WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Entrevistas’

“A política é uma conveniência e a gente precisa ter substância para dar continuidade ao mandato”, diz vereador

Vereador Galeguinho SPA (PSB)

O vereador Galeguinho SPA (PSB), em entrevista ao site Política In Rosa, falou sobre a especulação de que ele poderia compor a base do governo Colbert Martins Filho (MDB) na Câmara Municipal de Feira de Santana. Galeguinho foi enfático. “Não tem nada definido. Sou um político independente. Fui eleito pelo PSB, que automaticamente é da base governo, mas ainda não tem nada definido”, disse.

Indagado se pretende conversar com o partido para tomar um posicionamento e se seria oposição ou situação, Galeguinho declarou que a política é uma conveniência e a gente precisa ter substância para dar continuidade ao mandato. “Se não tiver substância, é impossível. Fazer oposição por fazer também não tem lógica. O diálogo é o melhor caminho. A gente tem que deixar nossos interesses de lado e olhar o interesse da população. Não entrei na política para ser mais um. Não dependo da política. Para mim, a política é um meio de poder ajudar a população. Jamais vou colocar meus interesses acima dos da população”, declarou.

Meu lado é o do prefeito Colbert Martins, declara Luiz da Feira

Vereador Luiz da Feira (PROS) – Foto: site Política In Rosa / Anderson Dias

O vereador Luiz da Feira (PROS), que era um dos edis especulado como possível oposicionista na Câmara Municipal de Feira de Santana, disse ao site Política In Rosa que está na base do governo Colbert Martins Filho (MDB). “Estamos fazendo um grande trabalho junto com o prefeito. Hoje sou amigo do governador do Estado e do prefeito. Mas nós temos que ter lado. E meu lado é o do prefeito Colbert Martins Filho, pois juntos estamos fazendo um grande trabalho por nossa Feira de Santana”, disse.

Presidente da Câmara de Feira diz que implantação da Rádio e TV em canal aberto requer muito investimento

Fernando Torres (PSD)

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, Fernando Torres (PSD), foi entrevistado pelo site Política In Rosa e perguntado se tem interesse em implantar a TV Câmara em canal aberto ou a Rádio Câmara em FM. Torres foi enfático. “Soube que existe essa liberação do Ministério das Comunicações, mas isso requer muito investimento. Temos que analisar se vale a pena ou não a Câmara ter uma televisão. A Prefeitura vai ter o seu canal. Podemos fazer uma parceria com a Prefeitura e não ser uma TV só da Câmara. A gente pode também fazer uma parceria com a imprensa. Acho que para chegar a população não precisa ser dono de televisão, precisa ter uma parceria com aquele que chega a sociedade”, afirmou.

Torres finalizou dizendo que haverá debates no Legislativo feirense sobre o assunto. “Essa é a minha opinião. Pode ser que ela não esteja correta. Mas vamos ouvir a imprensa, ouvir a todos e, diante da opinião de todos, fazer o que for melhor para Câmara”.

ENERGIA SOLAR

Fernando Torres também falou sobre o projeto de implantação da energia solar no prédio sede e anexo do Legislativo. “A maioria dos locais públicos no Brasil está com esse projeto. Temos que colocar mesmo isso em prática. Esse ano vamos trabalhar para isso. É bom para a natureza e bom para os cofres da Câmara que, com o passar do tempo, a energia fica praticamente de graça. Isso vai ser importante na Casa”, concluiu.

“Isso nos preocupa muito”, diz vereador sobre aulas online

Vereador Professor Ivamberg – Foto: site Política In Rosa / Anderson Dias

O vereador Professor Ivamberg (PT) deu sua opinião ao site Política In Rosa sobre as aulas online ou presencial na Rede Municipal de Ensino. “O planejamento da Secretaria de Educação, inicialmente, seria totalmente online. Isso nos preocupa muito. Porque sabemos que a educação é direito de todos. E para retornar totalmente online, todos os lugares tem que ter internet e o aparato tecnológico para que o estudante possa ter contato com esse ensino totalmente online. E a gente sabe que não vai ter”, disse.

De acordo com Ivamberg, se é preciso que para a educação voltar tenha que ser totalmente online, é preciso também que todos tenham esse direito tenham o direito garantido pelo Governo de acesso à internet e os aparelhos necessários. “Só que não tem. Enquanto isso não for sanado, eu sou contra esse retorno. Porque vai estar excluindo ao invés de incluir”, declarou.

Ainda de acordo com o edil, antes de disponibilizarem o aparato tecnológico tem ainda que ter sinal em alguns locais da cidade. “Tem locais que não tem sinal. O problema é bem mais amplo do que levar um tablet ou um celular para que a escola funcione. Acho que a curto prazo isso não vai acontecer. Portanto, com tudo que já disse, vai ficar difícil iniciar nesse planejamento da Secretaria de Educação de começar totalmente online, depois semipresencial e por fim presencial”, finalizou.

Anunciado como novo secretário de Meio Ambiente, José Carneiro diz: “É mais um desafio em minha vida”

Vereador José Carneiro Rocha

Vereador José Carneiro Rocha (MDB)

O vereador José Carneiro Rocha (MDB) foi anunciado pelo prefeito Colbert Martins Filho como o mais novo secretário de Meio Ambiente. Em entrevista, disse ao site Política In Rosa que é mais um desafio em sua vida.

“Tenho uma história nessa cidade que todos conhecem e me orgulho dela. Me orgulho de ter superado todas as dificuldades que passei. Hoje o prefeito Colbert anunciou a minha nomeação numa Secretaria e para mim será um desafio. Estou esperançoso de poder retribuir essa confiança depositada com trabalho e dedicação. Acredito que empenho não vai faltar para que a gente possa dar a nossa parcela de contribuição ao governo Colbert e ao povo de Feira de Santana”, falou.

Gerusa Sampaio fala sobre suas expectativas a frente da Secretaria Extraordinária de Políticas para as Mulheres

Vereadora Gerusa Sampaio – Foto: Raphael Marques

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho (MDB), anunciou que a vereadora Gerusa Sampaio (DEM) será a nova secretária municipal Extraordinária de Políticas para as Mulheres. Com esse anúncio, o site Política In Rosa conversou com a agora vereadora licenciada sobre as suas expectativas a frente da pasta. Gerusa falou que será um desafio.

“É colocar em prática tudo aquilo que acredito, toda a nossa luta, toda a nossa militância. Quem me conhece sabe que sou persistente, incisiva e busco sempre elaborar leis de proteção para as mulheres. Enfim, sempre sonhei com isso. Parabenizo a sensibilidade do prefeito Colbert Martins em ter criado essa Secretaria. Vai ser difícil, vai. Vai ser desafiador, mas a mulher merece respeito e merece políticas públicas para que ela possa ser inserida de uma forma melhor no mercado de trabalho, para que ela não continue vítima de violência e calada porque tem medo muitas vezes de denunciar”, disse.

Gerusa informou que vai incentivar empoderamento de uma forma positiva. “Não é empoderar para brigar com o homem. A gente quer empoderar para ela sentir o seu valor. Então foi a única forma, para mim, de deixar essa Casa e dá um feedback ao meu eleitor. Estou saindo por uma causa justa e desafiadora”, declarou.

“Estou muito feliz com a decisão do prefeito”, declara Lulinha

Vereador Lulinha (DEM) – Foto: site Política In Rosa / Anderson Dias

Com a saída da vereadora Gerusa Sampaio (DEM) para ser secretária municipal Extraordinária de Políticas para as Mulheres, o primeiro suplente do Democratas, o vereador Lulinha (DEM) assumiu o mandato. Ele informou que ficou muito feliz com a decisão do prefeito.

“Era muito grande a expectativa em nosso grupo político e de muitas pessoas que estavam torcendo para meu retorno. Vou dar continuidade aos trabalhos e buscar melhorias tanto para sede quando zona rural de Feira de Santana. Irei continuar cobrando e buscando emendas federais para que possa ajudar o prefeito e, como ele mesmo já disse, vai ser um ano difícil com a redução dos impostos”, afirmou.

Ainda segundo Lulinha, será necessário a ajuda de muita gente e ele vai buscar ela com aqueles que foram votados na cidade trazendo recursos que ajudem na administração. “Tenho feito isso ao longo dos tempos e com fé em Deus vamos continuar cobrando. Já estou em conversa com o deputado federal José Nunes para que ele possa colocar algumas emendas para que possa fazer alguns benefícios em bairros e distritos de Feira de Santana”, externou ao site Política In Rosa.

Não é a meta da oposição iniciar os trabalhos criando CPI, declara Silvio Dias

Vereador Silvio Dias – Foto: site Política In Rosa / Anderson Dias

O vereador Silvio Dias (PT), em entrevista ao site Política In Rosa, declarou que não é a meta da oposição já iniciar os trabalhos na Câmara Municipal de Feira de Santana criando uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). “A CPI é algo a ser discutido em plenário. Tem tempo para isso. Não é nossa meta já iniciar os trabalhos criando CPI. Não é a meta da oposição”, declarou.

Segundo Silvio, as CPI’s acontecerão naturalmente nas conversas. “Se vierem a acontecer, serão em razão das conversas com os outros vereadores em um momento adequado. Mas não se pode confundir a não criação de uma CPI com a falta de fiscalização e investigação. A população de Feira de Santana pode ter certeza de que o grupo de oposição, formado pelo nosso mandato e o dos vereadores Ivamberg, Jhonatas Monteiro e Galeguinho SPA, terão como tônica principal no seus mandatos a fiscalização de como são conduzidas as políticas públicas do governo municipal na cidade”, disse.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia