, e dando continuidade ao trabalho que foi iniciado por José Ronaldo. É o dinheiro público que estamos bem aplicando, e que pedimos a todos para zelar e fiscalizar as obras que estamos realizando”, disse Colbert. :: LEIA MAIS »

Secretário informa que nenhum aluno ficou fora da sala de aula

Secretário de Educação de Feira de Santana, Marcelo Neves - Foto Anderson Dias Site Política In Rosa

Secretário de Educação de Feira de Santana, Marcelo Neves – Foto Anderson Dias/site Política In Rosa

O secretário de Educação de Feira de Santana, Marcelo Neves, em entrevista ao programa Levante a Voz da Rádio Sociedade, comentou sobre as três escolas do Município que foram extintas. “Essa tática de publicar o fechamento das escolas é uma prática normal, pois é um ato formal que é uma exigência da nossa burocracia no sentido de colocarmos um ponto final na relação jurídica dessas escolas”, explicou.

De acordo com o secretário, as escolas não foram fechadas agora e tem escola que foi fechada há quatro anos. “Nenhum aluno ficou fora da sala de aula, nem sem escola, pelo contrário, eles foram para equipamentos melhores”, relatou.

Ainda de acordo com Marcelo, ainda há outras escolas que já foram fechadas e que estão organizando a documentação para poder fazer a publicação. Conforme o secretário, na prática essa publicação e outras que por ventura virão não terão impacto algum. “Quando a gente fecha uma escola é no sentido de otimizar a vida dos alunos, pois tem escolas na zona rural com duas salas de aula e algumas com menos de dez alunos. É economicamente inviável. São prédios antigos e muitas vezes com quarenta anos de construído. As escolas são agrupadas ou mudam de local”, finalizou.

Três escolas municipais são extintas em Feira de Santana

Educação

Educação

Através de um Decreto de Nº 11.190 publicado nesta quarta-feira (21), o prefeito de Feira de Santana Colbert Martins Filho extinguiu três escolas municipais. A justificativa é de que há falta de alunos e pela falta de espaços adequados para o desenvolvimento das atividades pedagógicas satisfatoriamente.

Foram extintas as seguintes escolas:

I – Escola Municipal Manoel Roseno Moreira, localizada no Alto dos Santos, Distrito de Tiquaruçu;

II – Escola Municipal Ovídio Freitas Souza, localizada na Fazenda Santa Bárbara, distrito de Bonfim de Feira;

III – Escola Municipal do Conjunto Viveiros, localizada na Via Principal C, nº 58, no Conjunto Viveiros.

O decreto diz ainda que os documentos e atos pertinentes às unidades escolares ficarão arquivados na Secretaria Municipal de Educação. Resta saber o que será feito com os poucos alunos que tinham nestas escolas.

Vereadora lamenta fim de isenção da taxa para segunda via de identidade

Vereadora Gerusa Sampaio

Vereadora Gerusa Sampaio (DEM)

A vereadora Gerusa Sampaio (DEM) em seu pronunciamento na sessão ordinária desta terça-feira (20), na Câmara Municipal de Feira de Santana, criticou o fim da isenção da taxa para a retirada da segunda via do Registro de Identidade (RG), benefício que era concedido para pessoas em vulnerabilidade ou em situação de rua. Gerusa informou que, agora, só receberão isenção pessoas com doenças crônicas ou mentais e idosos a partir de 65 anos. Ela lamentou a decisão do Estado, expondo a necessidade de proporcionar identificação para pessoas em situação de rua ou desabrigadas. “Infelizmente quando a corda arrebenta quem sofre é o mais fraco”, analisou.

De acordo com Gerusa Sampaio, esta decisão do Estado foi justificada com o argumento de contingenciamento de gastos. “O Governo Federal cortou verbas e o Estado decidiu seguir a lei ao pé da letra. O que eu percebo é uma falta de harmonia e divergências partidárias”, lamentou.

Levante a Voz - Todos contra a Dengue Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia