WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


PMFS-CRQM

:: ‘Destaque2’

Segunda Câmara do TCE desaprova contas de quatro convênios e imputa débitos

Segunda Câmara do TCE desaprova contas de quatro convênios e imputa débitos

Segunda Câmara do TCE

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) desaprovou, em sessão ordinária desta quarta-feira (10), as prestações de contas de quatro convênios firmados por prefeituras municipais com órgãos da administração estadual, imputando, ainda, débitos no valor total de R$ 174.176,74 a quatro dos cinco gestores responsáveis pela execução dos objetos conveniados. O maior valor imputado teve como responsável o ex-prefeito de Jitaúna, Adeilson Santos Barros, que será obrigado a devolver aos cofres públicos R$ 134.290,00, após atualização monetária e aplicação de juros de mora, em razão das irregularidades constatadas na execução do convênio 033/2004 (Processo TCE/001895/2007), firmado com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) para reforma e adequação de uma unidade de saúde.

Também foi desaprovada a prestação de contas do convênio 057/2005 (Processo TCE/003968/2006), firmado pela Secretaria do Trabalho, Assistência Social e Esporte (Setras) com a Prefeitura de Andaraí, com a imputação de débito de R$ 3.424,00 ao ex-prefeito Renato Costa e Silva e à Prefeitura Municipal (de forma solidária). Também devido às graves irregularidades, foi desaprovada a prestação de contas do convênio 190/2003 (Processo TCE/002154/2004), firmado pela Prefeitura de Cachoeira também com a Sesab, ficando o ex-prefeito Raimundo Bastos Leite obrigado a devolver aos cofres públicos a quantia de R$ 24.495,00.

Por fim, os conselheiros integrantes da Segunda Câmara decidiram pela desaprovação da prestação de contas do convênio 172/2008 (Processo TCE/003471/2012), firmado pela Prefeitura de Ubaitaba com a Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes). A desaprovação foi referente ao período de gestão do ex-prefeito Alexandre Negri de Almeida, que também foi condenado a devolver R$ 11.971,74 aos cofres públicos, sempre com a devida atualização monetária e aplicação de juros de mora.

Prefeito de Nordestina é multado pelo TCM por gastos excessivos com empresas

TCE E TCM

TCM

Na sessão desta terça-feira (09), o Tribunal de Contas dos Municípios julgou parcialmente procedente a denúncia pela irrazoabilidade de gastos com empresas de assessorias contábeis, jurídicas e de tecnologia de informação, ao longo do ano de 2017, pelo prefeito do município de Nordestina, Erivaldo Carvalho Soares. Por sugestão do relator do processo, conselheiro Raimundo Moreira, o pleno do TCM aplicou multa ao gestor no valor de R$6 mil. A denúncia formulada pelos vereadores Júlio Cavalcante de Almeida, Elino da Silva Oliveira e Valdir Oliveira Fraga ao TCM, apontou ilegalidades na contratação de empresas de assessoria e consultoria. De acordo com os denunciantes, ocorreram contratações diretas, através da inexigibilidade de licitação, onde o gestor violou os princípios da moralidade e da razoabilidade, em razão do excessivo número de contratações.

As contratações somam R$927.457,00, valor esse que, segundo o relator Raimundo Moreira, não pode ser considerado exorbitante. “Porém, chama a atenção o número de contratações para atividades semelhantes que, talvez, pudessem ser desempenhadas por um número menor de escritórios ou empresas do gênero, o que talvez conduzisse a possível redução de custos” – disse.

O Ministério Público de Contas opinou pela procedência da denúncia, com aplicação de multa e realização de auditoria para quantificar eventual dano ao erário. Além disso, sugeriu representação ao Ministério Publico Estadual, tendo em vista a burla ao dever de licitar. Todavia, o relator Raimundo Moreira considerou que os valores dos contratos – individualmente – não eram relevantes a ponto de requerer uma auditoria e posterior representação ao MPE. Cabe recurso da decisão.

Enem para pessoas privadas de liberdade muda de data

Enem 2018

Foto: Reprodução

Pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem-PPL) em uma nova data, nos dias 11 e 12 de dezembro. Inicialmente, a aplicação das provas estava prevista para 17 e 18 de dezembro. A mudança na data foi publicada na edição desta segunda-feira (8) do Diário Oficial da União (DOU). Destinado a pessoas maiores que estão em privação de liberdade, a prova pode ser usada para concorrer a uma vaga no ensino superior. Os que têm menos de 18 anos podem se valer das provas para autoavaliar seu desempenho e testar conhecimentos.

Como a prova regular, o Enem PPL também reúne questões sobre linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e ciências humanas e suas tecnologias; e também ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias.

Departamento de Iluminação Pública divulga programação de outubro para os distritos

Departamento de Iluminação Pública divulga programação de outubro para os distritos

Foto: Divulgação

Visando atender as demandas de iluminação pública dos oito distritos de Feira de Santana, a Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP) segue um planejamento operacional mensal, no qual é disponibilizado um carro por distrito com uma equipe formada por um motorista, um eletricista e um auxiliar de eletricista, que atende as orientações do administrador de cada localidade. Os trabalhos consistem principalmente na reposição de lâmpadas e instalação de braços de luz.

Segundo o secretário da pasta, Justiniano França, já foram atendidos de 1º a 4 deste mês, os distritos de Humildes e Tiquaruçu.  “Nos dias 05, 06 e 08, serão assistidos os distritos da Matinha e Bonfim de Feira; nos dias 09 e 11, Matinha e Governador João Durval Carneiro; no dia 13, Maria Quitéria e Governador João Durval Carneiro; no período de 15 a 19, as equipes do Departamento de Iluminação Pública prestarão serviços nos distritos de Maria Quitéria e Jaíba”, informou.

Justiniano acrescentou que, no dia 20, os atendimentos se concentrarão nas localidades de Maria Quitéria e Jaguara; nos dias 22 e 23, serão nos distritos de Humildes e Jaguara; no período de 24 a 26, em  Humildes e Tiquaruçu; no dia 27, as equipes do Departamento de Iluminação Pública atenderão Humildes e Matinha; no dia 29, o distrito da Matinha. Já nos dias 30 e 31, serão assistidas as regiões de Maria Quitéria e Governador João Durval Carneiro.

‘Energia com cidadania’ é implantado nas escolas de Itabuna

O-CAIC-Jorge-Amado-é-uma-das-escolas-onde-a-substituição-de-lâmpadas-já-aconteceu-Foto-Eric-Souza

Foto: Eric Souza

Um convênio celebrado entre a Prefeitura de Itabuna e a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (COELBA) está permitindo que escolas de Itabuna suscitem um consumo racionalizado de energia elétrica. O convênio, assinado no início do ano pelo prefeito Fernando Gomes, coloca a cidade de Itabuna e as escolas da Rede Municipal de Ensino num passo à frente na economia de energia elétrica. A assinatura dos termos de cooperação faz parte de um protocolo específico determinado pelo Projeto Energia Com Cidadania, que integra o Programa Anual de Eficiência Energética da COELBA, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Segundo Ana Christina Romano Mascarenhas, gerente de Eficiência Energética do Grupo Neoenergia (que detém o controle administrativo da COELBA), “no caso de instituições públicas, como as escolas, unidades de saúde e instituições sem fins lucrativos, o objetivo é potencializar os benefícios à população das comunidades atendidas, com a troca da iluminação existente por lâmpadas de led mais eficientes e econômicas”.

Para participar do projeto, a Prefeitura de Itabuna e a Secretaria Municipal da Educação precisaram atender a alguns critérios, a fim de que fosse permitida a substituição das lâmpadas: só puderam ser beneficiadas escolas que funcionam no turno da noite; a prefeitura precisou disponibilizar mão-de-obra para a instalação dos equipamentos doados pela COELBA; se responsabilizar pela substituição das lâmpadas, pela aquisição de insumos (soquetes, fita isolante, abraçadeiras, brocas, etc.); as escolas precisaram entregar à COELBA as lâmpadas substituídas, para descarte; permitir a realização de medições de consumo de energia e potência de equipamentos, visando quantificar a economia de energia a ser obtida; e representantes das unidades de ensino e da Secretaria da Educação participam de palestras sobre o projeto, conscientização sobre o uso eficiente e seguro da energia elétrica em data, horário e local previamente determinados. Inicialmente, 7 unidades de ensino de Itabuna estão tendo lâmpadas substituídas: as escolas Lourival Oliveira (Ferradas), CAIC Jorge Amado (Jardim Primavera), Flávio Simões (Califórnia), Everaldo Cardoso (São Caetano), Ewerton Chaloup (São Pedro), Lions Clube (Santo Antônio) e Frederico Smith (Urbis IV). :: LEIA MAIS »

68 mil consultas de pré-natal foram realizadas na Rede Municipal de Saúde nos últimos dois anos

68 mil consultas de pré-natal foram realizadas na Rede Municipal de Saúde nos últimos dois anos

Alessandra Magalhães – Foto Raylle Ketlly

Os cuidados com a saúde do bebê devem começar desde a descoberta da gestação. Assim, mães e famílias têm a disposição às consultas de pré-natal, onde recebem orientações para um desenvolvimento saudável da criança, com o acompanhamento da caderneta vacinal e a realização dos exames necessários. Em Feira de Santana, o pré-natal é feito através das 115 Equipes de Saúde da Família e pelas 13 Unidades Básicas de Saúde. Nos últimos dois anos, aproximadamente 68 mil consultas foram realizadas. Uma assistência completa fornecida gratuitamente durante toda a gravidez. “O Ministério da Saúde preconiza no mínimo sete consultas, distribuídas entre os profissionais: médico, enfermeiro e odontólogo. Por isso o ideal é que ao descobrir a gestação, de preferência no primeiro trimestre, essa gestante seja localizada pelo Agente Comunitário de Saúde para comparecer a Unidade”, ressalta a referência técnica em saúde da mulher, Alessandra Magalhães.

A fim de motivar a adesão completa do acompanhamento, os profissionais de saúde utilizam de estratégias para motivar as mamães. Na Unidade de Saúde da Família do Parque Getúlio Vargas, as usuárias que fizeram o pré-natal corretamente, conforme orienta o Ministério, foram presenteadas com um book fotográfico, com direito a maquiagem, cabeleireira e adereços. “Fazer esse ensaio fotográfico foi uma forma de estimular o cuidado com a saúde do bebê. Muitas mães que realizaram o pré-natal não têm condições de ter esse registro, então a ideia foi compensá-las por esse cuidado”, afirma a enfermeira Flávia Oliveira.

Para relembrar essas ocasiões, a enfermeira Flávia guarda na unidade um mural com fotos de todas as pacientes. “Durante o acompanhamento eu sempre coloco fotos delas em um mural na sala da unidade é uma forma de carinho e elas sempre visualizam ao retornar após o parto”, relata.

UEFS avança em desempenho no Ranking Universitário Folha

UEFS avança em desempenho no Ranking Universitário Folha

Foto: Divulgação

De acordo com pesquisa, a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) galgou várias posições, saindo do 63º para o 60º lugar no cenário nacional, obtendo a pontuação de 62,5. Entre as universidade públicas obteve a posição de número 51. Foram avaliadas 107 instituições públicas e 89 privadas. Nas avaliações específicas, que fazem parte do conceito geral do RUF, alguns cursos da Uefs se destacam nacionalmente. O curso de Enfermagem ocupa o 20º lugar, Farmácia o 22º, História o 28º e Odontologia o 21º. O curso de Agronomia é o 53º e avançou 61 posições em relação a 2015, tornando-se o segundo melhor avaliado da Bahia. Os cursos de Enfermagem, Farmácia, Física, História, Odontologia e Pedagogia estão posicionados como os melhores entre as universidades públicas estaduais da Bahia. E Administração, Agronomia, Biologia, Ciências Contábeis, Computação, Engenharia Civil, Geografia, Letras, Medicina e Química em segundo lugar neste ranking.

O reitor da Uefs, professor Evandro do Nascimento, encara os resultados com uma importante reflexão. “Apesar dos cortes orçamentários, da perda de docentes com titulação de mestre e doutor devido a aposentadorias, do impacto da redução de verbas de pesquisas oriundas da Capes, da Fapesb e do CNPq, a Uefs segue como uma universidade de boa reputação acadêmica. Mas é preciso fazer um alerta: essa situação adversa não sustentará essa reputação indefinidamente. É preciso reverter o ciclo recente de financiamento inferior ao necessário”, disse.

O ranking avalia, anualmente, os cursos de graduação de universidades e faculdades públicas e particulares de todo o Brasil com base em dados nacionais e internacionais, analisados nos seguintes aspectos: pesquisa, ensino, mercado, internacionalização e inovação.

Assinada OS para implantação da Policlínica Regional de Saúde em São Francisco do Conde

Assinada OS para implantação da Policlínica Regional de Saúde em São Francisco do Conde

Foto: Divulgação

O secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas Boas, assinou na manhã desta quarta-feira (03), em conjunto com o prefeito Evandro Almeida, a ordem de serviço para a implantação da Policlínica Regional de Saúde em São Francisco do Conde. Com investimento superior a R$ 10 milhões entre obras, equipamentos e mobiliário, a unidade ofertará assistência de média complexidade em diversas especialidades médicas e será referência para cerca de 270 mil habitantes da Região Metropolitana de Salvador. “Atualmente, oito policlínicas estão em funcionamento no interior da Bahia e outras nove estão em construção”, destacou Fábio.

Ministro anuncia início de mais um trecho das obras de duplicação da BR-116 Norte

Ministro dos Transportes, Valter Casimiro-foto Política In Rosa Anderson Dias

Ministro dos Transportes, Valter Casimiro-Foto Política In Rosa / Anderson Dias

Na manhã desta quarta-feira (03), o ministro dos Transportes, Valter Casimiro, anunciou no Gabinete do prefeito de Feira o início de mais um trecho das obras de duplicação da BR-116 Norte, entre os trechos Feira de Santana/Santa Bárbara/Serrinha. Após o anúncio, acompanhado do prefeito Colbert Martins Filho, o ministro visitou os trechos compreendidos entre os municípios de Serrinha e Santa Bárbara, onde as obras, iniciadas há alguns meses, já se encontram bastante avançadas. Valter Casimiro adiantou, na oportunidade, que deverão ser alocados novos recursos ao orçamento de 2019 da União, para a conclusão das obras.

Este novo lote das obras de duplicação da BR-116 Norte, decorre das inúmeras viagens empreendidas pelo prefeito Colbert Filho à Brasília, desde que assumiu o comando do Governo Municipal, em abril. Neste contexto também se encontra a sua luta pela duplicação do trecho Norte do Anel de Contorno de Feira de Santana (a Avenida Eduardo Fróes da Motta). Colbert Filho vem envidando esforços junto ao Ministério dos Transportes com vistas a liberação de recursos para a requalificação da via de acesso ao bairro Viveiros, “que se tornou complicado, desde as obras de duplicação do trecho Sul do Anel de Contorno”, pontuou o prefeito.

Professores pedem apoio dos vereadores à pauta de reivindicações da categoria

Professores pedem apoio dos vereadores à pauta de reivindicações da categoria

Foto: Diretora da APLB Feira, Marlede Oliveira.

Na manhã desta quarta-feira (03), os trabalhadores em educação da Rede Municipal estiveram na Câmara Municipal de Feira de Santana e acompanharam o discurso da diretora da APLB Feira, Marlede Oliveira no uso da tribuna livre da Casa. A diretora discursou sobre a pauta da categoria, que compreende a alteração de carga horária de todos os professores que solicitaram em 2016, 2017 e 2018, o Plano de Carreira Unificado e o Convênio com o IFBA do Profuncionário.

E por fim discursou sobre os Precatórios do FUNDEF, solicitando o apoio dos vereadores da casa, na luta dos trabalhadores em educação pelos direito aos 60% dos recursos, no valor de R$ 248 milhões que já se encontra nos cofres do Município. A diretora da APLB Feira, também propôs que fosse realizada uma audiência pública na Câmara, juntamente com os vereadores, trabalhadores em educação e OAB de Feira de Santana para esclarecimentos e discussões sobre os recursos do Precatório. O presidente da Comissão de Educação da Câmara, Ron do Povo, irá requerer através de ofício, a realização da referida audiência. Assim que for marcada a data da audiência APLB Feira irá convocar todos os trabalhadores para participarem.

Governo do Estado e cooperativas se unem para fortalecer a agricultura familiar na Bahia

Governo do Estado e cooperativas se unem para fortalecer a agricultura familiar na Bahia

Foto: Divulgação

A Cooperativa de Desenvolvimento Territorial (COOPERAST), vencedora de um dos editais da Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (BAHIATER), unidade da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e, responsável pelas famílias atendidas pelos serviços de assistência técnica e extensão rural (ATER), recebeu em sua sede em Itabuna, no dia 28 de setembro de 2018 a superintendente da BAHIATER Célia Hissae Watanabe, que realizou um balanço sobre o fortalecimento da agricultura familiar na Bahia.

Célia explica que, o fortalecimento da Agricultura Familiar presente na BAHIATER hoje, atua em três formas distintas. A primeira forma de atuação são com equipes próprias, a segunda com o apoio das instituições parceiras, nas quais a COOPERAST está inserida, e a terceira com o auxílio dos municípios através das secretarias municipais de agricultura, que investem na questão qualitativa das equipes técnicas, e dos agricultores familiares, com o proposito de melhor atender os territórios, e fazer valer as metodologias da ATER. Os diferentes biomas no território baiano, Cerrado, Mata Atlântica e Caatinga, promovem a necessidade de contratação de parceria presente nos territórios específicos, para que a ATER esteja o mais contextualizada possível da realidade do campo local. Por isso, a superintendente avalia como positiva essa interação entre as instituições parceiras, e a BAHIATER, e ressalta a importância dessa relação de pertencimento ao campo da Agricultura Familiar dessas instituições parceiras, onde muitas delas são representativas em seus territórios de atuação.

Célia Hissae conclui que, as perspectivas futuras são bem otimistas sobre as parcerias, pois o governo estadual está cada vez mais engajado na missão de fortalecimento da Agricultura Familiar. A exemplo disso, o governador Rui Costa se nomeou como o garoto propaganda da Agricultura Familiar, propagando esta ideia por todas as cidades por onde visita. De maneira descontraída, Célia encerra dizendo que: “diante dessa realidade, tenho certeza que  faremos de um limão, várias limonadas a partir 2019”.

Incra tem menos de 120 dias para iniciar processo de titulação de área quilombola em Praia do Forte

Incra tem menos de 120 dias para iniciar processo de titulação de área quilombola em Praia do Forte

Arte: Secom / MPF

A pedido do Ministério Público Federal (MPF), a Justiça Federal na Bahia concedeu medida liminar, em 27 agosto, determinando que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) inicie, no prazo de 120 dias, o processo de titulação de área quilombola em Praia do Forte, no município de Mata de São João (BA). A autarquia deverá compor equipe técnica e dar início à confecção do Relatório de Identificação e Delimitação (RTID) do território relativo às comunidades quilombolas de Tapera, suas adjacências (Varginha, Cobocó, Beira do Rio, Tanque e Pojuquinha) e Pau Grande de Baixo.

Entenda o caso – Em 2005, as comunidades da região foram certificadas como remanescentes de quilombos pela Fundação Palmares – requisito fundamental para garantir os direitos de titulação territorial. No ano seguinte, o Incra instaurou processo para dar início à regularização fundiária do local. No entanto, em 2007, o processo foi suspenso por conta das intensas ameaças e agressões sofridas pela comunidade, fruto da especulação imobiliária e do avanço das atividades turísticas na região. Em visita realizada pela equipe de antropologia do MPF, em janeiro deste ano, os moradores das comunidades relataram que continuam enfrentando diversas dificuldades na manutenção de suas terras. Além da comercialização irregular de seu território, eles costumam ser impedidos de plantar e colher, têm suas casas destruídas e cercas derrubadas. Em fevereiro de 2018, o Incra afirmou ter realizado diligências nas terras para dar continuidade ao processo de regularização e que seriam retomados os procedimentos de elaboração das peças que compõem o RTID. Contudo, alegou que ainda não havia elaborado um cronograma para a confecção do relatório e para a formação de equipe técnica por conta do reduzido quadro de servidores e da complexidade inerente a um processo de regularização fundiária. Para o MPF, as informações passadas pelo instituto demonstraram que a autarquia não faria, a curto prazo, a titulação das propriedades.

Segundo o MPF, apesar de instaurar processo administrativo em 2006, o Incra nem sequer concluiu as etapas iniciais para a regularização da área quilombola. A confecção do RTID é a primeira etapa do processo regulatório, que ainda requer recepção, análise e julgamento de eventuais contestações; aprovação definitiva do relatório e publicação da portaria de reconhecimento que declara os limites do território quilombola; desintrusão de ocupantes não quilombolas mediante desapropriação e/ou pagamento de indenização e demarcação do território; concessão do título de propriedade coletiva à comunidade. De acordo com a ação, assinada pela procuradora da República Vanessa Previtera, além de comprometer o estabelecimento da identidade cultural dos quilombolas e o exercício de atividades econômicas sobre a terra, a omissão da autarquia fomenta a ocorrência de conflitos pela posse das terras, em prejuízo à comunidade.“Se não forem adotadas providências urgentes a fim de promover imediatamente a regularização fundiária das comunidades, corre-se o risco de as populações quilombolas não mais existirem num futuro próximo, tendo em vista a expansão turística e imobiliária realizada atualmente na Praia do Forte”, destacam os órgãos na ação. :: LEIA MAIS »

Outubro Rosa: 100 vagas para exames preventivos serão ofertadas diariamente no CMPC

Outubro Rosa 100 vagas para exames preventivos serão ofertadas diariamente no CMPC

Foto: Divulgação

Atender 100 mulheres diariamente durante o mês de alerta para a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero. Essa é a meta da campanha Outubro Rosa aberta nesta segunda-feira, 1º, pela Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS) no Centro Municipal de Prevenção ao Câncer Romilda Maltez (CMPC). Uma equipe médica especializada realizará o atendimento de mulheres que passarão por triagem para marcação de exame preventivo, ultrassom transvaginal e mamografia, além de exames laboratoriais. De segunda a sexta, o agendamento poderá ser realizado no CMPC das 7h às 12h e das 14h às 17h. “Todo o acompanhamento será realizado aqui [CMPC]. A paciente com mamografia agendada será encaminhada para realização do exame no CMDI [Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem (CMDI) Dr. Eugênio Laurine]. Já os exames laboratoriais marcados serão coletados no novo laboratório de análises clínicas do Hospital da Mulher”, explica Kênia Lasse, coordenadora da unidade de saúde.

Segundo Gilberte Lucas, presidente da FHFS, especialmente neste período de campanha, a comunidade que necessitar deste tipo de atendimento não terá que agendar exames pela Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). “O nosso objetivo é ampliar e facilitar o acesso da comunidade a exames de prevenção contra os cânceres de mama e de colo de útero, bem como superar a meta do ano anterior de duas mil mulheres atendidas”, explica. A gestora ressalta que paralelamente à campanha Outubro Rosa todos os outros serviços continuarão sendo ofertados nos centros municipais de saúde, a exemplo de atendimento clínico com consultas a especialistas (mastologista e oncologista).

A manhã de abertura do Outubro Rosa da Fundação Hospitalar de Feira de Santana foi marcada por dinâmicas, rodas de conversa e palestra com a temática ‘Por um mundo mais rosa. Eu me cuido!’. A equipe técnica do CMPC, formada por psicólogas, enfermeiras e assistentes sociais conscientizaram as mulheres para a necessidade de se conhecer, se observar e atenção para a qualquer mudança no seio, como vermelhidão, abaulamentos ou retrações da pele, descamação da pele da aréola/mamilo, inversão recente do mamilo, ulcerações, nódulos palpáveis endurecidos ou fixos (nas mamas e/ou axilas), espessamentos palpáveis, secreções preocupantes (sangue ou transparente como água). “O ideal é fazer o autoexame uma vez por mês, de 5 a 7 dias depois da menstruação, ou um dia fixo para quem não menstrua”, explica a psicóloga Ana Regina Gonçalves.

O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. Segundo dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer José Alencar da Silva) estimam-se no Brasil 59.700 casos novos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres. Na Região Nordeste esse tipo de câncer é o mais frequente em 40,36 para cada 100 mil. Durante a abertura, Giberte Lucas ressaltou os investimentos feitos com recursos próprios do município na ordem de R$ 250 mil no CMPC. Foram adquiridos equipamentos como mesa ginecológica com acionamento elétrico, videocolposcópio, bisturi elétrico e automatizada, além de ultrassom. “A gestão municipal consegue atender a comunidade que busca tratamento com agilidade e qualidade no atendimento, principalmente neste período que aumenta a procura”, explica a gestora.

CÂMARA DE VEREADORES_somos parceiro_banner de site Política in Rosa - 500x500 gif


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia