WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Vozes da Terra Gospel 2018

:: ‘Notícias Política de Feira de Santana’

“Targino colocou muito mais gente em evento do que o candidato a governador do DEM”, dispara Tourinho

Vereador Roberto Tourinho

Vereador Roberto Tourinho (PV)

O vereador Roberto Tourinho (PV) disse admirar ditados antigos e fez relação deles com a atual campanha para o Governo do Estado da Bahia. “Gosto muito do ditado dos mais velhos e têm dois que admiro: “Quem semeia vento colhe tempestade” e “Boa cama faz quem nela se deita”. Quero dizer que a situação de desespero do candidato do DEM nesta eleição é o reflexo destes dois ditados. Hoje, a discussão não é o resultado da eleição na Bahia e sim como será em Feira de Santana. Este é o comentário nos meios políticos. Sabe por quê? Porque boa cama faz quem nela se deita. Quem semeia vento colhe tempestade”, pontuou Tourinho.

Ainda no uso da tribuna,Tourinho comparou os eventos realizados pelo candidato a  Governo do Estado do DEM e do deputado Targino Machado, em uma casa de shows da cidade. “Targino, como candidato a deputado estadual, colocou muito mais gente no Prime do que o candidato ao Governo do Estado do DEM. Sabe por quê? Porque os correligionários do ex-prefeito cansaram. Estavam por ai dizendo do tratamento que receberam. Esta aí o resultado do que foi feito em Feira de Santana. O resultado de quem maltratou, de quem traiu. Pena que poucos têm a coragem de chegar a público e dizer”, observou.

Prefeitura diz que TCU não permite repasse de 150 milhões de reais da educação para professores

A Secretaria de Educação da Prefeitura de Feira de Santana presta esclarecimentos, aos pais dos alunos da rede municipal de ensino, e à comunidade, sobre a questão dos precatórios do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef). O assunto volta à tona nesta terça (25), quando os professores da rede municipal fazem uma paralisação de 24 horas, reclamando repasse, para ser distribuído com a categoria, de cerca de R$ 150 milhões. Municípios brasileiros encontram-se impedidos de efetuar qualquer pagamento a professores com recursos dos precatórios, conforme expressa o Tribunal de Contas da União (TCU), em acórdão de número 1962/2017.  Órgão federal responsável pela fiscalização da aplicação da verba, o TCU determina: “estão devidamente claras as razões pelas quais não deve ser observada a subvinculação do percentual de 60% (sessenta por cento) para fins de remuneração dos professores, e delas não se extrai qualquer contradição com as demais razões de decidir adotadas pelo Acórdão embargado”.

Em parecer, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) reforça a a tese do TCU: “Não se afigura, pois, coerente que, contrariando a legislação de regência e as metas e estratégias previstas no PNE, 60% de um montante exorbitante, que poderia ser destinado à melhoria do sistema de ensino no âmbito de uma determinada municipalidade, seja retido para favorecimento de determinados profissionais”. Para o FNDE, a destinação de tal volume de recursos aos profissionais do magistério, no caso das verbas de precatórios, “configuraria favorecimento pessoal momentâneo, não valorização abrangente e continuada da categoria”. Em Feira de Santana, a APLB ingressou com ação judicial pedindo o bloqueio de 60% dos recursos do Fundef na conta da Prefeitura – percentual que a entidade defende seja repassado aos professores e demais trabalhadores da educação. No entanto, a medida foi rejeitada pela Vara da Fazenda Pública e também pelo Tribunal de Justiça da Bahia, a quem a entidade recorreu. Nesta terça-feira, enquanto grande número de prefeituras ainda nem sabe como pagar a folha do mês de setembro, em todo o país em Feira de Santana o funcionalismo – incluindo os professores e demais profissionais da educação – já está com o salário em conta, podendo planejar o seu orçamento.

A secretária de Educação, Jayana Ribeiro, lamenta a paralisação das aulas: “estamos cumprindo com todas as nossas obrigações com os professores e esperamos que eles cumpram com o seu dever, de dar aula. As crianças não podem ser prejudicadas por motivações que não se justificam. Foge à nossa competência e poder de decisão, repassar 150 milhões de reais da educação para a categoria”. Jayana observa que professores da rede privada não recebem salários superiores aos seus colegas da rede municipal. No entanto, não se ouve falar em greve nas escolas particulares. A paralisação é algo que prejudica enormemente a milhares de crianças. Será cortado o ponto dos professores que não tenham comparecido ao trabalho no dia de hoje.

Jhonatas Monteiro, o Rasta, faz campanha corpo a corpo na Bahia

Jhonatas Monteiro ,o Rasta, faz campanha corpo a corpo na Bahia

Foto: Divulgação

A campanha do candidato a deputado estadual, Jhonatas Monteiro (PSOL), está sendo de corpo a corpo. Jhonatas está fazendo uma política do diálogo, com propostas e interação em todas as plataformas e espaços populares. O Rasta está nas ruas, nas feiras, conversando e apresentando propostas para uma nova política. Da mesma maneira ele diz fazer em outras cidades.

Meirelles cancela agenda em Feira de Santana

Henrique Meirelles

Henrique Meirelles (MDB)

Como foi publicado no site Política In Rosa, o candidato a Presidente da República, Henrique Meirelles (MDB), tinha uma extensa agenda nesta terça-feira (25) em Feira de Santana. Acontece que Meirelles a cancelou a sua vinda na cidade. A justificativa é que ele deveria voltar com urgência para São Paulo.

Henrique Meirelles estará em Feira de Santana

Henrique Meirelles

Henrique Meirelles (MDB)

O ex-ministro da Fazenda e candidato do MDB à Presidência da República, Henrique Meirelles, cumprirá uma extensa agenda na cidade de Feira de Santana nesta terça-feira (25). Entre palestras e visitas, Meirelles concederá uma entrevista coletiva à imprensa ao meio dia na Câmara de Dirigentes e Lojistas (CDL).

Confira a agenda do candidato:

10h- Chegada do candidato à presidência Henrique Meirelles, ao Dispensário Santana,
visita onde ele conhecerá o projeto, instalações, capela e posto de saúde. Será acompanhado pela irmã Rosa Aparecida. (Rua Vênus, 275, Jardim América)

11h- Início do evento na sede CDL Feira de Santana.
Auditório Principal – Encontro com lideranças, empresários e comerciantes (200 pessoas)
Sala Reservada 2º andar – Reunião com as mulheres e Dra. Vera (50 pessoas)

12h- Coletiva de Imprensa na CDL sala reservada no 2° andar

12:30h- Deslocamento para casa do Arcebispo – Praça Monsenhor Renato Galvão 70. (Praça da Matriz)

12:35h-Audiência com Arcebispo Metropolitano de Feira de Santana Dom Zanoni Dementino Castro.

13:30h- Encerramento da audiência

Feira de Santana se torna terceira no Nordeste em indicadores da saúde

Feira de Santana se torna terceira no Nordeste em indicadores da saúde

Foto: Divulgação

O desempenho na saúde é o grande destaque de Feira de Santana no ranking do Índice de Desafios da Gestão Municipal, o estudo da Macroplan envolvendo os 100 maiores municípios brasileiros entre os anos 2006 e 20116. A cidade foi a que mais avançou, no país, em indicadores como proporção de nascidos vivos e taxa de mortalidade infantil nesse período. Também cresceu no número de consultas pré-natal.

Segundo dados do IDGM, em 2006, primeiro ano da década em que o estudo foi realizado, o acesso de mães a sete ou mais consultas de pré-natal, em Feira de Santana, era de 35,8%. Naquela época, o município ocupava uma incômoda 90ª posição. De lá até 2016, avançou para o 9º lugar, chegando a em 2016 a proporção de 80,5%, sendo líder nesse quesito, em seu cluster. O destaque também veio para a redução da taxa de mortalidade infantil. A cada mil nascidos vivos o índice obtido em 20116 foi de 15,3. Em 2006 a taxa era 36,6.

Com a classificação 37ª, dentre os 100 municípios avaliados, Feira ocupa a terceira melhor posição do Nordeste nesse segmento, ultrapassando 15 capitais do Brasil. No estudo, a cidade ainda é apontada com potencial para chegar em 3º do cluster (agrupamento dos municípios) em termos de complexidade de gestão e disponibilidade de recursos). A redução das taxas de mortalidade infantil e por doenças crônicas, e o crescente acesso da população a consultas de pré-natal, elevaram Feira de Santana em 63 posições.

“Bancos dizem que tem um estoque grande”, diz Gerusa sobre papel térmico

Vereadora Gerusa Sampaio

Vereadora Gerusa Sampaio (DEM)

A vereadora Gerusa Sampaio (DEM) é autora de um projeto de lei na Câmara Municipal de Feira de Santana que proíbe a utilização de papel térmico por instituições bancárias, financeiras, de recibos, comprovantes e outros documentos que necessitem da guarda do consumidor por um período superior a um ano. Os bancos, por exemplo, continuam usando este material. A lei é de 2016. Questionada pelo site Política In Rosa sobre a sua aplicabilidade, Gerusa afirmou que já houve um avanço. Segundo a vereadora, as casas lotéricas não utilizam mais esse papel.

“Eles não usam mais aquele papel amarelo, que é tóxico. Eles usam o branco que é aquele que segura à impressão. Já tivemos reuniões com representantes de várias agencias bancárias de nossa cidade. Eles alegam que tem um grande estoque desse tipo de papel e que as próximas compras já serão com o papel apropriado. O Procon tem acompanhado e fiscalizado”, afirmou. Ainda segundo a vereadora, os bancos ainda não deram um prazo para o fim da utilização desse material. “Terei uma nova reunião com eles onde eles terão que assinar o Termo Ajustamento de Conduta (TAC)”, concluiu.

Residências terapêuticas de Feira de Santana são referência em todo o estado

Coordenadora de Saúde Mental, Robervânia Cunha

Coordenadora de Saúde Mental, Robervânia Cunha / Foto: Raylle Ketlly

Com acomodação semelhante a um hotel, as Residências Terapêuticas promovem assistência a 42 portadores de transtornos mentais. O serviço da Secretaria Municipal de Saúde conta com 11 unidades espalhadas pela cidade, sendo nove do tipo I, que comporta até oito residentes e duas que passam por reforma de adequação para tipo II, com capacidade para acolher mais pessoas. Destinadas a portadores de transtornos mentais que tiveram histórico de internação prolongada, mas apresentam condições de serem reinseridos na sociedade, as residências terapêuticas do município são referência de atendimento em toda Bahia desde a reforma psiquiátrica de 2003. A informação é da coordenadora de Saúde Mental, Robervânia Cunha. “Através das residências, os moradores contam com o acompanhamento de cuidadores, técnico de enfermagem, enfermeiro e médico. Eles têm direito a três refeições diárias fornecidas por um restaurante e podem escolher o cardápio do dia, recebendo até benefício para a compra de lanches, conforme a dieta”, ressalta.

O encaminhamento de pacientes é feito através de hospital psiquiátrico, que seleciona e passa a relação de nomes com possíveis candidatos e uma equipe de desinstitucionalização, responsável pela retirada da situação de interno, dá os encaminhamentos. “Os candidatos passam por processo de reabilitação para reaprender o convívio em sociedade, fazem uma visita ao futuro lar e passam o dia na residência para conhecer os moradores. Através desse contato, criam laços afetivos com a equipe e se habituam com a futura rotina”, explica Robervânia Cunha. As residências estão localizadas nos bairros: Brasília, Capuchinhos, Jomafa, Parque Getúlio Vargas, Ponto central, Queimadinha e Santa Mônica. A maioria dos candidatos são órfãos ou possuem famílias sem condições para mantê-los em casa. “Este é o nosso principal público”, ressalta.

“Não tem cabimento uma pesquisa tão descarada e mentirosa como essa”, dispara vereador

vereador Cadmiel Pereira

Vereador Cadmiel Pereira (PSC)

O vereador Cadmiel Pereira (PSC) questionou a legitimidade da pesquisa Ibope, que aponta José Ronaldo de Carvalho (DEM), candidato ao Governo do Estado, com 7% da intenção dos votos. O edil afirmou que a coligação irá solicitar auditoria para averiguação de irregularidades na referida pesquisa. “Não tem cabimento uma pesquisa tão descarada e mentirosa como essa. O crescimento de José Ronaldo no interior é visível. O povo quer mudança, quer o fim desse sentimento de sensação de insegurança. Em Feira de Santana as pessoas são inteligentes e sabem do trabalho de José Ronaldo e do seu compromisso com o bem estar do seu povo. De onde veio essa pesquisa do satanás?”, afirmou.

Vereadores defendem união dos aliados para ajudar Ronaldo

Ron do Povo e Fabiano da Van-montagem Política In Rosa

Ron do Povo e Fabiano da Van-montagem Política In Rosa

O vereador Ron do Povo (PTC) defendeu a união entre os aliados na manhã desta segunda-feira (19). Ron se referiu aos aliados do ex-prefeito de Feira de Santana José Ronaldo de Carvalho que apareceu muito abaixo do esperado nas últimas pesquisas divulgadas. “Estamos juntos marchando em prol da eleição de José Ronaldo para governador do nosso Estado. Mas, quantas pessoas têm cargos no Governo e não abraçaram a campanha dele? Parabenizo o colega vereador Cadmiel Pereira pelo discurso e reafirmo a importância de trabalharmos para o crescimento do nome de nosso futuro governador, José Ronaldo”, defendeu.

Esforços do grupo

O vereador Fabiano da Van (PPS) também se pronunciou. “Estamos vendo o esforço do nosso grupo buscando votos para José Ronaldo. Espero que esses cargos do Município possam abraçar a campanha dele ao Governo do Estado. Essa história de pesquisa não quer dizer nada, lembrem da história de Paulo Souto e Jaques Wagner. Estamos vendo o crescimento de José Ronaldo e vamos para o segundo turno”, afirmou.

Colbert Filho pretende criar mais duas novas bases do SAMU

Colbert Filho pretende criar mais duas novas bases do SAMU

Foto: ACM

O primeiro atendimento a partir da base do SAMU instalada no pátio da Prefeitura de Feira de Santana aconteceu por volta das 14h, cerca de quatro horas depois de ser entregue oficialmente pelo prefeito Colbert Filho na manhã desta terça-feira (18). A equipe foi prestar atendimento no Feira IX. O tempo gasto para chegar ao conjunto foi à metade, caso saísse da base do Ponto Central. “O tempo para que um paciente seja atendido pode significar vida ou óbito”, afirmou o prefeito, durante a inauguração da base. “Este espaço oferece melhores condições para que vidas sejam salvas”.

Colbert Filho, disse conhecer bem de perto das condições de atendimento numa ambulância. Disse ainda que está mantendo contatos e promovendo ajustes para anunciar duas novas bases do serviço: uma localizada na zona norte e outra na zona sul. Os pedidos de atendimentos ao SAMU, pelo telefone 192, localizadas em bairros próximos ao centro – como Rua Nova, Feira IX, Jardim Acácia, serão feitos pelos profissionais que ficarão na nova base. O serviço será prestado das 7h30 às 18h30, em todos os dias da semana.

A coordenadora do SAMU em Feira de Santana, Maísa Macedo, diz que o serviço descentralizado qualifica o atendimento, principalmente pelo fato de que a equipe precisa de pouco tempo para chegar ao local da chamada. “Vamos nos empenhar para chegar à área em até dez minutos”. A base do SAMU é a primeira inaugurada no processo de descentralização e focada na agilização deste tipo de atendimento. “A base vai possibilitar um ganho importante no tempo de resposta às chamadas”, diz a coordenadora. A localização permite que a equipe inicie o socorro no mais curto espaço de tempo.

A secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, disse que a nova base é um avanço para a saúde local e que vai facilitar o acesso dos usuários aos serviço. “Este tipo de atendimento vai ganhar muito em termos de mobilidade”. O SAMU local foi inaugurado em 2004.

“Colbert, abra o olho”, alerta João Bililiu

Vereador João Bililiu

Vereador João Bililiu (PPS)

O vereador João Bililiu (PPS), nitidamente indignado com a postura de determinados membros do Governo Municipal, fez um alerta ao prefeito municipal Colbert Martins da Silva Filho, durante pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, na sessão ordinária desta quarta-feira (19), na Câmara Municipal de Feira de Santana. Para o edil, o prefeito corre o risco de ser traído por seus subordinados. “Colbert, abra o olho. Está na hora de fazer uma reunião com os secretários e cargos do alto escalão do Governo para chamar a atenção para a necessidade de cada um vestir a camisa da administração municipal. Abra o olho antes para a casa não cair. Se tem alguém cansado, que se aposente e dê a vaga para outro que queria trabalhar. Prefeito, abra o olho para a serpente não lhe picar”, afirmou.

“Muito cara”, diz vereador sobre valor cobrado na tarifa de ônibus em Feira de Santana

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (PP)

O vereador Edvaldo Lima (PP) criticou o valor cobrado pela tarifa de ônibus em Feira de Santana. “É tão cara. A população paga muito caro para ser transportada. A tarifa de Salvador é R$ 3,70, e em Feira de Santana é R$ 3,80. Não tem como a população de Feira de Santana pagar esse valor absurdo”, pontuou. Ainda segundo o vereador, ao menos em Salvador os percursos são mais longos chegando até 29km. “Você sai do Tomba para Cidade Nova, 5 km, paga R$ 3,80. É uma discrepância. A população paga caro para ter um péssimo serviço”, analisou. Para finalizar, Edvaldo lembrou que retiraram os ônibus da zona rural e colocaram vans. “As vans não têm condição nenhuma de fazer esse transporte. Eu peço ao prefeito para verificar com muito carinho essa questão da retirada dos ônibus e buscar reduzir o valor da tarifa”, finalizou.

Secretário de Saúde dá autorização para licitação do Hospital Geral Clériston Andrade 2

Secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas

Secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas.

Nesta quarta-feira (19), às 8h30, o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, autoriza a licitação para construção do Hospital Geral Clériston Andrade 2 (HGCA 2). A assinatura do documento ocorrerá no auditório do HGCA, mesmo local da coletiva de imprensa.  Serão investidos cerca de R$ 48 milhões para a construção da nova unidade ao lado do prédio atual. O novo hospital contará com 40 leitos de terapia intensiva (UTI), centro cirúrgico com 11 salas, além de um serviço de Endoscopia Digestiva e serviço de Apoio Diagnóstico e Terapêutico, que ofertará exames e ações de diagnóstico e de terapia.

Fundação Hospitalar reinaugura laboratório; capacidade é 15% maior

Fundação Hospitalar reinaugura laboratório; capacidade é 15% maior

Foto: Washington Nery

A reforma e ampliação do Laboratório Rosângela Santana Falcão, da Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), é mais um passo importante dado pelo Governo Municipal para continuar melhorando o atendimento na saúde pública dos feirenses e de moradores de diversas cidades da região. O espaço totalmente modernizado foi reinaugurado pelo prefeito Colbert Martins Filho na noite da última quarta-feira, 12. Com atendimento médio mensal em torno de 33 mil exames, o Laboratório da Fundação Hospitalar, instalado em anexo do Hospital Inácia Pinto dos Santos – O Hospital da Mulher, passa a ter a capacidade de atendimento ampliada com as intervenções promovidas pelo Governo Municipal. Foram investidos em torno de R$ 270 mil com recursos próprios do Município para garantir atendimento pleno pelo SUS.

O prefeito Colbert Martins ressaltou a importância dos investimentos na saúde pública e observou que o laboratório do município possui grande confiabilidade. “Com certeza o SUS precisa cada vez mais ser melhorado”, afirmou o gestor, que também é médico por formação.

A diretora-presidente da Fundação Hospitalar, Gilberte Lucas, observou o crescimento contínuo no número de atendimento no laboratório. “Em 2013 foram 254.147 atendimentos. Em 2016 chegamos a 327.811 atendimentos e em 2018 já atendemos 195.767 pacientes somente no primeiro semestre. Agora com a ampliação, a expectativa é de podermos atender entre 10 a 15% mais”, frisou.

A secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, ressaltou a dedicação de cada funcionário ao Hospital da Mulher e ao Laboratório. “A saúde é isso, o amor de todos os funcionários ao hospital. Cada azulejo aqui nas paredes tem as mãos de todos os funcionários”.

A dedicação de 23 anos de vida ao Hospital Inácia Pinto dos Santos – O Hospital da Mulher, foi reconhecida pelo Governo Municipal de Feira de Santana com homenagem póstuma à auxiliar de enfermagem Rosângela Santana Falcão, que emprestou seu nome ao laboratório da Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), reinaugurado na noite desta quarta-feira, 12, após obras de ampliação e modernização.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia