WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-Expofeira2019

:: ‘Destaque2’

Prefeitura de Salvador recupera fontes luminosas; Investimento é de mais de R$ 1 milhão

Prefeitura de Salvador recupera fontes luminosas

Foto: Jefferson Peixoto

As fontes luminosas embelezam Salvador e atraem visitantes. Algumas delas remetem à história do período imperial, como a do Terreiro de Jesus, que fez parte do audacioso sistema da Companhia do Queimado – primeiro sistema de abastecimento de água encanada do país. Para preservar e recuperar esses pontos de visitação e história, a Prefeitura investiu R$1,6 milhão. A revitalização de seis fontes situadas na Praça da Piedade, duas no Campo Grande e nas praças Nossa Senhora da Luz, da Sé e do Terreiro de Jesus foi realizada pela Diretoria de Serviços de Iluminação Pública (Dsip), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). O órgão utilizou o que há de melhor em tecnologia para a revitalização desses espaços.

Segundo a Prefeitura, foram implantados 169 projetores em LED RGB, tecnologia que permite a alteração de cor simultânea, evita a penetração da água e é mais resistente a impactos e corrosão. As obras envolveram serviços de infraestrutura, iluminação, hidráulica, programação, circuito elétrico e de revitalização de pintura. Algumas dessas fontes, como a da Praça da Sé e Campo Grande, tiveram o material furtado. Portanto, foram instalados quadros novos, tanto de iluminação quanto de jato d’água. As salas de equipamentos das fontes agora contam com alarme sonoro, que é acionado em caso de invasão.

De acordo com a Prefeitura, além disso, a manutenção é feita diariamente com tratamento de água, lubrificação de equipamentos e bico. As fontes das praças da Sé e Nossa Senhora da Luz, além de luminosas, contam com trilha sonora a partir das 18h. A trilha se inicia com a Ave Maria e o movimento das águas é sincronizado com os ritmos musicais. “Estamos recuperando as fontes luminosas da cidade que fazem parte do patrimônio histórico de Salvador e, também, o monumento Mário Cravo. A intenção é de que estes equipamentos possam abrilhantar ainda mais a cidade neste mês de aniversário”, destaca o diretor de Iluminação Pública, Júnior Magalhães. :: LEIA MAIS »

Prefeito é multado em razão da acumulação irregular de cargos durante a gestão

Prefeito de Ichu, Carlos Santiago de Almeida

Prefeito de Ichu, Carlos Santiago de Almeida – Foto: Reprodução

Na sessão desta terça-feira (12), o Tribunal de Contas dos Municípios julgou parcialmente procedente o Termo de Ocorrência lavrado contra o prefeito de Ichu, Carlos Santiago de Almeida, em razão da acumulação irregular de cargos durante a gestão. O relator do processo, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o prefeito em R$5 mil. De acordo com o relatório, foi identificada a acumulação irregular de cargos pela servidora, Clarielza Bispo da Silva Santos, que atuava simultaneamente como técnica de enfermagem na Prefeitura de Ichu e na Prefeitura de Santa Bárbara. O gestor, por sua vez, afirmou em sua defesa que “ao tomar conhecimentos acerca de eventuais irregularidades envolvendo servidores públicos municipais, cuidou a municipalidade de promover a convocação de todos os funcionários listados pelo TCM para que, perante o município apresentassem a devida justificativa”.

Além disso, o gestor afirmou que “a funcionária em questão não exerce jornada de trabalho incompatível, tendo um regime de plantão em 30 horas para o município de Santa Bárbara e de 30 horas para o município de Ichu”. Ainda de acordo com o TCM, ao apresentar a documentação comprobatória da sua alegação, o gestor anexou aos autos uma declaração da Secretaria de Saúde do Município de Santa Bárbara, na qual afirma que a servidora Clarielza Bispo da Silva Santos, “exerce função de Técnica de Enfermagem no regime de plantão 24 horas. Totalizando 30 horas semanais”.

Segundo o TCM, “a escala de serviço anexada aos autos de forma comprobatória revelou que a servidora trabalha uma vez por semana com idêntico plantão de 48 horas, nos dias de quinta-feira, com carga horária semanal de 30 horas. Os argumentos não foram considerados suficientes, uma vez que a defesa sustenta que a servidora trabalharia 30 horas semanais, quando comprova documentalmente apenas 24 horas”. O TCM  disse que alertou o gestor acerca da necessidade de estabelecer rotinas periódicas de verificação, para evitar situações semelhantes de acumulação ilegal de cargos, empregos ou funções públicas entre os servidores municipais. Cabe recurso da decisão.

Força tarefa de combate a dengue pretende alcançar 126 mil imóveis de Feira

Força tarefa de combate a dengue pretende alcançar 126 mil imóveis de Feira

Foto: Raylle Ketlly

Uma força tarefa está sendo realizada pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde, para combater focos do Aedes Aegypti na cidade. De domingo a domingo, os agentes de endemias estão percorrendo as áreas com maior número de notificações. A expectativa é alcançar 126.690 mil imóveis até o dia 25 de março. “Iniciamos uma força tarefa que está trabalhando esses imóveis nas 21 áreas com maior número de notificações de dengue, de modo intensivo, durante 20 dias”, informa o coordenador de endemias, Edilson Matos. Os bairros e distritos trabalhados são: Lagoa Salgada, Santo Antônio dos Prazeres, Sim, Mangabeira, Brasília, Sitio Matias, Jardim Cruzeiro, Gabriela, Tomba, Feira X, Humildes, Viveiros, Maria Quitéria, Matinha, Asa Branca, Campo Limpo, Conceição I, Conceição II, Limoeiro, Pedra do Descanso e Queimadinha.

De acordo com Edilson, entre os meses de janeiro e fevereiro, os agentes de endemias estiveram tratando com larvicida e eliminando focos de 116.451 mil recipientes. Durante esse período também foi feito um novo levantamento do número de foco encontrado dentro das residências, o índice continua alto 85,08%. “A redução foi de apenas 2,42% comparado ao último levantamento do ano passado. Isso significa que a população precisa nos ajudar mais, fiscalizando os seus quintais e cuidando do ambiente onde vive”, alerta Edilson Matos.

Entre as principais irregularidades encontradas estão lixos em terrenos baldios, armazenamento incorreto de água, focos em poças d’água acumuladas em plásticos colocados por cima dos reservatórios, descarte incorreto de pneus e piscinas sem a devida limpeza. Para conscientizar as pessoas sobre a prevenção ao mosquito transmissor da dengue, a equipe de educação em saúde da Vigilância Epidemiológica tem acompanhando os agentes de endemias, agentes comunitários e técnicos do Núcleo Regional de Saúde Centro Leste, no trabalho nas localidades. “Nos reunimos semanalmente com o Gabinete da Dengue para traçar novas estratégias e fiscalizar o andamento do trabalho”, informa a secretária de Saúde, Denise Lima Mascarenhas.

Comissão de Finanças promoverá audiência sobre isenção de IPTU

Câmara Municipal de Itabuna

Câmara Municipal de Itabuna

A Comissão de Finanças quer ampliar o debate em torno da isenção do IPTU cobrado às indústrias instaladas no Polo Industrial de Itabuna. Para ouvir setores da sociedade, o colegiado fará audiência pública na quinta-feira (14), às 14h, a pedido da relatora da proposição, Charliane Sousa (PTB). Devem participar da audiência entidades de classe como CDL, ACI e Sindicom. O projeto de lei do Executivo libera, por dez anos, o pagamento do tributo no Polo. Conforme a proposta do Governo itabunense, a isenção será concedida observando-se requisitos como: prova de regularidade fiscal e previdenciária, quantitativo mínimo de 500 funcionários por empresa e novas contratações de empregados (aumento de 20% por ano). A renovação do benefício fiscal no decênio deverá ser requerida anualmente até 30 de novembro.

Nesta segunda-feira (11), durante a reunião das Comissões técnicas, devido à complexidade jurídica do tema (isenção de impostos), os vereadores avaliaram a necessidade de a matéria ser deliberada também pela Comissão de Legislação. De acordo com o Regimento, se a matéria for afeta a mais de uma Comissão, “cada uma delas dará o seu parecer em separado, manifestando-se em primeiro lugar a Comissão da Legislação e em último a de Finanças.” Com aquiescência da Mesa, porém, elas poderão reunir-se conjuntamente e proferir parecer único.

Prefeitura estabelece limites sonoros para a Micareta 2019

Prefeitura estabelece limites sonoros para a Micareta 2019

Foto: Jorge Magalhães

Com a proximidade da realização da Micareta de Feira de Santana (25 a 28 de abril), a Prefeitura fixou os limites de sons permitidos nos locais considerados Sítio de Festa. O decreto foi publicado no Diário oficial e a fiscalização durante a festa será realizada pelos agentes da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semmam). Para trios e carros de som, o volume máximo será de 110 decibéis. A medição deve ser feita nas laterais, com distância de 5 metros e altura de 1,5 metros do solo. Em locais como barracas e similares, o volume pode chegar até 85 decibéis. Em clubes, que tenham a liberação de alvará, o valor também é de até 85 decibéis, com medição de 5 metros de distância do limite do imóvel.

Em locais que não são considerados Sítios de Festa –  como os três citados – os valores de limites sonoros seguem os mesmos estabelecidos pelo Código de Meio Ambiente, que é de 80 decibéis, independe de ser período festivo na cidade. A desobediência dos limites sonoros pode acarretar em multa de R$15 mil, que será aplicada pela Semmam à entidade infratora. No caso de reincidência as penalidades serão em dobro, revertidas ao FUNDEMA – Fundo Municipal de Defesa do Meio Ambiente.

Núcleo de Línguas da Uefs oferece vagas para professores da Educação Básica

Núcleo de Línguas da Uefs oferece vagas para professores da Educação Básica

Foto: Divulgação

O Núcleo de Línguas do Programa Idioma sem Fronteiras (NucLi-isF) da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) está com inscrições abertas para cursos de línguas para Professores de Línguas Estrangeiras da Educação Básica, que atuam na Rede Pública de Ensino. As inscrições para os cursos presenciais podem ser feitas até as 12 horas da próxima quinta-feira (14), através do Site do Programa. É importante o preenchimento do formulário de inscrição. Para mais informações acesse o Edital ou envie e-mail para: uefs@programaisf.pro.br.

Políticas públicas resultam na redução do feminicídio

Políticas públicas resultam na redução do feminicídio em Feira

Foto: Divulgação

Políticas públicas fortalecidas com a manutenção de uma rede de proteção à mulher e campanhas de incentivo às denúncias contra atos de agressões já estão gerando resultados que sinalizam para a redução significante de alguns índices de formas de violência. O destaque fica por conta da queda do número de feminicídio, que passou de 21 casos registrados em 2011 para um caso em 2017. Mesmo com a redução do número de feminicídio praticado na cidade, os dados ainda são bastante preocupantes, o que motiva o Governo Municipal, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), e outros órgãos públicos a intensificarem as campanhas de conscientização para acabar com a violência contra a mulher e combater o machismo.

Conforme o secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, o Governo Municipal tem se empenhado para fazer frente a este grave problema que atinge a sociedade feirense, como em todo o Brasil. Ele ressalta que Feira de Santana é o único município entre as 417 cidades baianas a manter uma Casa Abrigo e um Centro de Referência, com uma equipe a serviço do enfrentamento à violência contra a mulher, formada por assistente social, advogada, psicóloga e pedagoga.

A rede de proteção à mulher em Feira de Santana é formada pelo Governo Municipal, através da Sedeso (Centro de Referância Maria Quitéria, CRAS, CREAS, Feira Produtiva, MCMV e Conselhos de direitos) e Guarda Municipal, dentre outros órgãos, além da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), Ministério Público, Defensoria Pública, PM, PRF, Justiça, Superintendência de Assistência Social do Governo do Estado e outros. Conforme dados da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), com comparativos entre os anos de 2011 a 2017, no tocante a violência contra a mulher, a situação ainda continua bem grave, com aumento dos índices de algumas formas de violência e tendências de queda em outros. As ocorrências diversas referentes a violência contra a mulher tiveram oscilação, mas com redução. Em 2011 foram registrados 5.775 casos, enquanto em 2013 caiu para 2.915, reduzindo novamente para 2.668 em 2015 e voltando a subir em 2017, com registro de 3.583 casos, ainda assim abaixo do registrado no primeiro ano de monitoramento. :: LEIA MAIS »

Associativismo torna o pequeno empreendedor mais competitivo, diz especialista

Associativismo torna o pequeno empreendedor mais competitivo, diz especialista

Foto: Washington Nery

Projeto exitoso que projetou pequenos empreendedores no mercado nacional, de forma competitiva unindo forças, o Empreender 2019/2020 é relançado em Feira de Santana. A ação foi marcada com palestra do economista e especialista em varejo Adriano Câmera, na noite de quarta-feira, 06, na sede da Associação Comercial e Empresarial, no bairro Kalilândia. A iniciativa é fruto da parceria entre o Sebrae, a Associação Comercial e Empresarial e o Governo Municipal de Feira de Santana, através da Secretaria do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec). Visa criar condições para que segmentos econômicos possam empreender através do associativismo. Representando o prefeito Colbert Martins Filho, o secretário de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior, enfatizou que o Empreender é o maior projeto existente no país para inovar e fazer com que o empresário não veja o outro como concorrente. “Caminhar juntos pode gerar mais benefícios”.

O palestrante Adriano Câmera explica que o Empreender fortalece o associativismo de impacto, reorientando empresários. “O associativismo é único meio que os micro e pequenos empreendedores possam diminuir as suas desvantagens com relação ao tamanho, aumentando o poder de barganha, dividindo resultados e acessando novas tecnologias. Assim eles podem dar um passo que jamais conseguiriam se fosse de forma individual”, afirmou. O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana, Marcelo Alexandrino, reafirmou o compromisso do projeto Empreender de buscar reunir empresários para fortalecer, através de conhecimento e soluções, focado em núcleos setoriais.

Já o gerente do Sebrae em Feira de Santana, Isailton Reis, observou que o pequeno negócio é responsável por 27% da riqueza do país e que representam mais de 90% dos negócios. Também esteve presente o presidente da Associação Comercial e Empresarial da Bahia, Clóves Cedraz.

Central Estadual de Regulação contabilizou mais de 2,1 mil atendimentos durante o Carnaval

Fábio Vilas-Boas

Fábio Vilas-Boas

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, informou que a Central Estadual de Regulação (CER) contabilizou mais de 2,1 mil atendimentos durante o Carnaval de Salvador. Fábio avaliou que a rede hospitalar e a Central têm se tornado cada vez mais eficientes. “Foram mais de 2,1 mil pacientes atendidos, sendo nove transferidos por UTI aérea e 83 por ambulâncias UTI”, detalha o secretário.

Segundo o secretário, um dos fatores decisivos para a evolução do trabalho da CER foi a Informatização do processo e o acompanhamento online de metas e indicadores. Contribuiu também a expansão da rede de atendimento. Durante o ano passado, foram implantados mais de 1 mil novos leitos hospitalares na Bahia, distribuídos em forma de rede direta, indireta e por meio de contratos. De acordo com Fábio, “outra ação que tem contribuído para a evolução do trabalho da CER é a desospitalização de pacientes crônicos, como estratégia para que se disponibilizem mais leitos para a população baiana. Com a implantação de leitos para a internação em domicílio, já foram retirados mais de mil pacientes dos hospitais, para que continuem o tratamento em casa”.

Em 2018, até o mês de dezembro, a Central registrou mais de 180 mil solicitações atendidas, número maior que o computado em todo ano de 2017. “Esse resultado só pode ser alcançado graças aos investimentos que o governador Rui Costa fez na estrutura da CER e também na expansão da rede de assistência, como a construção de novos hospitais”, pontua o secretário.

Semmam vai comemorar o Dia da Água com oficinas e exposição temática

Semmam vai comemorar o Dia da Água com oficinas e exposição temática

Foto: ACM

O Dia da Água (22 de março) será comemorado em Feira de Santana com uma programação entre os dias 18 a 22. As atividades da Semana Municipal da Água foram definidas pela Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semmam) e parceiros. No primeiro dia de atividade (18/03) haverá um evento na Escola Municipal Agrário de Oliveira Melo, no distrito Governador João Durval Carneiro (antigo Ipuaçu), com a realização de oficinas sobre as lagoas e rios que cortam a localidade – Cavaco, Aguiadas e Jacuípe.

A programação no dia 19 vai acontecer na Lagoa Grande, às margens da avenida Eduardo Fróes da Motta (Anel de Contorno), onde as áreas das nascentes serão cercadas com tela e o plantio de algumas espécies, como ingá, graviola e jenipapo. A atividade contará com a parceria da Conder (Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia). As comemorações terão continuidade no dia 20 no Colégio Estadual Edvaldo Boaventura, que também está localizado em Ipuaçu. Já no dia 22 as atividades vão ocorrer no Parque da Lagoa Radialista Erivaldo Cerqueira, às margens da avenida José Falcão, bairro Baraúnas, com a realização de tour assistido no entorno da Lagoa do Geladinho, apresentação teatral e exposição temática. A programação está prevista para ocorrer das 9h às 16h.

Nesse dia estão sendo aguardadas as presenças de estudantes de escolas das redes pública e privada.  O diretor do Departamento de Educação Ambiental, Hiram Freire, observa que esse público é disseminador de informações. “As atividades alusivas ao Dia da Água visam despertar e reforçar a importância em preservar os recursos hídricos”, afirma. A Semana Municipal da Água também terá a parceria da Embasa e do MovÁgua.

Começam em março audiências públicas para elaboração da LDO

Começam em março audiências públicas para elaboração da LDO

Foto: Washington Nery

Começa no dia 12 de março a sequência de audiências públicas nos distritos e sede do município para elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do exercício 2020. As datas foram publicadas no Diário Oficial na edição desta terça-feira, 26. O primeiro local a receber a comitiva da Secretaria de Planejamento será o distrito de Jaguara, na sede da Casa da Prefeitura, a partir das 9h. No mesmo dia, às 15h, a audiência será no distrito de Maria Quitéria, no Cras São José.

No dia 13 de março, pela manhã, o distrito de Humildes vai definir suas prioridades, na Biblioteca Municipal. À tarde, a audiência será realizada na Unidade de Saúde do distrito de Matinha. Os distritos de Tiquaruçu e Governador João Durval Carneiro (Ipuaçu) terão suas audiências no dia 14 de março. O primeiro pela manhã, no Centro de Desenvolvimento Comunitário José Gregorio. E o segundo na Creche Maria de Lourdes Almeida Machado, no período da tarde.

As Regiões Administrativas I, II e III da sede do município se reúnem às 8h30 do dia 15 de março. E as Regiões Administrativas IV e V debatem às 14h30. Ambas audiências serão realizadas no auditório da Secretaria de Saúde. Para encerrar o ciclo de audiências, no dia 19 de março, os moradores do distrito de Bonfim de Feira se reúnem na Escola Municipal Álvaro Pereira Boaventura, às 9h. E às 15h, será a vez do distrito de Jaíba, na Associação comunitária.

Prefeitura passa a fazer cadastro para o BPC

Prefeitura passa a fazer cadastro para o BPC

Secretário Ildes Ferreira – Foto: Divulgação

O Governo Municipal de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), passa a fazer o cadastro para o Benefício de Prestação Continuada (BPC). O serviço será iniciado a partir do mês de março, através da central do Programa Bolsa Família e, posteriormente, também em todos os 15 Centros de Referência em Assistência Social (CRAS). A iniciativa está sendo possível através de parceria entre a Sedeso e o INSS e foi definida na manhã desta terça-feira, 26, durante reunião entre o secretário Ildes Ferreira e o gerente regional do Instituto Nacional de Seguridade Social, Fernando Nunes de Oliveira, realizada na sede da secretaria.

O secretário Ildes Ferreira ressaltou a importância desta iniciativa para as pessoas que tanto necessitam do Benefício de Prestação Continuada. “A parceria diminui toda a burocracia e, consequentemente, o tempo de espera para ter acesso ao benefício. O objetivo é facilitar a vida de quem é amparado pela LOAS (Lei Orgânica de Assistência Social)”, afirmou. Logo após o Carnaval, o INSS vai promover treinamento de uma equipe de técnicos da central do Bolsa Família para realizar o atendimento aos beneficiários do BPC. Com a parceria, os beneficiários somente deverão ir ao INSS para realizar a avaliação social e a perícia para liberação do benefício.

Conforme a coordenadora do Bolsa Família, Danusa Rodrigues, além dos técnicos, a Sedeso também vai fornecer equipamentos e espaço para atendimento ao público. A expectativa é de atendimento entre 8 a 12 pessoas por dia. Durante a reunião também estiveram presentes o chefe de Gabinete da Sedeso, Carlos Leão; o diretor do Departamento de Proteção Social do Sistema Único de Assistência Social da Sedeso, Carlos Lacerda; a chefe Ingrid Gonzaga Campos e diretora do Departamento de Gestão do SUAS, Soneide Rios.

Carlito diz que viu caminhão carregado de verduras descarregando para diversos carrinhos de mão

Vereador Carlito do Peixe

Vereador Carlito do Peixe (DEM)

Falando sobre a feirante que esteve na Câmara Municipal de Feira de Santana reclamando que teve a sua mercadoria apreendida pelo rapa, o vereador Carlito do Peixe (DEM) fez a sua ponderação. Segundo o vereador, ele viu um caminhão na Rua Barão de Cotegipe carregado de verduras e descarregando para diversos carrinhos de mão que provavelmente andariam para o centro da cidade. Na opinião do vereador, aquele é um empresário que utiliza a mão de obra dessas pessoas para ganhar dinheiro. “É preciso investigar para saber o que é isso”, afirmou. A preocupação do vereador é como vai acontecer à revitalização do centro da cidade com cenas como essa acontecendo diariamente.

Colbert assina pedido de inscrição de Feira de Santana em programa da ONU

Colbert assina pedido de inscrição de Feira de Santana em programa da ONU

Foto: Abnner Kaique

Feira de Santana em breve vai fazer parte da campanha “Construindo Cidades Resilientes”, lançada em 2010 pelo Escritório das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres – UNISDR/ONU. O pedido de inscrição do município foi assinado pelo prefeito Colbert Martins Filho, nesta segunda-feira, 25, durante a abertura da Semana Municipal de Proteção e Defesa Civil. O evento está sendo realizado no auditório da Faculdade de Ciências e Tecnologias (FTC). Ao passar a fazer parte da campanha, o município entra nos programas estabelecidos pela ONU para que esteja preparado para eventos de origem natural ou tecnológica. Metas deverão ser cumpridas, através de ações e obras de infraestrutura, além de integração dos órgãos para que consiga o título de “Cidade Resiliente”. “Já temos muita coisa sendo realizada, a exemplo da Unamacs, cursos de preparação e os simulados. Estamos no caminho de construir. Precisamos de mais participação. Com essa inserção no programa, vamos dar um grande passo”, destacou o coordenador de Defesa Civil, Pedro Américo.

O prefeito Colbert Martins afirmou que todos os esforços estão sendo realizados para que Feira de Santana esteja preparada para agir caso aconteça algum tipo de desastre. Além do pedido de inserção no programa da ONU, o gestor municipal também assinou o projeto que organiza todas as atividades de Defesa Civil e Segurança Pública. O texto foi encaminha para a Câmara Municipal para apreciação do legislativo. Lembrando da recente tragédia ocorrida em Brumadinho, Minas Gerais, o prefeito destacou que a informação deve ser uma ferramenta fundamental. “Fiz questão de convocar os especialistas de tecnologias na gestão para participar. Nos Estados Unidos as pessoas são informadas de um possível evento natural antes mesmo dele acontecer. Podemos fazer isso também”.

Colbert completou afirmando que estar preparado é o ponto principal. “Sou muito religioso e acredito em Deus. Mas não basta só ter fé e pedir para não acontecer um desastre natural. É preciso estar pronto para que não aconteça o pior”. :: LEIA MAIS »

Câmara Municipal de Feira de Santana - Lado a Lado


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia