WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Municípios’

Governo Municipal decreta luto de três dias pela morte do ex-prefeito Joselito Amorim

Foto: Bernardo Bezerra / Arquivo Secom

O Governo Municipal decretou luto oficial de três dias pela morte do ex-prefeito Joselito Falcão de Amorim, aos 101 anos de idade. Devido a complicações da Covid-19, ele estava internado em um hospital em Salvador. Na madrugada desta segunda-feira (05) não resistiu. Por ter sido vítima da Covid-19 não haverá velório. O corpo será sepultado no cemitério São Jorge, em Feira de Santana.

Joselito Amorim foi o sexto prefeito de Feira de Santana, governando entre 1964 e 1967. Durante sua gestão iniciou a construção do Estádio Joia da Princesa, abriu postos de saúde, construiu escolas. Também inaugurou equipamentos importantes para o município, como o Museu Regional, o Parque de Exposição João Martins da Silva, a Estação Rodoviária, a Biblioteca Municipal Arnold Ferreira da Silva e o Fórum Desembargador Filinto Bastos.

Sobre Joselito Amorim

Joselito Falcão de Amorim nasceu em Feira de Santana em 4 de setembro de 1919. Ele estudou na Escola Técnica do Comércio do Ginásio Santanópolis, formando-se em contador, em 1947. Depois de aluno, foi professor, diretor do internato, diretor do curso noturno, e inspetor do MEC para o curso de Contabilidade no Santanópolis. Como professor, lecionou Matemática. Além do Santanópolis, no Colégio Estadual e na Escola Normal. Era oficial do Exército, chegando a tenente. :: LEIA MAIS »

Vereador governista reclama de “difícil acesso” a secretários e superintendentes da Prefeitura de Feira

Vereador Edvaldo Lima

Vereador Edvaldo Lima (MDB)

O vereador Edvaldo Lima (MDB), em seu pronunciamento na semana passada, na Câmara Municipal de Feira de Santana, reclamou de não ter “acesso fácil” aos secretários e superintendentes da Prefeitura, na busca por solução de problemas que lhe são apresentados pela comunidade.

“Não consigo resolver nenhuma questão dentro do grupo de gestores do poder público, embora sejam do mesmo Governo que apoio”, criticou Edvaldo Lima, que é integrante da base do Governo Municipal no Legislativo feirense.

Para Edvaldo, o quadro desfavorece a população, que busca a sua intermediação com o Governo, para a resolução de demandas as mais diversas. “Evidentemente estas pessoas são frustradas em suas expectativas. Não quero tratamento privilegiado, mas a necessária, adequada para um representante legítimo da sociedade”. :: LEIA MAIS »

Para membros da Justiça Eleitoral, poder de polícia deve assegurar igualdade do pleito

Foto: Divulgação / TRE-BA

O poder de polícia busca inibir as propagandas eleitorais irregulares, mas tem o intuito maior de proteger a igualdade entre candidatos e o direito ao exercício do voto. A afirmação é da juíza Andremara dos Santos, titular das 17ª zona eleitoral – uma das responsáveis pelo poder de polícia nessas eleições. A magistrada presidiu a videoconferência realizada, nesta sexta-feira (2/10), com juízes, promotores, advogados, imprensa, partidos, representantes das polícias Federal, Civil e Militar, entre outros.

Cerca de 60 pessoas participaram da videoconferência, entre elas os juízes eleitorais de Salvador, também responsáveis pelo poder de polícia nessas eleições, Maria Helena Peixoto Mega (5ª ZE), Maurício Lima de Oliveira (11ª ZE) e o promotor de Justiça Marcelo Miranda, coordenador do Núcleo de Apoio às Promotorias de Justiça Eleitorais do Estado da Bahia (Nuel) do Ministério Público da Bahia (MP/BA). Estiveram presentes, ainda, o presidente da comissão de Segurança e Transporte do TRE-BA, Coronel Wilson Dultra; o secretário especial da Presidência, Victor Mesquita Xavier e a Secretária da Corregedoria, Thaís Habib.

Na ocasião, a juíza da 17ª zona eleitoral, Andremara dos Santos falou sobre o texto da Resolução nº 30/2020, que regulamenta o exercício do poder de polícia quanto aos atos de campanha que violem as normas eleitorais e as medidas sanitárias. “A atuação da Justiça Eleitoral é para assegurar a igualdade de quem concorre e a liberdade do eleitor de votar a quem lhe apetecer, sem ser pressionado a decidir”.

A magistrada ressaltou também que candidatos, filiados e todas as pessoas envolvidas no pleito não sacrifiquem a saúde dos eleitores. “Estamos em um contexto diferente e vimos hoje, aqui, apresentar informações, esclarecimentos e inspirar condutas, não só das regras eleitorais, mas especialmente do respeito às normas eleitorais nessa configuração atual que inclui a saúde dos eleitores”. :: LEIA MAIS »

Uefs abre inscrição para seleção de professor substituto

Foto: Divulgação / UEFS

A partir desta segunda-feira (05) estarão abertas as inscrições para Seleção Pública de Professor Substituto em Regime Especial de Direito Administrativo da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). Ao todo, quatro vagas estão sendo oferecidas, distribuídas entre os Departamentos de Saúde e de Tecnologia para atuação nos cursos de Graduação da Uefs.

Os candidatos devem ser graduados em curso de Nível Superior, de duração plena, com cursos de Pós-Graduação, e cada um só poderá se inscrever em apenas uma área de estudo. O processo seletivo será constituído das seguintes etapas: entrevista, prova de títulos e aula pública. :: LEIA MAIS »

Vacinação contra a Poliomielite e a Multivacinação começam nesta segunda-feira (05)

Foto: Divulgação / PMFS

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e a Multivacinação começam nesta segunda-feira (05). Deverão ser vacinadas contra a poliomielite crianças de até cinco anos. Já a Multivacinação acontece para que crianças e adolescentes menores de 15 anos possam atualizar a caderneta vacinal.

Para ser imunizado é necessário se dirigir a uma unidade de saúde portando documento de identidade, cartão SUS e a caderneta de vacinação.

“A ausência desses documentos não impede a vacinação”, ressalta a enfermeira coordenadora do Setor de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Simone Neves. O dia “D” de divulgação e mobilização nacional vai ocorrer em 17 de outubro.

Essa ação tem como objetivos reduzir o risco de reintrodução da Poliomielite no país, oportunizar o acesso às vacinas, atualizar a situação vacinal, aumentar as coberturas vacinais, diminuir a incidência das doenças imunopreveníveis e contribuir para o controle, eliminação e erradicação dessas doenças. :: LEIA MAIS »

Em agosto, Feira tem saldo positivo com 218 empregos formais criados

Feira de Santana

Feira de Santana – Foto: ACM

Em Feira de Santana, as contratações com carteira assinada em agosto foram pouco mais de quatro vezes maior do que a registrada em julho pelo Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego), órgão do governo federal.

Em agosto, o saldo positivo de novos postos formais de empregos foi de 218 – no mês passado 2.292 pessoas foram contratadas e aconteceram 2.074 demissões. Em julho, este número chegou a apenas 49. Em junho, foram 35. No trimestre foram gerados 302 empregos com carteira assinada.

A expectativa é de que, a partir da segunda quinzena deste mês, novas contratações sejam feitas, quando tradicionalmente são iniciadas as contratações temporárias para atender a demanda nas vendas do período do final de ano – inicialmente para o comércio e depois para o setor de serviços.

A retomada da economia e a permissão de funcionamento de setores produtivos, analisa o diretor da Casa do Trabalhador, Arlindo Marques, vai ser positivo nos próximos meses, no tocante à geração de empregos. :: LEIA MAIS »

Bahia é o único estado que não possui Delegacia Especializada em Combate à Corrupção

deputada estadual Talita Oliveira (PSL)

Deputada estadual Talita Oliveira (PSL) – Foto: Divulgação

No país, ao todo, existem 29 Delegacias de Polícia Especializada no Combate à Corrupção (DECCOR), espalhadas por 26 estados, de acordo com o Ministério da Justiça, a Bahia, no entanto, não faz parte desse grupo. A autarquia havia estipulado o prazo até o dia 14 de agosto deste ano para o envio do projeto de criação, com vistas ao recebimento de recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública, no entanto, nada foi feito pelo Governo do Estado, conforme divulgado pelo Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado da Bahia (ADPEB).

Na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), já tramita um projeto de lei que autoriza o Poder Executivo a criar a Delegacia de Polícia Especializada no Combate à Corrupção (DECCOR).

De acordo com o documento, a DECCOR, com sede em Salvador, teria como competência “adotar as providências de polícia judiciária destinadas à apuração dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em todo o estado da Bahia”.

A deputada estadual e autora da proposta, Talita Oliveira eleva o tom e afirma que “a Bahia está passando vergonha mediante a todos os estado da União”. “ Quando eu apresentei esse projeto, muitos disseram que não adianta enquanto a Polícia for comandada pelo governo. Vocês acham que se a delegacia especializada em combate à corrupção não representasse risco para o PT, o governo não teria feito uma? Eles vão perder R$ 1,3 milhão à toa? Vão perder a oportunidade de dizer que criaram uma delegacia?”, questiona. :: LEIA MAIS »

Eleições 2020: Zé Neto inaugura Comitê Central “A mudança que Feira Quer”

Foto: Divulgação / Ascom

“Este comitê será o espaço para que a gente possa somar ainda mais força a essa caminhada rumo a mudança que Feira Quer”. Assim Zé Neto, candidato a prefeito de Feira, inaugurou o comitê central de campanha majoritária na noite de quinta (1º/10), junto ao vice Roque Santos, aos vereadores, vereadoras e presidentes dos partidos que compõem a coligação: PT, PP, PDT, Avante e PCdoB, ao deputado federal Joseildo Ramos, ao deputado estadual Robinson Almeida e à ex-deputada estadual Eliana Boaventura. Diferente do habitual, por conta da Pandemia do Coronavírus, a inauguração contou com público reduzido, cumprindo com as normas sanitárias, sendo transmitida nas redes sociais.

Em seu discurso, Zé Neto também ressaltou que a cidade anseia por uma mudança de gestão e por mais cuidado. “Feira precisa de humanização, de gestão e de cuidado. Não há outro caminho, porque é este sentimento de mudança que estamos vendo na cidade. Os setores não são ouvidos como deveriam e como desejam; o povo também não. Portanto, é “sola de sapato”, coragem e determinação para podermos, juntos, com Roque, com os partidos e com toda a cidade, construirmos a mudança que Feira quer!”. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia