WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Atrações da Micareta 2019 SECOM - MICARETA DE FEIRA DE SANTANA

:: ‘Legislativo feirense’

Vereador denuncia insatisfação de funcionários das unidades de saúde

Vereador Zé Filé

Vereador Zé Filé (PROS)

O vereador Zé Filé (PROS) denunciou a insatisfação de trabalhadores da saúde de Feira de Santana. Segundo o vereador, o salário baixo é a principal reclamação. “Nos PSF’s as pessoas estão trabalhando insatisfeitas. Feira de Santana é o município que paga o pior salário aos profissionais da assistência social. Infelizmente, o desemprego é grande e essas pessoas se sujeitam a esse tipo de exploração”, afirmou.

Líder do Governo destaca fim da verba de subvenção

Vereador Lulinha

Vereador Lulinha (DEM)

“Esse é o último ano em que os vereadores vão poder destinar verba de subvenção para as entidades filantrópicas de Feira de Santana. São R$ 50 mil para ajudar associações e instituições que atuam na cidade”. A informação foi prestada pelo vereador e líder do Governo Lulinha (DEM), durante pronunciamento na sessão desta quarta-feira (31) na Câmara Municipal de Feira de Santana.

Em aparte, o vereador Alberto Nery (PT), ao lamentar a possibilidade de suspensão da liberação do recurso, informou que o prefeito municipal Colbert Martins da Silva Filho deverá se reunir com os vereadores para discutir o projeto que extingue o repasse de verba de subvenção para entidades filantrópicas. “Essa verba é de extrema importância. É preciso discutir antes de qualquer decisão”, ressaltou.

“Vá trabalhar e pare de fazer picuinha”, dispara Nery para Lulinha

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

Falando do edil Lulinha que é líder do Governo, o vereador Alberto Nery questionou quando ele reconhecerá que as eleições acabaram e que o povo da Bahia reconheceu o trabalho do governador Rui Costa. “Reconhece tanto que o reelegeu com 75,5% dos votos válidos. E ele insiste e ficar fazendo críticas e picuinha com o Governo do Estado. As eleições já passaram, Lulinha, vá trabalhar. Faça o seu trabalho. Bolsonaro ganhou no país, mas aqui na Bahia ganhamos. Em apenas quatro cidades do estado Bolsonaro ganhou. Aceite”, disparou.

Nery disse ainda que o PT reconheceu o resultado das urnas, não fará terceiro turno como Aécio Neves fez e fará oposição a Jair Bolsonaro. “Mas estou cansado de picuinhas. Às vezes me ausento da sessão porque se fala muita besteira aqui nessa tribuna e não tenho paciência de ouvir. Enquanto isso um colega seu, o vereador Gilmar Amorim (PSDC) cobra aqui a poda de uma árvore”, criticou.

Vereador reclama de situação da policlínica do Feira X e transferências para o Incardio

Vereador Isaías de Diogo

Vereador Isaías de Diogo (PSC)

O vereador Isaías de Diogo (PSC) reclamou da policlínica do conjunto Feira X. Segundo o vereador, apenas três salas da unidade possuem climatização. Isaías disse ainda que uma maca que deveria ser colocada em outro local, um pedido feito pelo prefeito Colbert Martins, não foi. “Nós estivemos lá mês passado e o senhor da gerente da unidade que relocasse a maca para que o paciente não caísse. A sua voz não ecoou porque a funcionaria que disse que ia mudar não mudou. Está do mesmo jeito. Está na hora prefeito da sua voz ecoar dentro das Secretarias”, afirmou.

Incardio

Isaías quer saber ainda o que está acontecendo com as transferências para o Incardio. Segundo o edil, as pessoas estão infartando e não conseguem ir para o local por causa de uma briga entre o DEM e o PT. “Existe uma briga de gestão e o povo está morrendo dentro das policlínicas e UPA’s. peço a comissão de Saúde da Casa para saber quantas pessoas foram transferidas para o Incardio que tem atendimento pelo SUS”, pediu.

Zé Filé pede que cooperados da Prefeitura de Feira de Santana recebam 13º salário

Vereador Zé Filé

Vereador Zé Filé (PROS)

O vereador Zé Filé (PROS) reivindicou o pagamento do 13º salário aos cooperados que prestam serviço à Prefeitura Municipal de Feira de Santana. O edil defendeu a igualdade de direitos no funcionalismo público no município, com a garantia de férias e demais benefícios para os trabalhadores contratados por meio das cooperativas. “Peço ao prefeito que pague o 13º dos cooperados, eles têm o mesmo direito dos funcionários que prestam serviço à prefeitura e recebem tudo aquilo que é assegurado ao trabalhador. Vocês acham isso justo? Está chegando o fim do ano, todos receberão salário a mais, só os cooperados não receberão”, reclamou, pedindo apoio aos colegas vereadores para reforçar a sua reivindicação através de indicações ao Executivo.

Filé ressaltou que o Município dispõe de recursos para arcar com as despesas. “Feira de Santana tem dinheiro para tudo, menos para pagar o salário dos cooperados. Do jeito que o prefeito faz, o povo não tem condições de comprar nada no fim de ano. Prefeito, mude esse governo. Vereadores, ajudem esse povo que necessita de uma renda que venha dar condições de comprar um chinelo para o filho. O salário do dia a dia não permite que comprem nada”, protestou.

Vereador diz: “Bolsonaro não é Deus”

vereador Isaías de Diogo

Vereador Isaías de Diogo (PSC)

O vereador Isaías de Diogo (PSC) comemorou a vitória de Jair Bolsonaro, eleito novo presidente da República e desejou sabedoria para o novo presidente do país. Mas alertou que ele não é Deus. “Estou muito feliz. O meu candidato alcançou a vitória. Mas, faço uma ressalva: devemos depositar toda a nossa esperança em Deus e não no homem, pois este pode falhar. Fico triste em ver muitas pessoas endeusando o candidato. Bolsonaro não é Deus. O momento não é para festejar. O momento é de ajoelhar e pedir ao Senhor que dê sabedoria ao novo presidente para governar a nação de forma justa. Não sejamos ingênuos a ponto de dizer que Bolsonaro não fará alianças políticas. É impossível um governante governar sozinho. Sejamos adultos e coerentes”, pediu.

“Não acredito em um projeto que faz apologia à violência”, diz Alberto Nery

Vereador Alberto Nery

Vereador Alberto Nery (PT)

Ao desejar ao presidente eleito Jair Bolsonaro um bom governo, o vereador Alberto Nery (PT) criticou o modelo de gestão pregado pelo futuro líder da nação, revelou decepção com os grandes medalhões das igrejas do país e desaprovou as propostas de redução da maioridade penal e mudanças no Estatuto do Desarmamento. “Não acredito em um projeto que faz apologia à violência. O novo presidente vai reunir sua equipe para mudar o Estatuto do Desarmamento e reduzir a maioridade penal. Mas, para isso, precisamos mudar a desigualdade social do país, dar oportunidade para esses jovens estudar e trabalhar. Punir um adolescente não é a solução”, refletiu.

Pastor Tom garante ser um deputado independente na Assembleia Legislativa da Bahia

Vereador Tom

Pastor Tom (PATRI)

O vereador e deputado eleito, Pastor Tom (Patriota), agradeceu aos colegas que o ajudaram na campanha eleitoral e garantiu que chegará à Assembléia Legislativa da Bahia na posição de deputado independente. O edil tratou também sobre seus encontros com o governador Rui Costa e garante que entra na Assembleia na posição de deputado independente e revelou que no segundo turno votou em Bolsonaro para Presidente. “Só quero reafirmar que ontem meu voto foi 17. Tomamos uma surra em Feira e na Bahia. Mesmo Bolsonaro sendo vitorioso, foi uma surra. É preciso rever a oposição na Bahia, que está muito fragilizada”, pontuou Tom.

“Quero agora falar da minha visita ao governador Rui Costa. Fui convidado por ele algumas vezes e fui, mas em nenhum momento aderi ao grupo dele. Chego à Assembleia independente. Ouvi o depoimento de Geilson, que foi para a base do Governo, e isso foi bom para mim. Não estou desesperado, estou pedindo muita tranquilidade a Deus para tomar a decisão correta”, afirmou.

Eremita fala sobre possibilidade de assumir o PSDB em Feira de Santana

Vereadora Eremita Mota

Vereadora Eremita Mota (PSDB)

A vereadora Eremita Mota (PSDB) questionada pelo site Política In Rosa sobre a sua possível ida para a presidência do PSDB de Feira de Santana, afirmou que sempre foi muito tranquila com os acontecimentos em sua vida pública. A vereadora lembrou a sua ascensão dentro do PSDB e a sua aproximação que tem com o presidente estadual do partido, o deputado federal João Gualberto, faz com que ela espere sempre o seu direcionamento. “Eu conversei com o presidente da Câmara de Feira de Santana e também vereador pelo PSDB, José Carneiro, e ele me disse que por ter mais amizade com João Gualberto provavelmente poderá ser eu a presidente municipal da legenda. Essa foi uma conversa de consenso com ele. Eu não gosto de adiantar nada. Geilson é deputado até o final de dezembro, ele tem a preferência por ser deputado e eu respeito isso. Vou aguardar. Ele foi para o lado do governador Rui Costa, mas ainda não saiu do partido. Eu não vou atropelar e adiantar nada. Vou esperar todo o processo acontecer naturalmente”, explicou.

João Gualberto

Eremita disse que conversou com o deputado João Gualberto pelo assunto e ele tem a mesma opinião que ela, que se deve esperar. Ainda segundo a vereadora, Gualberto disse ter ficado sentido com a saída de Geilson da oposição. “Não sei se eles conversaram, mas ele ficou sentido com a saída de Geilson porque ele gosta muito dele”, finalizou.

Presidente da Câmara fala sobre o 13º salário dos vereadores

Vereador José Carneiro (PSDB)

Vereador José Carneiro (PSDB)

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, José Carneiro (PSDB), garantiu que todos os vereadores irão receber o décimo terceiro salário este ano. “Assim como todo trabalhador brasileiro, todos os vereadores irão receber o décimo terceiro. Desde janeiro que estamos depositando um doze avos de verbas para agora em dezembro cada vereador receber o seu décimo terceiro”, disse ao site Política In Rosa.

Feira Livre do Tomba é preocupação para Luiz da Feira

Vereador Luiz da Feira

Vereador Luiz da Feira (PPL)

Ao constatar a situação da Feira Livre do bairro do Tomba, o vereador Luiz da Feira (PPL), reivindicou do Governo Municipal mais atenção para o local. “Peço que o prefeito Colbert Martins Filho tenha um olhar especial para a comunidade do bairro do Tomba, principalmente para a feirinha, que está necessitando urgente de intervenções nos banheiros, no mercado de carnes. Já estive com o prefeito três vezes e, até agora, nada foi feito”, reivindicou.

“Alguns vereadores não estão se sentindo bem com o vereador Lulinha como líder do Governo”

Zé Curuca e Lulinha-montagem Política In Rosa

Zé Curuca e Lulinha-montagem Política In Rosa

Apos mais uma confusão do líder do Governo, o vereador Lulinha (DEM), o vereador Zé Curuca (DEM) pediu a palavra e desabafou. Segundo Curuca, o comportamento de Lulinha está incomodando alguns colegas. “Alguns vereadores não estão se sentindo bem com o vereador Lulinha como líder do Governo”, afirmou Zé Curuca.

Lulinha não havia registrado a presença, fez a leitura da ata da sessão anterior e só quando pediu tempo para o horário das lideranças percebeu o erro. O presidente José Carneiro (PSDB) permitiu que Lulinha falasse, mesmo tendo pedido tempo enquanto não estava registrada a sua presença. Mesmo com a concessão Lulinha brigou com o presidente e os colegas.

“Não tenho nenhuma vaidade e nem interesse em disputar nada dentro do PSDB”, diz José Carneiro

José Carneiro

Vereador José Carneiro (PSDB)

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, José Carneiro Rocha (PSDB), falou ao site Política In Rosa se tem ou não a intenção de assumir a presidência do PSDB em Feira de Santana. Carneiro destacou que entrou no partido a convite do deputado estadual Carlos Geilson. “Aqui na Câmara eu e a vereadora Eremita Mota somos os componentes do partido. Eremita é muito próxima dos dirigentes do PSDB e pelo tempo que ela tem de partido acho que o caminho deve ser a própria assumir a sua presidência em Feira de Santana. Não tenho nenhuma vaidade sobre isso e também não tenho interesse em disputar absolutamente nada dentro do PSDB”, finalizou.

Pablo Roberto diz que decidirá ainda se retorna à Câmara

Secretário de Prevenção a Violência, Pablo Roberto-Foto Política In Rosa

Foto: Política In Rosa / Anderson Dias

O vereador licenciado e secretário de Prevenção a Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), Pablo Roberto (PHS), afirmou  ao site Política In Rosa que ainda não decidiu se retorna para Câmara ou continua na Secretaria que ocupa. “Estamos conversando. Deixamos para tomar essa decisão quando encerrar o segundo turno das eleições 2018. Na próxima semana irei sentar com o prefeito Colbert Martins Filho, com as pessoas do nosso grupo e a partir daí tomarei uma decisão”, disse.

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia